Humor Iniciativa dá novo impulso à regularização ambiental em Mato Grosso | Portal Splish Splash

Iniciativa dá novo impulso à regularização ambiental em Mato Grosso


Desenvolvido pela TNC, trabalho que ajuda governos e produtores rurais a cumprirem seu papel na conservação do Cerrado e das florestas recebe novo apoio da AMAGGI.

Cuiabá, 17 de abril de 2018 – Campeão nacional no ranking de produção de soja, Mato Grosso representa, como poucas regiões, o desafio brasileiro de cultivar alimentos e, ao mesmo tempo, conservar os recursos naturais e a biodiversidade. Com o objetivo de ajudar alguns municípios do Estado nessa tarefa, a maior organização ambiental do mundo, a The Nature Conservancy (TNC), e uma das maiores empresas do agronegócio do país, a AMAGGI, junto com demais parceiros, renovam colaboração que visa promover medidas que tragam um novo impulso à regularização ambiental nas áreas rurais da região da bacia do Alto Teles Pires.

A colaboração entre TNC e AMAGGI teve início em 2007, com o apoio da empresa ao projeto Soja+Verde, que buscava promover a produção sustentável nos principais polos produtores de soja do Estado de Mato Grosso por meio do apoio à regularização ambiental de propriedades rurais.Diversos atores estiveram envolvidos desde o início, incluindo governo, entidades representativas de produtores, municípios e outros, com apoio do BNDES, na época.

Com duração de um ano, essa nova etapa da colaboração com a AMAGGI faz parte da iniciativa da TNC focada em criar Paisagens Produtivas Sustentáveis em Mato Grosso e terá como foco o avanço do Programa de Regularização Ambiental (PRA) nos municípios de Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, promovendo a restauração florestal em propriedades rurais, em um ambicioso esforço para aumentar a conservação dos ecossistemas naturais aliando o aumento da capacidade produtiva à adequação ambiental das propriedades.

“O trabalho que fazemos no Estado utiliza princípios fundamentais da TNC em todo o mundo, como a união de esforços entre diversos setores, o uso de informações científicas para apoiar boas decisões de ocupação do território e a recuperação de paisagens naturais criando mosaicos produtivos e sustentáveis , ou seja, medidas que valorizam a própria natureza como solução para os nossos maiores desafios ambientais”, explica Marcia Cardelli, coordenadora de Conservação da TNC e responsável pelo conjunto de iniciativas que a organização desenvolve em Mato Grosso.

A TNC possui ampla experiência no tema de restauração florestal no Brasil. Desde 2006, implementa uma estratégia de restauração ecológica com diversos parceiros em oito estados brasileiros e já restaurou mais de 11 mil hectares de terras degradadas em áreas prioritárias para a produção de água e sustentabilidade agrícola.

Em Mato Grosso, tanto os produtores rurais quanto os governos locais têm se mostrado interessados na identificação de soluções para a correção de passivos ambientais relacionados à restauração ecológica das Áreas de Preservação Permanentes (APP) e de Reserva Legal (RL). Em dezembro de 2015, por exemplo, o Governo do Estado assumiu o compromisso público (durante a COP 21, em Paris) de restaurar 2,9 milhões de hectares no Estado (programa Produzir, Conservar e Incluir – PCI).

“Após dez anos trabalhando juntos para o desenvolvimento sustentável em Mato Grosso, comemoramos mais um ano de parceria da AMAGGI com a TNC fortalecendo o trabalho de regularização ambiental nos municípios em que atuamos. Acreditamos que agir em rede e em parceria é fundamental para darmos escala em uma atuação socioambiental responsável”, avalia a diretora de Sustentabilidade, Comunicação e Compliance da AMAGGI, Juliana Lopes.

Como funciona a iniciativa

A iniciativa Paisagens Sustentáveis em Mato Grosso possui quatro eixos principais: auxílio nas capacidades de gestão pública na implementação do Código Florestal; mobilização de produtores para a adequação ambiental; estabelecimento de rede de Unidades Demonstrativas Participativas atreladas ao aprimoramento da assistência técnica rural; e fortalecimento de cadeias produtivas como catalisadoras da adequação ambiental.

Esses eixos estão alinhados com políticas e programas do Governo de Mato Grosso e apoiam o cumprimento das metas da Estratégia PCI (Produzir, Conservar e Incluir), peça central da estratégia ambiental do estado. O PCI concentra-se na expansão e no aumento da produção agropecuária e florestal sustentável (Produzir); na conservação dos remanescentes de vegetação nativa e recomposição dos passivos (Conservar); e na inclusão socioeconômica da agricultura familiar e populações tradicionais (Incluir).

“Em um período relativamente recente, tivemos o lançamento do decreto do Programa de Regularização Ambiental (PRA) pelo governo estadual e o desenvolvimento do sistema mato-grossense de Cadastro Rural (SIMCAR), em substituição ao SICAR. Isso criou uma demanda urgente pela atualização dos cadastros no novo sistema do Estado. Além disso, e de igual importância, também é necessário estimular a adesão do produtor ao PRA, para a regularização dos passivos ambientais e para criarmos a tão sonhada valorização dos ativos”, afirma Marcia Cardelli.

Ações práticas da Colaboração TNC e AMAGGI

Para contribuir com o avanço do Programa de Regularização Ambiental (PRA) na região do Alto Teles Pires, as ações específicas da colaboração incluem:

- Mobilizar produtores rurais, com apoio dos sindicatos rurais e das prefeituras, e oferecer ajuda técnica na retificação do Cadastro Ambiental Rural (CAR) de suas propriedades, para que ajudem a tornar os cadastros mais precisos e, com isso, possam avançar para a etapa seguinte da regularização ambiental, o PRA;

- Engajar instituições de ensino na formação da mão de obra necessária para a assistência técnica em adequação ambiental e produtiva, em alinhamento com a estratégia ambiental do Estado, e capacitar esses técnicos;
- Disseminar, por meio de reuniões, eventos e publicações, técnicas de restauração de baixo custo e boas práticas agrícolas para produtores rurais e técnicos;

Sobre a TNC 
The Nature Conservancy (TNC) é uma organização global de conservação ambiental dedicada à preservação em grande escala das terras e água das quais a vida depende. Guiada pela ciência, a TNC cria soluções inovadoras e práticas para os desafios mais difíceis do mundo, para que a natureza e as pessoas possam prosperar juntos. Trabalhando em 72 países, a organização utiliza uma abordagem colaborativa, que envolve comunidades locais, governos, setor privado e outros parceiros. No Brasil, onde atua há mais de 25 anos, a TNC promove iniciativas nos principais biomas, com o objetivo de compatibilizar o desenvolvimento econômico e social dessas regiões com a conservação dos ecossistemas naturais. O trabalho da TNC concentra-se em ações ligadas à Agropecuária Sustentável, à Segurança Hídrica e à Infraestrutura Inteligente, além de Restauração Ecológica e Terras Indígenas. Saiba mais sobre a TNC em www.tnc.org.br.

Sobre a AMAGGI 
Fundada em 1977, a AMAGGI está presente em todas as regiões do Brasil e com unidades em países como Argentina, China, Holanda, Noruega, Paraguai e Suíça. Atualmente, a empresa desenvolve negócios em áreas como logística, energia, produção agrícola, commodities e navegação e emprega diretamente mais de 6 mil colaboradores.  www.amaggi.com.br
Alda Jesus

Sobre a autora

Alda Jesus - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário