Com recorde de público, Flipoços acontece até o próximo domingo


Jazz, literatura juvenil e literatura política são alguns dos próximos destaques


Alba Bittencourt
Portal Splish Splash


Com recorde de público nos primeiros dias, a 12ª edição do Festival Literário de Poços de Caldas, o Flipoços, superou a expectativa e até o último dia de atividades e visitações, mais de 60 mil pessoas devem passar pelo Espaço Cultural da Urca. Apenas nos três primeiros dias, mais de 20 mil pessoas passaram pelo recinto onde ocorre o encontro.

Milton Hatoum,

Já estiveram no evento o patrono, Milton Hatoum, a comitiva de autores moçambicanos, o premiado autor português Afonso Cruz, o escritor Bernardo Carvalho, o professor Clóvis de Barros, as mulheres Nara Vidal, Susana Ventura, Kátia Gerlach, entre outros nomes.

Autor português Afonso Cruz
 
O Flipoços recebeu também os criadores da Festa Internacional das Periferias (Flup), Julio Ludemir e Ecio Salles, a ex-chefe do tráfico de drogas na Rocinha e autora do romance “A Número Um”, Raquel de Oliveira e as poetas campeãs de poesia falada Roberta Estrela D´Alva, Luz Ribeiro e Mel Duarte.

Esta edição conta com mais de 120 atividades distribuídas em nove dias e diferentes espaços, como Instituto Moreira Salles, Fazenda Lambari, Centro Cultural Afro-brasileiro Chico Rei, Biblioteca Centenário, entre outros.

Programação desta sexta-feira

Nesta sexta-feira (5), a programação conta com diferentes atividades em vários espaços. Um deles é um bate-papo com o escritor Sergio Roberto Montero Aguiar, às 19h no Instituto Moreira Salles. O autor é mestre em literaturas Espanhola e Hispano-americana pela Universidade de São Paulo e desde 1987 leciona teoria literária nos cursos de Letras e Relações Internacionais. De acordo com ele “a palestra tem como horizonte comentar as principais atividades culturais, os diálogos, as amizades com o universo hispano-americano operado por Manuel Bandeira”, disse.

Ainda nesta sexta-feira, há a mesa “Literatura & Psicologia” com Thiago Domingues e Carolina Sab às 9h, na Arena Cultural.

O autor Sérgio Biscaldi também ministra a oficina “Histórias Reais com Seres Imaginários” em duas sessões, às 13h30 e às 15h na Biblioteca Centenária. Biscaldi é escritor, roteirista e redator publicitário. É também autor dos livros infanto-juvenis “As cores do esquisito” e “Festa no salão”, que será lançado ainda este ano.

Também na sexta-feira às 14h ocorre a Mostra do Filme “Poesia e Melodia” no Instituto Moreira Salles (IMS), seguido de um bate-papo com os atores Flávio Colombini e Solange Kei. Às 16h acontece a exibição do filme “Apenas uma chance”, na Biblioteca Centenária, em parceria com o Cine Fibrax. Ás 18h, também na biblioteca, ocorre a oficina “Escrevendo o Terror”, com o autor poços-caldense Antonio Voorheers.

Ainda na sexta-feira, às 14h, o autor moçambicano Dany Wambire  faz uma contação de histórias africanas com o público infanto-juvenil. Dany é professor primário na Beira, em Moçambique, coordenador da Associação Literária Kulemba e diretor da revista Soletras. Seu livro de estreia “A adubada fecundidade e outros contos” foi distinguido com menção honrosa no Prêmio Internacional José Luis Peixoto.

Também na sexta-feira às 15h30 ocorre a roda de conversa e esquete teatral “O encontro de Teresa Cristina com Malala”, feita por Edna Leite e Divino Pereira. Ás 17h30, o Flipoços recebe, mais uma vez, a carioca Thalita Rebouças, que lança, com exclusividade o livro Confissões de um garoto tímido, Nerd e ligeiramente apaixonado. Às 18h ocorre o “Entardecer com o Escritor”, recebendo o autor Max Wagner que fala sobre “Os romances históricos voltam ao sucesso” no espaço Flipocinhos.

Além disso, o Flipoços traz a performance literária “A noite de um iluminado”, com Pedro Maciel que inicialmente estava agendado para o dia 05, mas foi transferido para o dia 06, sábado, às 09h30, na Arena Cultural.

Poços é Jazz e mais programação

Vale lembrar que na sexta-feira (6) ocorre o lançamento da programação do evento Poços É Jazz, com show da Cia. Estadual do Jazz. A entrada é gratuita a partir das 20h na Arena Cultural.

Antes, às 16h, acontece a mesa “Literatura & Jazz”, para discutir a influência do jazz na cultura brasileira e em Poços de Caldas. No domingo (7) às 11h há o lançamento do livro “Cold Hot”, de Sergio Poroger.

A programação do Flipoços vai até o próximo domingo (6) e terá ainda destaques Tati Bernardi e Jacques Fux, o procurador da República, Deltan Dallagnol, lançando nacionalmente o livro “A luta contra a corrupção – A Lava Jato e o  Futuro de um País Marcado pela impunidade”, o escritor Luiz Ruffato. No domingo (7), o destaque é a mesa sobre política e família, com a jornalista Míriam Leitão, acompanhada dos filhos Matheus Leitão e Vladmir Netto.

A programação do Flipoços 2017 pode ser conferida no site do festival www.flipocos.com e também pelas redes sociais na página Feira do Livro/Flipoços. O Flipoços 2017 e a 12ª Feira Nacional do Livro de Poços de Caldas contam com o patrocínio do Grupo DME, Prefeitura Municipal, Mineração Curimbaba, CBA Votorantim, Supervale e EPTV Sul de Minas. Parceria Cultural Sesc. Apoio IMS, Leiturinha, Câmara Brasileira do Livro, Câmara Mineira do Livro, Embaixada de Moçambique no Brasil, Camões Instituto de Línguas e Cooperação, CPCLP - Comissão para a Promoção de Conteúdo em Língua Portuguesa, Instituto Pró-Livro, ACIA Poços, Senac, Poços Convention, ANL – Associação Nacional das Livrarias, Secretarias de Estado da Cultura, Turismo, Relações Internacionais e Educação. Realização GSC Eventos Especiais. Informações pelo (35) 3697 1551.

 
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário