ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

7/11/2008

A vingança da mulher dos tremoços



Por: Armindo Guimarães
Facebook
https://www.facebook.com/armindo.guimaraes

Muitos são os amigos que se me têm dirigido interrogando-me acerca da mulher dos tremoços que dá título ao livro que nunca escrevi e ao filme que nunca realizei. Geralmente, as perguntas são três: o que são tremoços, quem é essa tal mulher e o porquê do título. E porque quem pergunta quer saber, aqui vai:

TREMOÇOS
São as sementes das plantas conhecidas como tremoceiro. Para se lhes retirar a toxidade, são colocadas durante algum tempo em água corrente ou em água salgada, após o que os tremoços podem ser consumidos como petisco ou aperitivo, geralmente acompanhado de um copo de cerveja bem fresquinha.

MULHER DOS TREMOÇOSA mulher dos tremoços é uma vendedeira ambulante que apregoa os ditos mais ou menos assim: “Quem quer tremoços!!!“. A mulher dos tremoços está em vias de extinção, como infelizmente vem acontecendo com outros vendedores ambulantes e seus típicos pregões. Pregões muitos deles dignos de serem lembrados pelas suas frases pitorescas.

A VINGANÇA DA MULHER DOS TREMOÇOSNa realidade, trata-se de um título. Não é da minha autoria, não é de nenhum livro, de nenhum filme, nem de nada. É apenas um fictício título popular como por exemplo “A fuga do paralítico” e “Um homem nu com uma faca no bolso”.

Abraços
Armindo Guimarães

Sobre o autor

Armindo Guimarães - Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins e Escriva das coisas da Vida e da Alma. Administrador, Editor e Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre o autor...

11 comentários:

  1. Olá Armindo!
    Bela explicação sobre os tremoços!
    Aliás você faz tudo muito bem.
    Mas será que ainda existe quem não conheça tremoços?
    Eu gosto muito, quando começo comer...E sem cervejinha....Mas eles bem que poderiam, para facilitar, não ter aquela casquinha chata de tirar....
    Um abração,
    Carmen Augusta

    ResponderEliminar
  2. Eu não conheço...É bom??? Interessante hein?
    beijos azuis

    ResponderEliminar
  3. Desde que entrei para o Portal Clube do Rei, tenho observado, que em alguns artigos e algumas matérias e bate-papos enviado pelo nosso amigo Armindo, ele fala sobre essa Mulher dos Tremoços. Inclusive na matéria enviada em 03/09/2005, " Fã do Rei Até Sabe o Que Não Sabe ", ele comenta em um dos trechos, que ao abrir a sua pasta onde tudo contém, até o livro intitulado "A Mulher dos Tremoços", estava lá e ele procurando alguma pista pra desvendar a idade do RC que na hora faltou-lhe a memória.

    Sempre fiquei intrigada com essa tal história, esse tal livro que nunca acabava de ler. Ehehehehe. E a dúvida persistia, pois nunca revelavas o segredo.

    Agora sim, tenho a resposta do Mindo, que além de bem explanada e colocada aqui mo Blog, nos repassa além do conhecimento do teor dos Tremoços, deixa como, mensagem a desigualdade social, a descriminação do homem na sociedade, como é o caso dos vendedores ambulantes ameaçados de perderem o seu lugar onde através de suas vendas sustentam as suas famílias. Temos aqui em Fortaleza exemplo concreto dessa descriminação, nas praças públicas, e estão sendo ameaçados de serem retirados a qualquer instante.

    Como título fictício, tenho uma sugestão para o Armindo. Seria bom se colocássemos um livro intitulado, como: " As sete Tranças do Rei Careca " e " A Volta dos Que Não foram ". Que tal, Mindo! Rsrsrsrs.

    Esse Blog tá ficando bem interessante! Ou melhor, já está.

    Bravo, excelente essa matéria.

    Um grande beijo da amiga de sempre.

    Mazé Silva/Fortaleza/Ceará.

    ResponderEliminar
  4. Olá, Guta!
    De facto, quando certa vez uma nossa amiga brasileira a propósito de “A vingança da mulher dos tremoços”, me perguntou o que eram tremoços, eu fiquei a pensar que se calhar no Brasil não havia esse petisco. Confesso que fiquei na dúvida mas nunca mais pensei no assunto. Por isso, a Guta o esclarecimento de um português que há muito se considera portuleiro.
    Sobre os tremoços, recordo uma anedota que circulava nos anos 60 durante o reinado do Rei Eusébio. Um dia, um jornalista perguntou ao futebolista qual era o marisco que mais gostava e ele respondeu: tremoços!
    É claro que se trata de uma anedota, mas…
    Abraços mágicos!

    ResponderEliminar
  5. Olha, a minha afilhada Con!!!

    Está atenta ao blog pois o teu padrinho vai-te oferecer um pratinho de tremoços.

    Quem é amigo???

    ResponderEliminar
  6. Olá, Mazé!

    Gostei das tuas sugestões sobre títulos, em especial "As sete Tranças do Rei Careca", que eu apenas alteraria para:

    "As sete tranças do Mindo Careca".

    ehehehehe

    Um beijo careca!

    ResponderEliminar
  7. Nobre colega Armindo,

    Um outro título fictício poderia ser: O cego, a testemunha ocular do crime.

    um abraço

    ResponderEliminar
  8. C. Marley que felicidade encontrá-lo aqui!!! Saudades de você meu amigo!!!
    Beijos azuis

    ResponderEliminar
  9. Marley!

    Essa de "O cego, a testemunha ocular do crime", está demais!

    eheheheheh

    Abração

    ResponderEliminar
  10. Nobre colega Armindo,

    Peço permissão para mandar um abraço a amiga Con.

    ResponderEliminar
  11. Olá Armindo!
    Claro que conhecemos os tremoços.
    Aqui no estado de S. Paulo, em qualquer barzinho, feiras, mercados, supermercados, mercearias, eles estão presentes.
    E os danadinhos são gostosos....
    Ah!!! Tenho dois cunhados com sangue português. Um a mãe era portuguesa, veio pequena para o Brasil. O outro os avós eram portugueses. Já viu né, tenho de gostar de tremoços, bacalhau, vinho,etc...
    Um beijo.

    ResponderEliminar

MÚSICA LUSÓFONA

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil