ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

3/26/2020

Fundo Emergencial para Saúde-Coronavírus Brasil convoca população a doar para compra de suprimentos para sistema público de saúde

IDIS, Movimento Bem Maior e BSocial criaram uma forma rápida, fácil e confiável para as pessoas doarem para hospitais beneficentes e instituições de ciência e tecnologia

O combate ao Coronavírus extrapola ações governamentais e superar a pandemia depende de um compromisso de toda sociedade, exigindo articulação entre os setores público, privado e organizações da sociedade civil. 

IDIS, Movimento Bem Maior e Bsocial, com o apoio de outras lideranças da Cultura de Doação no Brasil, se uniram para criar o ‘Fundo Emergencial para a Saúde - Coronavírus Brasil’ para receber doações de qualquer quantia, que serão encaminhadas para instituições em posição estratégica no sistema de saúde do País. 

Inicialmente, as entidades beneficiárias do Fundo são as seguintes: 

  . Fiocruz 
  . Hospital das Clínicas de São Paulo 
  . Santa Casa de São Paulo 
  . Comunitas (organização que está adquirindo respiradores a serem entregues aos hospitais do SUS) 

Outros beneficiários podem ser agregados posteriormente. As doações serão revertidas em: 

➢ Respiradores 
➢ Testes para diagnóstico de infecção por Coronavírus 
➢ Equipamentos para UTI (cardioversores, aspiradores de secreção, monitores, etc.)  
➢ Equipamentos hospitalares (cadeiras de rodas, camas, macas, etc.)
➢ Materiais para médicos e enfermeiros (aventais, máscaras, toucas, luvas, etc.) 
➢ Medicamentos 

Sempre respeitando lista de prioridades previamente aprovada com as instituições e com posterior prestação de contas. 

“Em momentos de crise a gente sente, também, o melhor da sociedade. O Hospital das Clínicas de São Paulo se preparou para esse momento, mas todo o apoio é necessário para garantir que a gente consiga cumprir nossa missão e atender a população da melhor forma possível. Ações como essa doação mostram como nossa sociedade é solidária. Assim podemos seguir em frente, sabendo que teremos os recursos para ajudar a salvar vidas” declara Antonio José Rodrigues Pereira, superintendente do HCFMUSP. 

O grupo instituidor do Fundo, por meio de uma Nota Pública, está fazendo um chamamento especial à comunidade de filantropos e empresas a também doarem para fortalecer o sistema público de saúde no combate ao Coronavírus. 


Para doações acima de R$ 50 mil, o doador deve entrar em contato com atendimento@bsocial.com.br 

O FUNDO tem gerenciamento financeiro da SITAWI, uma organização social de interesse público (OSCIP) pioneira no desenvolvimento de soluções financeiras para impacto social. Ela é responsável por operacionalizar o FUNDO e também receber as doações.

Grupo instituidor do Fundo Emergencial para a Saúde – Coronavírus Brasil 
IDIS – Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social 
“O Brasil e os brasileiros precisam de todos. Temos visto exemplos maravilhosos de solidariedade e agora oferecemos um caminho seguro àqueles que desejam contribuir para fortalecer nossa rede de Saúde” explica Paula Fabiani, diretora-presidente do IDIS. 

Movimento Bem Maior 
“Estamos vivendo uma crise singular e nosso sistema de saúde precisará de toda ajuda para enfrentá-la. Em momentos como esse, a responsabilidade de contribuir passa a ser de todos, sobretudo dos mais afortunados, afinal, se o sistema de saúde colapsar, o país todo vem junto”, afirma Carola Matarazzo, CEO do Movimento Bem Maior. 

BSocial 
“A BSocial é um canal de captação facilitador, uma ferramenta que permite que o usuário faça uma doação de forma rápida, fácil e segura. Acessando a plataforma e clicando no link que leva ao Fundo Emergencial para a Saúde, o doador escolhe o valor, a forma de pagamento e finaliza a sua doação. A plataforma envia o recurso diretamente para a conta do fundo”, explica Maria Eugênia Duva Gullo, cofundadora da plataforma. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo