ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

6 de fevereiro de 2018

Filme sobre Roberto Carlos ganha previsão de estreia


Projeto é dirigido por Breno Silveira, responsável por 2 Filhos de Francisco e Gonzaga - De Pai pra Filho 

O filme sobre a vida do cantor Roberto Carlos chegará aos cinemas em 2019, informa o colunista Flávio Rico, do site UOL. A cinebiografia do artista que já vendeu mais de 120 milhões de álbuns deve estrear no circuito comercial apenas no segundo semestre do ano que vem.

O drama é mais um projeto que avança no território da música popular brasileira a ser realizado por Breno Silveira. O cineasta brasiliense dirigiu o sucesso 2 Filhos de Francisco - A História de Zezé di Camargo & Luciano, sobre a trajetória da dupla sertaneja antes da fama, e Gonzaga - De Pai pra Filho, sobre a complicada relação entre Luiz Gonzaga e Gonzaguinha.

Ainda não há nenhuma confirmação sobre o elenco do drama biográfico sobre Roberto Carlos. Segundo informações do UOL, Gabriel Leone, Eriberto Leão e Isis Valverde estão cotados para atuar no longa-metragem, mas mais do que isso são especulações.

Leone interpreta o "rei" em Minha Fama de Mau, ainda inédito e sem data de estreia. O filme de Lui Farias vai contar a história da Jovem Guarda, movimento musical que revelou Roberto Carlos e figuras importantes da música nacional como Erasmo Carlos e Wanderléa, que serão interpretados por Chay Suede e Malu Rodrigues.

Em 2016, foi veiculado na imprensa que a escolha de Leone para Minha Fama de Mau foi definida pelo próprio Roberto. Para a cinebiografia do cantor, ainda segundo o UOL, Roberto não terá influência em nenhuma na escolha no elenco.

O filme será baseado em entrevistas com o cantor e mostrará o controverso acidente que Roberto sofreu aos seis anos de idade, quando foi atropelado por um trem e perdeu parte da perna direita. O caso é um dos assuntos abordados no livro "Roberto Carlos em Detalhes", de Paulo Cesar de Araújo, biografia não autorizada cuja venda foi proibida no Brasil após o artista recorrer ao artigo 20 do Código Civil.

Ainda sem título, a cinebiografia de Roberto, vai abordar da infância do artista, nascido na pequena cidade de Cachoeiro de Itapemirim, sul do Espírito Santo, até o ano de 1968, quando o cantor venceu o prêmio principal do Festival de San Remo, na Itália, com a canção "Canzone Per Te". A vitória na Itália foi um fator fundamental para consolidar a figura de Roberto como Rei.

in-http://www.adorocinema.com
Alda Jesus

Sobre a autora

Alda Jesus - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

1 comentário:

  1. Roberto, parabéns, pelo seu filme vai ser belíssimo a sua estória é linda e muito sucessos, principal pelas músicas belíssimas em portuguê brasileiro, esponhol, italiano, France, inglês, etc.Vai ser um filme muito rico sobre a vida de Roberto Carlos e a cultura brasileira de mais de 50 anos de profissional e muito estilos, ritmos acompanhado o desenvolvimento da música, brasileira latina e outros paises e digerentes idiomas.Roberto gostaria sem permite de participar do filme como a sua última namorada e esposa do Rei, pois fui a garota papo firme de Caetité, Bahia, Brazil.Breno Silveira, parabéns sucessos.Roberto sucessos beijos eu te amo. Zilda Soriano Caetité Bahia Brasil.

    ResponderEliminar

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES
clique na imagem para ver os perfis