ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

4/19/2016

Da minha mesa de trabalho - Hoje é dia de grande festa em Cachoeiro de Itapemirim




Por: Carlos Alberto Alves
jornalistaalves@bol.com.br
Facebook
https://www.facebook.com/carlosalberto.alvessilva.9



Infelizmente, há muita gente que não conseguiu chegar aos 75 anos de idade. A lei da vida. Por outro lado, a felicidade de vermos o rei Roberto Carlos completar essa bonita idade e assinalá-la com pompa e circunstância as “Bodas Diamante” na terra onde foi nado e criado, Cachoeiro de Itapemirim, que manda a verdade dizer também passou a ser muito conhecida em função do enorme prestígio do rei, quer internamente quer fora de portas. E muitas vezes quando se pronuncia Cachoeiro de Itapemirim vem logo à baila este frase: a terra do rei Roberto Carlos.

Evidentemente que, em Cachoeiro, a notícia do show de aniversário foi recebida com a maior das satisfações, digamos mesmo com o mais elevado espírito de gáudio. E não era para menos, porque o rei regressava à sua terra, que tanto ama e que sempre recorda pelo tempo fora. Isto é Roberto!
Curiosamente, em Cachoeiro os restaurantes, nestes dias em que já se respirava festa robertocarlística, apresentaram um cardápio com nomes de músicas de Roberto Carlos. Um giro gastronómico com quinze pratos com as referidas músicas do rei. Pelo que pesquisamos, DETALHES pode estar na vanguarda das preferências. Será mesmo? 

Acresce que, no ano passado, estive presente no show de Roberto Carlos em São Paulo, show esse que assinalou os seus 74 anos de vida. Foi, no dia 18, véspera do aniversário, outro show memorável. E por lá encontramos algumas caras conhecidas que visitam o nosso Portal Splish Splash.

E recordo aqui o texto que escrevi sobre esse show:

LOUCURA, LOUCURA, LOUCURA

Na véspera do seu aniversário, o rei Roberto Carlos realizou um show no Parque Itália, ou seja, no estádio do Palmeiras, clube que o rei se identifica, aliás, como também acontece com o Clube de Regatas Vasco da Gama do Rio de Janeiro. E quando há um esgrimir entre ambos, é bem possível que Roberto Carlos cogite nesta máxima muito conhecida em Portugal (“made in alentejanos”): “Deus queira que empatem”.

Por tudo o que rodeava este evento, os fãs do rei compareceram em número significativo e outra coisa não era de esperar. Roberto Carlos continua arrastando multidões por onde passa. O seu carisma tem se mantido sempre incólume, apesar de, aqui e acolá, terem aflorado algumas criticas descabeladas e que em nada beliscaram esse glorioso trajeto do maior cantor da América do Sul e um dos maiores à escala mundial. E não será exagero da nossa parte se considerarmos Roberto Carlos o expoente máximo dos cantores românticos. Sou fã incondicional. E como sou com o estatuto de jornalista? Hoje aposentado (mas continuando a escrever), direi que sou um jornalista ao serviço de Sua Majestade o Rei Roberto Carlos. Nesse sentido, os meus atos falam por si. 

LOUCURA, LOUCURA, LOUCURA - Em Função do que se passou na arena do Palmeiras, nada melhor do que trazer aqui à estampa a conhecida frase do amigo de Roberto Carlos, o apresentador da GLOBO, Luciano Huck: LOUCURA, LOUCURA, LOUCURA. E de fato assim foi. E de fato, os fãs do rei corresponderam de forma dignificante e vibraram intensamente com o decorrer do show no qual Roberto Carlos apresentou conhecidas canções e que, por norma, fazem parte do seu repertório. Mas há sempre umas que são mais queridas dos fãs, aquelas que trazem a essência de um verdadeiro sentimentalismo, tão peculiar em Roberto Carlos.
O rei, inicialmente, começou por agradecer ao Palmeiras a cedência do seu estádio. E, tal como nós referimos no início, também deixou bem claro o afeto pelo clube da Barra Funda, colocando ao lado o seu amor vascaíno. Isto significa que Roberto em São Paulo é do Palmeiras e no Rio de Janeiro do Clube de Regatas Vasco da Gama.

Muitas caras conhecidas no espetáculo que serviu para assinalar os 74 anos de vida do mais carismático cantor do Brasil. E como dizia um radialista do Paraguai ali presente, junto a nós, Roberto Carlos é o maior de todos os cantores românticos. Nós também subscrevemos essa versão.

Foi bonita a festa, com muitos aplausos, muitos gritos por Roberto, muita gente a dançar, tudo num clima da maior cordialidade. Depois, seguiu-se o encontro de Roberto com fãs que, como habitualmente, ofereceram lembranças. E foram tantas que não davam para ser transportadas num simples veiculo. Teve bolo, teve homenagens, teve de tudo para que o rei se sentisse orgulhoso por merecer tanto e tanto carinho. Da nossa parte, a velha (que é nossa) frase: VIVE LE ROI!

CASA DE ROBERTO CARLOS PASSA POR REFORMA PARA RECEBER -  DO JORNAL A GAZETA 

Ela já foi branca, rosa, mas atualmente, a casa onde Roberto Carlos viveu com sua família até os 13 anos, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, é predominantemente azul, cor original, segundo a prefeitura.

Recebendo os últimos retoques de uma reforma, o ponto turístico mais visitado da cidade será reaberto nesta quinta-feira (14) e deve atrair um grande número de fãs durante a passagem do cantor em sua terra natal, na próxima terça-feira (19).
Há 20 dias, o local recebe pintura nas paredes, troca de parte do forro e janelas, que estavam sendo consumidas por cupins. A grade superior do quintal, destruída durante um acidente, será novamente colocada.



A casa possui seis cômodos. Em cada espaço, é possível conhecer um pouco da vida do artista. Certidão de nascimento, fotos que contam histórias de sua infância ao início da adolescência, o transmissor da antiga Rádio Cachoeiro, discos e, ainda, o contrabaixo usado nas primeiras apresentações do artista na cidade.

Segundo a coordenadora do local, Albertina Elias de Moraes, 144 mil pessoas já passaram pelo ponto turístico em 15 anos. O administrador de Rio Novo do Sul, Allan L. Dirr, de 38 anos, esteve no imóvel pela primeira vez com a esposa, Aline Diirr, de 29 anos, que é cachoeirense e revisitou o imóvel após anos.

“Moro em Cachoeiro há 4 anos, mas nunca estive aqui. Quero voltar para conhecer o interior, já que hoje estava em reforma. Ouço Roberto desde a infância, pois meus pais o ouviam. Meu pai, inclusive, possui uma coletânea do artista. Roberto faz parte de nossa história”, comentou o administrador.
Visitação

Atualmente, cerca de 500 visitantes passam por mês no local, mas a expectativa da prefeitura é receber cerca de 200 visitantes no próximo dia 19, quando Roberto Carlos vai estar no município para o show especial em seu aniversário de 75 anos.

Em sua última passagem por Cachoeiro, em 2009, o Rei ficou alguns dias na cidade natal e visitou a casa onde passou a infância.

DO BLOG DO REI ROBERTO CARLOS – 0S 50 ANOS!

Do Blog do rei Roberto Carlos vamos aqui transcrever parte de uma matéria relacionada com os 50 anos do rei Roberto Carlos comemorados em 1991, com um show em São Paulo:

“Hoje, cá estamos, dando continuidade à Série Quantos Momentos Bonitos, que tem relembrado os mais emblemáticos shows de Roberto Carlos, em toda a sua carreira”. E, depois de falar de muitos shows recentes, falaremos de um realizado em 1991, em comemoração aos 50 anos de idade de Roberto Carlos, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.


E o dia 19 de abril de 1991, coincidiu de, justamente, ser uma sexta feira, dia de, além de visitar o Blog RCB, ver na TV Globo o programa Globo Repórter, que sempre trata de maneira bastante interessante sobre determinados temas. Pois bem, àquela sexta feira, aquele Globo Repórter foi dedicado a Roberto Carlos, mostrando suas origens, seus amigos, sua carreira, em um programa pra lá de especial! Ao término do programa, o telespectador foi presenteado com parte do show que vamos comentar agora, transmitido ao vivo.

Na plateia, importantes celebridades, como a apresentadora Hebe Camargo, a cantora Wanderléa, Paulo Ricardo, Luciana Vendramini, Nair Bello, Roberta Miranda, a então ministra da economia, Zélia Cardoso de Mello, os cantores Ed Carlos e Jerry Adriani, da Jovem Guarda, o político Emílio Zuritta, Angélica, César Filho, os filhos de Roberto (Luciana é filmada várias vezes durante o show), entre outros. O show apresentado, dirigido por Ronaldo Bôscoli e Luís Carlos Miéle, era o emocionante Coração (1991), em sua primeira fase aquela que ainda não tinha o Robertinho Carlos (saiba mais lendo a matéria sobre o show Coração, clicando aqui.).

Antes do show, Roberto deu entrevista à jornalista Glória Maria, a quem disse que não tinha visto o Ibirapuera, mas já havia ouvido falar sobre. E ao ser perguntado sobre o que diria para os fãs nesta data, Roberto não pestanejou: "Eu diria muito obrigado'". Diria não, eu digo, 'obrigado'”.

UMA PASSAGEM PELO FACEBOOK

Ainda no que concerne ao dia de hoje em que o rei completa 75 anos de idade, uma passagem pelo facebook e registamos o seguinte:

DE ALBA MARIA BITTENCOURT 



                               Eu Te Amo...Eu Te Amo...Eu Te Amo...

                               Quanto tempo longe de você,

                               Quero ao menos lhe falar.

                               A distância não vai impedir,

                               Meu amor, de lhe encontrar.

                               Cartas já não adiantam mais,

                               Quero ouvir a sua voz.

                               Vou telefonar dizendo

                               Que eu estou quase morrendo

                               De saudades de você.

                               Eu Te Amo!

                               Eu Te Amo!

                               Eu Te Amo!

                               Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!

                               Eu não sei

                               Por quanto tempo eu

                              Tenho ainda que esperar.

                              Quantas vezes eu até chorei,

                              Pois não pude suportar.

                              Para mim não adianta

                              Tanta coisa sem você

                              E então me desespero.

                              Por favor, meu bem, eu quero

                              Sem demora lhe falar:

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Mas o dia que eu

                              Puder lhe encontrar,

                              Eu quero contar

                              O quanto sofri

                              Por todo este tempo

                              Que eu quis lhe falar.

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!

                              Cartas já não adiantam mais,

                              Quero ouvir a sua voz.

                              Vou telefonar dizendo

                              Que eu estou quase morrendo
             
                              De saudades de você.

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!...

                              Mas o dia que eu

                              Puder lhe encontrar,

                              Eu quero contar

                              O quanto sofri

                              Por todo este tempo

                              Que eu quis lhe falar.

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                              Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!

                              Eu Te Amo!

                              Eu Te Amo!

                                       DE GORETTI CALADO 



“Não existe um dia sequer que não seja comemorado qualquer coisa”. Chega a ser bizarro. Comemora-se de um tudo. Então, que tal hoje ser comemorado apenas o “fato” de estarmos vivos? Afinal de contas, é exatamente isso que importa na vida: Viver! "Somos eternas Amigas do Rei". Onde quer que estejamos. IMPORTANTE É QUE AS EMOÇÕES NÓS VIVEMOS.

CARLOS ALBERTO ALVES NAS REDES SOCIAIS 

Aniversário em Itapemirim - A sensibilidade de Roberto Carlos 

Quando se está fora do Brasil, não se conhece a fundo as virtuosidades de Roberto Carlos. O que ele é sentimentalmente falando, sobretudo em relação à sua família. De resto, também é sabido que o rei tem uma enorme consideração pelos seus fãs. E quando inicia um show lá vem a velha e conhecida frase de reconhecimento: “É um prazer revê-los”. A história de vida de Roberto Carlos focou-se em Itapemirim onde ele começou a dar os seus primeiros passos como cantor, apesar de Lady Laura, insistentemente, o aconselhar a ser médico. Como escrevi uma vez, e se tal se tivesse concretizado, teríamos um médico assim-assim em detrimento de um cantor que, muito cedo, deu indicações de atingir o patamar superior e consequentemente ombrear com os mais cotados do planeta musical. E assim foi. E assim Roberto Carlos cantou ao lado de grandes vultos da canção. Um dia por brincadeira disse a alguém se Roberto Carlos fosse médico-cantor teria uma imensidão de pacientes à sua volta e cantando era capaz de amainar o sofrimento de muitos.

Roberto Carlos nunca esquece a terra onde nasceu. E sabe-se quão ele é estimado em Itapemirim. Roberto Carlos é, pois, o orgulho daquela gente. Gente que o viu crescer, gente que inclusivamente esteve ao seu lado nas fases de crescimento. Gente que sempre torce por ele em tudo na vida. E perante este quadro de puro e verdadeiro sentimentalismo, Roberto Carlos assinalará os seus 75 anos de vida (a 19 de abril próximo) com um show na sua cidade que vestirá as melhores galas para receber o rei nessa noite que ficará inolvidável em Itapemirim.

No ano que passou, estive presente no show de aniversário (74 anos) que decorreu no estádio do Palmeiras em São Paulo. Como sempre acontece em toda e qualquer circunstância (refiro-me a shows do rei), foram muitas as emoções ali vividas. E nesse sentido, em Itapemirim teremos um entusiasmo ao rubro, quiçá salpicado com momentos de verdadeiro clímax. Não tenho a menor dúvida.

Portanto, em Itapemirim toda a sensibilidade de Roberto Carlos para com as gentes da sua terra, não esquecendo os muitos fãs que, de outras localidades, lá se deslocarão. VIVE LE ROI!




Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil