Como Envelhecer com Qualidade com Mudanças de Hábitos e Alimentação

Do Texto: Alimentos para evitar e cortar de vez por todas do seu cardápio
Prato de legumes.



Padrão alimentar atual é o grande causador das doenças do mundo moderno


Por Samantha di Khali
 
Investiga-se mais a fundo sobre o paciente e seus hábitos, indo além do simples diagnóstico e tratamento. Analisam-se questões de hábitos alimentares, que é algo fundamental, pois o padrão alimentar atual é o grande causador das doenças do mundo moderno. Também avalia-se como está a prática de exercícios físicos, a rotina de sono, o gerenciamento de estresse, enfim, são várias áreas analisadas em um paciente para realizar um planejamento e desenvolver a prática de hábitos mais saudáveis para a vida.

O médico do esporte, com atualização em medicina integrativa, Dr. Victor Lamônica, comenta que a nossa população está cada vez mais alcançando longevidade, “estamos desenvolvendo uma tendência natural de chegar cada vez melhor nos 60, 70 anos, naturalmente, as pessoas estão procurando cada vez mais por esse estilo de vida e como envelhecer com qualidade.” destaca o médico.

Na contramão disso, temos uma parte da medicina tradicional, que está levando grande parte da população a entrar em tratamentos com remédios para inibir o efeito colateral de outros remédios, o que não é orientado em consulta.

“Mas as pessoas não são bobas, elas estão vendo em todo lugar muita gente chegando super bem aos seus 50, 60, 70 anos, e essas pessoas também querem isso para as suas vidas. O que não é por meio de cirurgias plásticas, e sim, através dessa medicina que nós aplicamos controle de alimentação, estresse, controle das energias, praticar ioga, meditação, técnicas de relaxamento, tudo isso está embutido na medicina integrativa. É trazer o paciente para um ambiente mais saudável, em que ele se veja com muito mais qualidade de vida, com mais prazer em envelhecer. E dessa forma vivendo de maneira diferente e com um índice muito maior de longevidade.” ressalta o Dr. Victor Lamônica.

Você está cada vez mais sem energia, fadiga persistente, dificuldade em emagrecer, preguiça, irritabilidade, depressão, cabelo caindo excessivamente, falta de autoestima e aborrecido com tudo? O médico Dr. Victor Lamônica cita a seguir mudanças de hábitos e alimentos essenciais para mudar esse quadro e iniciar um estilo de vida favorável para o seu presente e futuro, confira:
 
Alimentos para evitar e cortar de vez por todas do seu cardápio

- Carboidratos simples, como, farinha refinada, açúcar, doces, sobremesas;
- Glúten: pão francês, massas, pizzas, macarrão;
- Refrigerantes e sucos industrializados;
- Frituras em geral;
- Maioneses, molhos de saladas e molhos prontos;
- Embutidos, salames, linguiça, salsicha, mortadela, presunto, peito de peru;
- Bolachas, salgadinhos;
- Leite de vaca e derivados: sorvete, requeijão, manteiga, queijos gordurosos, chocolate;
- Ultraprocessados, como, hambúrgueres congelados, nuggets.
Substâncias com corantes, conservantes, aromatizantes, quando consumidas frequentemente, são nocivas ao organismo.
Alimentos que você pode comer à vontade
- Carboidratos complexos, como, arroz, batata, batata-doce, feijão, inhame, aveia, lentilha, alimentos integrais e no grupo de vegetais e leguminosas;
- Carnes magras, (de forma maneirada). Proteína de origem vegetal são muito mais saudáveis;
- Ovos;
- Frutas,
- Vegetais, legumes e sementes.
 
“Vale também lembrar a importância das práticas regulares de atividades físicas, melhorar a qualidade do sono, beber muita água diariamente e ter um acompanhamento médico para te auxiliar e te indicar os melhores hábitos e técnicas que agirão ao seu favor.” finaliza o Dr. Victor Lamônica.

Saiba mais sobre o entrevistado:
@dr.victorlamonica
Também pode ler:

Enviar um comentário

0 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !