Nova forma de se relacionar: conheça as redes sociais literárias

Do Texto: As redes sociais literárias, além de um espaço de bem-estar baseado na troca de dicas e experiências literárias, tornam-se extremamente relevantes na
Composição: Universo, internautas, livro e telemóvel.

São espaços onde leitores e escritores encontram-se e criam verdadeiras comunidades

Por: William Costa*

As redes sociais já não são novidade na vida das pessoas. Elas fazem parte do nosso dia a dia e oferecem ferramentas que nos auxiliam do momento em que acordamos até a hora em que vamos dormir. Grandes facilitadoras da nossa rotina – seja para interação social, compartilhar fotos e vídeos ou trocar experiências –, as redes sociais representam um canal de comunicação potente entre as pessoas.

Muito além das tradicionais (como Facebook, Instagram e LinkedIn), as redes sociais literárias surgiram para abraçar aqueles que desejam falar e ouvir sobre assuntos como escrita, leitura e outros temas que permeiem o universo literário. São espaços onde leitores e escritores encontram-se e criam verdadeiras comunidades.

Normalmente, as redes sociais literárias permitem criar um perfil do usuário que ajuda a filtrar os conteúdos que mais se assemelham aos seus interesses. Isso facilita também a conexão com outras pessoas que podem acrescentar à sua experiência online. Para esse público, ter um local próprio para explorar as novidades da literatura, discutir sobre obras lidas ou mesmo publicar seus escritos gera a sensação de pertencimento, algo que todos nós procuramos a partir de nossos gostos.

É uma ilusão acreditar que tais comunidades servem apenas como um passatempo para seus usuários. As redes sociais literárias têm mais de um papel, pois, além de um espaço de bem-estar baseado na troca de dicas e experiências literárias, tornam-se extremamente relevantes na tomada de decisão dos consumidores. A interação social diária com outros escritores e leitores faz com que se crie um ambiente de confiança e credibilidade entre os presentes.

Engana-se também quem acredita que uma rede social literária é um espaço somente para aqueles que consomem a literatura. Se você é autor ou dono de uma livraria, por exemplo, estar nesses espaços representa a aproximação do seu público, tendo a oportunidade de conhecê-lo ainda melhor e, portanto, desenvolver suas estratégias de publicações e vendas a partir de contextos reais. Em lugares como redes sociais, as pessoas falam de suas experiências, gostos, desejos, demandas, entre outras características de extrema relevância.

Autores e empresas do mercado literário que estão focadas não só em vendas, mas também na fidelização de seus clientes, precisam ocupar os espaços que essas pessoas estão ocupando, e as redes sociais, sem dúvidas, são grandes exemplos. Hoje em dia, não basta viver: as pessoas querem compartilhar as suas vivências com aqueles que têm interesses em comum. Além disso, as redes sociais literárias devem funcionar como uma vitrine onde os autores possam expor seu trabalho.

Portanto, seja você um amante da literatura, seja um leitor assíduo, um autor iniciante ou um empresário do ramo literário, as redes sociais literárias são uma grande oportunidade a ser explorada.

❇❇❇ 

*William Costa, fundador do APP Universo

Sobre o App Universo
Criado por William Costa, o App “Universo: Literature Generator” é a nova rede social para amantes de livros. O aplicativo foi desenvolvido para conectar toda a cadeia do mercado literário e está disponível para Android e iOS. A nova social reading traz títulos com insights dos escritores, bem como permite a publicação de textos e seu compartilhamento durante todo o processo de criação por qualquer usuário. Para mais informações, acesse https://www.vemseuniraouniverso.com/ ou @vemseuniraouniverso 
Também pode ler:
Tags

Enviar um comentário

0 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !