Em alta, Portugal facilita entrada de aposentados e investidores

O que não faltam são opções para entrar em Portugal
Redação Hypeness
Portugal está mais evidente do que nunca. Em um período de pouco menos de um ano, o número de pedido de vistos de brasileiros aumentou 46% no Consulado Geral português em São Paulo.

Os principais atrativos do país ibérico, além da língua, são as boas condições oferecidas para imigrantes. Em tempos onde nações como Inglaterra e Itália fecham o cerco contra estrangeiros, Portugal se torna a via preferida de quem deseja deixar o Brasil.

Você sabia que existem diferentes tipos de visto para acessar o país português?

Aposentados, interessados em empreender, investir, estudar ou trabalhar, cada um dos perfis possuem um visto específico.

Quem já parou de trabalhar pode se enquadrar em um sistema criado pelo governo local para incentivar o desembarque de estrangeiros, aposentados e titulares de rendimentos. Entre os atrativos está a isenção de impostos sobre a renda por 10 anos, desde que já tenha sido tributados no país de origem.

Os investidores também têm a chance de expandir os negócios em terras lusitanas. O Golden Visa é um trunfo para quem pretende trabalhar por lá. Ele permite residir e trabalhar no país, além de garantir a circulação pelo espaço Schengen (26 países europeus). Mas atenção, ele é exclusivo para estrangeiros que pretendam investir por pelo menos cinco anos em setores como o imobiliário e de captação de recursos.

Para os que também desejam empreender, mas não possuem capital suficiente para a Golden Visa, a saída pode ser o Visto Empreendedor (D2). Entre 2016 e 2017, suas solicitações aumentaram 120% entre os brasileiros. Ou seja, a abertura e compra de empresas em Portugal está em pleno aquecimento.

Para pedir é preciso apresentar o plano de negócios da empresa aberta ou comprada, certidão permanente, declaração de registro de início de atividade, registro de constituição da sociedade e extrato bancário com comprovação de saldo.

Atenção agora para os dois últimos e talvez os mais solicitados. Primeiro, o visto de trabalho. Este aqui é indicado para brasileiros contratados por empresas portuguesas e as informações dos documentos estão na página do Consulado Português.

O visto de estudante é o líder na lista dos mais solicitados. A procura se dá pela relação próxima entre os estudantes brasileiros e as universidades portuguesas. Se você se interessou, basta se credenciar em uma instituição de intercâmbio, graduação ou mestrado. Aos matriculados em cursos com menos de um ano, o visto oferecido é o temporário.

Visite a página do Consulado de Portugal para maiores informações.

In
hypeness
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário