LightBlog
>

ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

7/25/2019

A relação entre a Internet das Coisas e a VPN


Termos novos surgem todos os dias quando falamos de tecnologia. O ser humano está dependente da internet e, consequentemente, da tecnologia como um todo. Vamos explicar o que esses dois termos são e como eles estão relacionados entre si.

A Rede Privada Virtual ou VPN é um túnel de proteção que é criado entre dois aparelhos que utilizam a internet. Um computador, celular, ou até mesmo um roteador pode se conectar a uma VPN. Quando este recurso está ligado, todos os dados e informações do utilizador estão protegidos de ataques de hackers e dos olhares curiosos dos provedores de internet que salvam os dados e sites visitados de seus assinantes para vender para empresas de propaganda personalizada.

A Internet da Coisas, ou IoT, é um conceito novo para definir todos os objetos que estejam ligados à internet; principalmente objetos do dia a dia de uma pessoa. Uma geladeira, um carro, um relógio,... No momento que está conectado à internet, faz parte deste conceito que é um dos assuntos mais discutidos quando se fala sobre revolução digital.

Benefícios da IoT
A Internet das Coisas veio para facilitar a vida das pessoas. Ela é muito importante quando aplicada na medicina por exemplo. Um paciente poderá ser monitorado em tempo real, e se qualquer problema surgir, o dispositivo entrará em contato diretamente com uma ambulância ou médico. Para as pessoas idosas a IoT poderá aumentar a expectativa e qualidade de vida. 

Para a indústria, essa revolução poderá custar alguns empregos, mas já está evitando o desperdício de matérias primas e otimizando a produção. As empresas serão mais verdes no sentido ecológico da palavra.

Desvantagens da IoT
Apesar de fazer com que alguns empregos desapareçam, a revolução da Internet das Coisas criará novas vagas mais especializadas; diretamente relacionadas à tecnologia e informática.

O grande perigo e desvantagem da IoT serão os hackers. A segurança online precisa ser reforçada porque neste conceito aonde tudo está interconectado, se houver uma brecha em qualquer dispositivo, o invasor terá acesso à toda rede.

Imagine que um hacker conseguiu acessar a sua smart tv. Como ela está conectada com todos os outros dispositivos inteligentes da casa, ele terá acesso, também, ao seu computador, celular, carro e mais qualquer outro eletrodoméstico inteligente.

É neste momento que a VPN entra para proteger a privacidade e segurança das pessoas. Como ela cria uma camada criptografada de proteção, basta instalar uma que funcione no roteador da casa e todos os aparelhos conectados àquela Wi-Fi estará protegidos de ataques como Man-In-The-Middle e GhostDNS.

As vantagens extras da VPN

Além de garantir anonimato e proteção ao usuário, a VPN tem inúmeras outras vantagens. Pelo fato dela permitir à pessoa mudar a localização virtual do seu servidor. Isso permite fazer coisas como:

- Ver futebol de outros países ao vivo pela internet
Quem deseja ver partidas pela internet, seja de futebol ou algum outro esporte que não é transmitido no país, basta mudar a localização do servidor para o país escolhido no aplicativo VPN, e entrar no site da emissora de TV que esteja transmitindo a partida.

- Acessar o catálogo Netflix e HBO de outros países
Você sabia que a Netflix e outras plataformas de filmes e séries têm um catálogo diferente para cada país? Ou seja, os filmes que passam no Brasil são diferentes dos que passam nos Estados Unidos. Por sinal, a Netflix americana tem o dobro da quantidade de filmes, séries de TV e shows que o nosso país.

- Não receber propagandas personalizadas
Seu provedor de internet não vai mais saber os sites que você visita e os produtos e serviços que deseja comprar.

- Comprar passagens aéreas mais baratas
Cada país é um mercado diferente para as empresas aéreas, consequentemente o preço de uma mesma passagem será mais caro na Holanda do que se comprado a partir da Malásia. Aproveitando deste conceito, basta mudar a sua VPN para Malásia e comprar a sua passagem bem mais barata a partir de lá.

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo