ÀS QUINTAS – FEIRAS – Roberto Carlos na berlinda





Por: Carlos Alberto Alves
jornalistaalves@bol.com.br
Facebook
https://www.facebook.com/carlosalberto.alvessilva.9

A consagração da carreira internacional de Roberto veio em 1979, quando o papa João Paulo II, ao visitar o México, foi recebido por um coro de 120 crianças cantando Amigo. A multidão de 60.000 pessoas no local acompanhou a melodia. O evento foi transmitido ao vivo para todo o mundo e, em junho, a revista americana Newsweek fez uma matérias sobre Rei, chamando-o de 'fenômeno da música latino-americana'. O cantor e Nice anunciaram o fim do casamento de onze anos e, em dezembro, Roberto assumiu um novo romance, com a atriz Myrian Rios. Em 1981, ele deu um passo ainda maior na carreira internacional, ao lançar seu primeiro LP em inglês, Sail Away. O disco o levou a fazer shows em diversos países

ALGUÉM QUE FICOU PERPLEXO -  Fiquei perplexo com as notícias que li e as fotos que acompanhavam as mesmas, inclusive no Splish Splash. O que é isso do Rei oferecer um carro de marca ao Tom Cavalcante. Estou perplexo, estou perplexo.

Calma, “Zé”, não vejo motivo para toda essa perplexidade. Primeiro, porque o Rei é um homem de bom coração e reconhecer do bem que os outros fazem; segundo, fê-lo porque o Tom Cavalcante já participou de borla em vários shows; terceiro, o Rei faz o que quer do seu dinheiro, mas, em resumo, creio que foi uma iniciativa (mais uma) louvável. Não achas?
Carlos Alberto Alves

Sobre o autor

Carlos Alberto Alves - Jornalista há mais de 50 anos com crónicas e reportagens na comunicação social desportiva e generalista. Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Colabora semanalmente no programa Rádio Face, da Rádio Ratel, dos Açores. Leia Mais sobre o autor...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário