Roberto Carlos – Faz diferença

Os jurados da categoria música foram: Inês Amorim (editora do Rio Show); Sergio Maggi (editor de Mídias Sociais); Silvio Essinger (repórter e crítico do Segundo Caderno); Emicida (rapper, cantor e compositor, vencedor na categoria em 2020).


Os premiados foram escolhidos por votação popular, que começou na internet no último dia 30/4 e prosseguiu até 15/5


user-image

A 19ª edição do Prêmio Faz Diferença, parceria da Firjan com o jornal O Globo que distingue iniciativas inspiradoras para o país, divulgou a relação dos vencedores.

Os premiados foram escolhidos por votação popular, que começou na internet no último dia 30/4 e prosseguiu até 15/5. 

Os jurados da categoria música foram: Inês Amorim (editora do Rio Show); Sergio Maggi (editor de Mídias Sociais); Silvio Essinger (repórter e crítico do Segundo Caderno); Emicida (rapper, cantor e compositor, vencedor na categoria em 2020).

Os indicados como finalistas na categoria música foram os cantores Roberto Carlos, Ludmilla e Pabllo Vittar.  

O grande vencedor desta categoria foi o cantor e compositor Roberto Carlos. O rei que voltou a gravar e fazer o especial de fim de ano, que acabou de fazer uma extensa turnê nos Estados Unidos e agora se volta para apresentações na Bahia, no Rio e em São Paulo. Depois parte para o México, onde realiza cinco shows e retorna ao Brasil, onde tem show marcado até setembro. 

Por esse seu retorno triunfal é que Roberto Carlos foi merecedor do Prêmio Faz a Diferença 2022. Ele ainda tem muita brasa pra queimar.

Roberto Carlos - Emoções
*Carlos Marley, nasceu na cidade de Fortaleza, capital do estado do Ceará – Brasil, onde reside. Formado em Ciências Contábeis, pela Universidade Federal do Ceará, com especialização em Auditoria. Auditor Fiscal aposentado da Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará. Leia Mais sobre o autor...
Também pode ler:

Enviar um comentário

3 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.
  1. Olá, Marley! Não tinha conhecimento desse concurso "Faz diferença", mas na verdade não surpreende a ninguém que o NMQT tenha ficado em primeiro entre os finalistas, A diferença seria se tal não acontecesse. Curiosamente, fiquei a saber que no Brasil se diz "faz diferença" que a mim soa muito mal, já que aqui na Terrinha dizemos "faz a diferença". Enfim, diferentes formas de dizer a mesma expressão. Obrigado pelo texto e um grande abraço robertocarlistico!

    ResponderEliminar
  2. Nobre colega Armindo, a diferença que faz diferença é que exite regra gramatical que o artigo pode ser retirado do contexto, sem alteração no sentido da frase. Veja o que diz Romanos 14:5-6 " Um faz diferença entre dia e dia; outro julga iguais todos os dias. Cada um tenha opinião bem-definida em sua própria mente. Quem distingue entre dia e dia para o Senhor o faz; e quem come para o Senhor come, porque dá graças a Deus; e quem não come para o Senhor não come e dá graças a Deus".
    Fernando Pessoa escreveu: "Tudo o que dorme é criança de novo. Talvez porque no sono não se possa fazer mal, e se não se dá conta da vida, o maior criminoso, o mais fechado egoísta, é sagrado, por uma magia natural, enquanto dorme. Entre matar quem dorme e matar uma criança não conheço diferença que se sinta".
    Outra frase interessante que li foi: "Pra mim não faz diferença ser alguém na vida, eu prefiro fazer a diferença na vida de alguém (Vinicius Gabriel Fernandes).
    Um forte abraço

    ..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, amigo Marley! Sem querer puxar a brasa à minha sardinha, como se costuma dizer, até porque não sou um expert na matéria, tenho para mim que tudo tem a ver com o contexto da frase e, pegando no teu último exemplo, da frase do Vinícius, acho que nela está a prova evidente de que, também como se costuma dizer, "cada macaco no seu galho", ou seja, para mim não soaria nada bem se em vez de "Pra mim não faz diferença ser alguém na vida, eu prefiro fazer a diferença na vida de alguém", ele tivesse escrito "Para mim não faz a diferença ser alguém na vida de alguém, eu prefiro fazer diferença na vida de alguém". Mas, é claro, a língua portuguesa presta-se para muitas trocas e baldrocas e se calhar é por isso que dizem que é a melhor língua para se escrever um texto, uma poesia. Grande abraço.

      Eliminar

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !