Simulador 3D de anatomia garante autorização do MEC para sete novos cursos de medicina no País


Tecnologia desenvolvida pela startup brasileira elimina sacrifício animal e substitui uso de cadáveres em salas de aula

São Paulo, agosto de 2017 – Os novos cursos de medicina no Brasil vão iniciar o ano letivo com tecnologia de simulação anatômica que elimina ou diminui o sacrifício animal e o uso de cadáveres em salas de aula. Sete dos 11 cursos de formação médica autorizados recentemente pelo Ministério da Educação (MEC) terão em sua estrutura plataformas digitais de dissecação virtual e estudos anatômicos, desenvolvidas pela startup brasileira Csanmek, especializada em sistemas para o mercado educacional.

A Plataforma Multidisciplinar 3D têm sido de grande ajuda para uma melhor avaliação do MEC para esses cursos de medicina, como é o caso de cinco unidades da Univove na Grande São Paulo, da Faculdade Integrado de Campo Mourão, no Paraná, e a Faculdade Claretiano, em Rio Claro(SP), que apostaram, sobretudo, na estrutura de aulas digitais para o estudo da anatomia humana.

O equipamento, utilizado atualmente em 30 cursos de medicina humana e veterinária no Brasil, funciona como uma mesa que exibe modelos tridimensionais altamente detalhados da anatomia humana, com mais de 5 mil estruturas anatômicas idênticas, incluindo todos os órgãos e sistemas do corpo masculino e feminino.

Com a tecnologia, é possivel realizar movimentos fisiológicos e movimentar cada parte do corpo humano de forma isolada, permitindo acesso total a cada estrutura do corpo humano.

Os 11 cursos de medicina vão ofertar 710 novas vagas, de um total de 2.305 que ainda devem ser abertas em todo o País, distribuídas em cidades do Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e São Paulo.

Segundo o fundador da Csanmek, Claudio Santana, a implantação da tecnologia de estudos digitais anatômicos foi um grande diferencial para ajudar a viabilizar a autorização do MEC. “A nossa equipe fez, inclusive, vários treinamentos a apresentações durante todo esse processo de autorização”, comenta Santana.

“Apesar de ser um equipamento para educação, a plataforma 3D também é utilizada por médicos e profissionais da saúde no dia a dia, para melhorar o aprendizado e compreensão das estruturas anatômicas reais e modeladas", conclui.

Sobre a Csanmek (http://www.csanmek.com)
A Csanmek é uma empresa brasileira que surgiu com a missão de ser referência em novas tecnologias de simulação, para auxiliar as técnicas educacionais no uso das metodologias ativas. Desenvolve ferramentas e projetos educacionais para suporte aos docentes e discentes, visando melhor qualificação para futuros profissionais das diversas áreas da saúde. Com dois anos no mercado, a empresa atua no desenvolvimento de soluções para atender as necessidades das instituições de ensino, trazendo sempre o que há de melhor no mercado mundial.
Alda Jesus

Sobre a autora

Alda Jesus - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário