Mawaca lança clipe e songbook de novo álbum

Do Texto: O novo álbum do Mawaca dialoga com o início do projeto, há 27 anos, e joga luzes sobre um repertório cantado por grupos minoritários em diversos diale
Capa do álbum “Nama Pariret" de Mawaca

“Nama Pariret” é o oitavo trabalho do icônico grupo paulistano

Mawaca, icônico grupo da cena paulistana, lançou recentemente seu oitavo álbum. “Nama Pariret" é uma viagem aos cantos femininos de várias partes do mundo, em um registro poderoso e intimista. Buscando ampliar essas narrativas e trazer uma popularização destes cantos, elas lançam um clipe para a faixa “Gada Meilin” e um songbook com as faixas do álbum, disponível gratuitamente e que pode ser conferido junto das canções, em um mergulho completo para os ouvintes.

Assista ao clipe “Gada Meilin”


Baixe o songbook: https://mawaca.com/nama-pariret/ 

Ouça “Nama Pariret”: https://tratore.ffm.to/nama-pariret 

Ouça no Bandcamp: https://mawaca-oficial.bandcamp.com/album/nama-pariret 

O novo álbum do Mawaca dialoga com o início do projeto, há 27 anos, e joga luzes sobre um repertório cantado por grupos minoritários em diversos dialetos como occitane, mongol, ladino, carélia, pugliese, línguas como espanhol, xhosa e búlgaro, além de português. “Nama Pariret” apresenta dois conceitos que permeiam o trabalho das artistas: nama é a força vital para a etnia Dogon do Mali e pariret é o termo usado pelos Ikolen-Gavião para se referir às coisas belas. 

“Gada Meilin”, faixa escolhida para ganhar clipe, é uma canção tradicional asiática sobre herói popular mongol cujo nome dá título à música. Sua vida e feitos foram contados em um longo poema com mais de 2.000 versos. Depois de anos considerada proibida, a composição foi traduzida para mandarim e tornou-se bastante popular na China. Hoje faz parte de coletâneas de música chinesa e é um dos destaques do novo álbum do Mawaca, que pode ser adquirido em uma edição especial e limitada no site do grupo.

A direção do vídeo é assinada por pelo premiado Carlos Eduardo Magalhães (“Ara Pyau - Primavera Guaraní”, “Sou Moderno, Sou Índio”) com fotografia do também laureado Vinicius Berger, conhecido por uma obra ativista e politizada. Filmado na Vila dos Portões, um espaço cultural e museu arquitetônico em meio à natureza que trouxe uma aura onírica para o vídeo e casou com todo o universo do disco.

“Esse projeto teve como foco a imersão nas vozes de mulheres de diferentes lugares do mundo, buscando explorar as vocalidades desses cantos femininos, que apresentam demandas de todo tipo. O álbum joga luzes sobre um repertório cantado por grupos minoritários em diversos dialetos e línguas. Nos despimos da instrumentação poderosa que sempre nos acompanhou e nos debruçamos sobre pérolas musicais delineando os caminhos percorridos por mulheres em tempos remotos e atuais”, conta a arranjadora Magda Pucci. 

Pucci assina todos os arranjos do songbook, que teve edição de Rita Braga. Esse projeto foi contemplado pelo Edital ProAC Expresso destinado a apoiar a gravação de álbuns musicais inéditos.

Ficha Técnica do disco:
Angélica Leutwiller - canto e bendir
Cris Miguel -  canto, bendir e caixa
Magda Pucci - canto, maracás e efeitos
Rita Braga - canto, palmas e caxixis
Valéria Zeidan -  canto, caja argentina, tamburello, pandereta, darbuka clay, bendir, tar, adufe, pandero cuadrado, riq, pandeirão do Maranhão, tambor onça, maracás, caxixis, sementes, palmas, gongos, sinos tibetanos, ocean drum, alfaia, berimbau, talking drum, moringa. 
Zuzu Leiva - canto,  castanholas e snuj
Participações Especiais
Alfredo Rezende - Er-hu em Gada Meilin
Ana Eliza Colomar - violoncelo em Gada Meilin  e Ladainhas
Cristina Guiçá - voz em Boi da Beira
Gabriel Levy - acordeom em Fimmene/ O galo cantou 
Sandra Oakh - voz em Thula Mama

Direção e produção musical: Magda Pucci
Co-direção musical: Rita Braga 
Assistência de direção: Gabriel Levy
Gravação e mixagem: Gustavo Breier 
Edição: Dino Barioni 
Masterização: Seigen Ono (Saidera Records) 
Edição de partituras: Rita Braga 
Ilustração da Capa: Erica Mizutani
Designer: Arthur Mizutani 
Produção executiva: Amanda L. Moraes 
Realização: Ethos Produtora de Arte e Cultura. 
Selo: Ethos Music
Editora: Rocking Gorillas 
Gravado no Estúdio Ilha da Lua
Mixado no Estúdio Mawaca
São Paulo, Brasil, 2022

Projeto contemplado no Edital ProAC-SP  / Gravação de Álbuns Musicais - 2021

Ficha Técnica do clipe:
Direção de Carlos Magalhães
Direção de fotografia por Vinícius Berger
Produção de Ethos Produtora de Arte e Cultura - Amanda Moraes
Gravado na Vila dos Portões e Escola dos Sete Portões – Araçariguama – Sâo Paulo

Projeto contemplado no Edital ProAC-SP  / Gravação de Álbuns Musicais - 2021

Ficha Técnica do Songbook:
Criação e Coordenação: Magda Pucci
Edição das Partituras: Rita Braga
Textos e pesquisa: Magda Pucci
Revisão dos textos: Gabriel Levy, Zuzu Leiva  e Cris Miguel
Revisão das partituras: Gabriel Levy, Valéria Zeidan e Angélica Leutwiller
As canções  do álbum Nama Pariret são interpretadas pela formação do Mawaca composta por:
Angélica Leutwiller
Cris Miguel
Magda Pucci
Rita Braga
Valéria Zeidan
Zuzu Leiva

Ilustração da Capa: Erica Mizutani
Diagramação: Chiara Lobler
Produção executiva: Amanda L. Moraes
Realização: Ethos Produtora de Arte e Cultura.

MAWACA
Website 
Também pode ler:

Enviar um comentário

0 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !