Os efeitos da música sobre o exercício


Pesquisa é publicada em periódico internacional

A recuperação do sistema cardiovascular após uma sessão de exercício fornece importantes informações acerca das chances da pessoa desenvolver problemas do coração. Um estudo publicado pelo grupo da Unesp de Presidente Prudente e Marília, em parceria com a Oxford Brookes University (Inglaterra), na revista Science & Sports, verificou os efeitos da música sobre o exercício.

Foram analisados 25 indivíduos saudáveis e fisicamente ativos. Fumantes, alcoólatras, indivíduos com doenças cardiovasculares, respiratórias ou neurológicas conhecidas ou com lesão musculoesquelética que impedissem a realização dos protocolos de exercício não participaram.

Os voluntários realizaram dois protocolos de exercício moderado, consistindo de 15 minutos de repouso, 30 minutos de exercício em uma esteira, seguido de 60 minutos de recuperação após o exercício. No protocolo com música, os voluntários realizaram os mesmos procedimentos e ouviram música com fone de ouvido durante e após o exercício.

As músicas foram: Chopin — Nocturne, Op 9 No. 2 in E-FlatMajor; Schubert - Serenade ‘‘Leise Flehen Meine Lieber’’;Chopin — Piano Prelude No. 15 ‘‘Raindrop’’; Beethoven —Piano Sonata Op 13 Adagio II; Chopin — Waltz Op 69 No. 1in A Flat Major; Bach — Violin concerto in E Major Adagio;Mozart — Piano Concerto No. 21; Chopin — Prelude, Op 28 No.17 in A Major; Debussy — Clair de Lune; Schubert — MomentMusical Op 94 D.780 No. 1 in C Major; Liszt — Liebesträumein A—Flat Major, Dreams of Love; Chopin — Prelude, Op 28No. 6 in b Minor, Bach — Solo Cello Suite Prelude Number 6;Chopin — Nocturne Op 15 No. 2; Bach — Suite for OrchestraNo. 3 ‘‘Air on the G String’’; Chopin — Nocturne, Op 27 No. 2 in D Flat Major; Mozart — Eine Kleine Nacht II; Chopin —Nocturne Op 9 No. 1 in B flat minor; Beethoven — Fur Elise;Schumann — Scenes from Childhood Op 15 Von fremden Län-der und Menschen; Beethoven — ‘‘Moonlight Sonata’’ PianoSonata No. 14 in C-Sharp Minor, Op 27 I. Adagio.

Como principal achado, os pesquisadores mostraram que a música acelerou a recuperação da frequência cardíaca e a pressão arterial após o exercício, o que evidencia efeitos positivos da música durante e após o exercício.

Vídeo explicativo



Link do artigo: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0765159718300030?via%3Dihub
Contato do pesquisador: vitor.valenti@marilia.unesp.br
Armindo Guimarães

Sobre o autor

Armindo Guimarães - Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins e Escriva das coisas da Vida e da Alma. Administrador, Editor e Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre o autor...

Compartilhar Google Plus
    Comentários

1 comentários :

  1. Música é bom demais....quem nunca experimentou uma sensação de leveza e bem estar ao ouvir uma música que lhe toca a alma, fazendo você ficar como se estivesse flutuando,num estado mental extasiante?Amo música! Meu amigo Armindo vc sempre com essas matérias sensacionais... obrigado! bjoss

    ResponderEliminar