Roberto Carlos e Fábio Jr. – O Grande Encontro (10)

A décima edição da série “... O Grande Encontro” traz o cantor, compositor e ator brasileiro Fábio Jr., nome artístico de Fábio Corrêa Ayrosa Galvão, nascido em São Paulo, em 21 de novembro de 1953.



A décima edição da série “...O Grande Encontro” traz o cantor, compositor e ator brasileiro Fábio Jr., nome artístico de Fábio Corrêa Ayrosa Galvão, nascido em São Paulo, em 21 de novembro de 1953. Durante a sua trajetória, além de acumular inúmeros sucessos musicais, ter atuado em filmes, diversas telenovelas e minissérie, quase todas da Rede Globo, também é um artista de múltiplos casamentos. A busca da sua alma gêmea resultou na união de sete “metades da laranja” com as quais teve cinco filhos: Tainá, Krizia e Fiuk com a artista plástica Cristina Kartalian; Cleo com Glória Pires, e Záion com Mari Alexandre.

O repertório romântico já estava presente desde o início da sua carreira, quando cantava em inglês, usando os pseudônimos de Uncle Jack e Mark Davis – tendência na década de 1970. Passada a fase de cantar em inglês adotou o nome artístico brasileiro de Fábio Júnior. Ao site “Ultimo Segundo” falou como surgiu o nome: “Para ir para a televisão cantando em português, tive que mudar de nome. Sou Fábio Galvão, mas tinha – e tem – um ator chamado Flávio Galvão, e o Caion Gadia, da Rádio Tupi Difusora, e o pessoal da gravadora disse: ‘Você tem que mudar de nome'”, relatou ele ao site. “Entrei numa crise existencial, mudar meu nome? Achamos Júnior e ficou”, completou. No final dos anos 70 o nome Júnior passou a ser grafado como Jr. O compacto com as canções “Qual é a sua?” e “O velho beijinho na testa” lançado em 1975, foi a sua primeira gravação em português. 

A discografia de Fabio Jr. é recheada de hits (autorais e de outros autores) como “Alma gêmea”, “Caça e caçador”, “Enrosca”, ‘‘Senta aqui”, “Vinte e poucos anos”, “Pai” e muitas outras. Os seus álbuns também incluem canções da lavra de Roberto Carlos, entre elas “Como grande o meu amor por você”, “Café da manhã”, “E por isso estou aqui”, “Sentado a beira do caminho – dueto com Leila Pinheiro” e “Do fundo do meu coração” e de outros autores, mas do repertório robertocarliano como “Esqueça”, “Abandono”, “Não vou ficar”...

Na teledramaturgia Fábio Jr. e Roberto Carlos (participação especial) atuaram juntos na telenovela “O Amor é Nosso” de autoria de Roberto Freire e Wilson Aguiar Filho (posteriormente substituídos por Walter Negrão) e exibida no horário das 19h pela Rede Globo  de 27/04/1981 a 24/10/1981 em  155 capítulos.  Na trama, o personagem Pedro (Fábio Jr.) entra no teatro em que Roberto Carlos ia se apresentar. Pedro consegue cantar para o rei, que ouve a composição, elogia a letra, mas critica a música. A atriz Myrian Rios, então casada com Roberto Carlos, viveu a personagem Nina a mocinha da história e par romântico de Fábio Jr. Essa novela que em 2022 completa 41 anos da sua estreia foi considerada a mais problemática da emissora (veja matérias da época). Existe até boato em torno de um suposto descarte deliberado das mídias com os capítulos pela Rede Globo. 

No segmento entretenimento/ musicais e shows apresentados pela da Rede Globo, o cantor Fábio Jr apresentou os especiais “Nunca Deixe de Sonhar” em 1982 e “Fábio Júnior Especial” exibido no dia 3 de janeiro de 1992, que teve entre seus convidados especiais o cantor Roberto Carlos, que interpretaram juntos as canções “Todas as manhãs” (trecho) e “Busca”. Já nos especiais de Roberto Carlos foi um dos convidados no especial de 1994, onde cantou “Alma gêmea” e fez dueto com Roberto Carlos na canção “Esqueça”.

Entre os encontros que os dois estiveram juntos, o destaque maior vai para o realizado no programa “Fábio Junior Especial”, onde a dupla interpretou a belíssima canção “Busca” de autoria de Fábio Jr (gravação original no álbum “Intuição” - 1991). O maestro Eduardo Lages foi um dos dois pianistas que acompanharam os dois cantores. Confira no vídeo abaixo.

Roberto Carlos e Fábio Jr. - Busca

Roberto Carlos e Fábio Jr. - Esqueça

Busca - Fábio Jr.  – 1991 

Estar sozinho é um dos caminhos pra essa busca
Que quando ofusca é porque eu não sei como agir
Fugir não aceito, nem meu peito aceitaria
Durante o dia coração é pra sorrir

A noite vem, eu sei que é muito mais difícil
É feito um míssil, em pleno céu na noite escura
E essa procura é eterna dia, noite e madrugada
E não há nada que dissolva essa tortura, nada

E o coração se encanta por toda pessoa
Que numa boa, saiba como me tocar
Porque ele sabe que precisa de carinho
Também preciso, mas não quero me entregar

E eu não me entrego, porque eu nego envolvimento
É só o momento não é tão sério pra eu pensar
Que dessa vez será pra sempre vai dar certo
Porque o deserto é meu e eu vou atravessar
E atravessando eu vou encontrar uma cidade
Onde a felicidade irá me procurar
Porque ela sabe que eu já procurei por ela
E essa pessoa, essa mulher vai me encontrar

E o coração se encanta por toda pessoa
Que numa boa, saiba como me tocar
Porque ele sabe que precisa de carinho
Também preciso, mas não quero me entregar, não

E atravessando eu vou encontrar uma cidade
Onde a felicidade irá me procurar
Porque ela sabe que eu já procurei por ela
E essa pessoa, essa mulher vai me encontrar...

*Carlos Marley, nasceu na cidade de Fortaleza, capital do estado do Ceará – Brasil, onde reside. Formado em Ciências Contábeis, pela Universidade Federal do Ceará, com especialização em Auditoria. Auditor Fiscal aposentado da Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará. Leia Mais sobre o autor...

Enviar um comentário

2 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.
  1. Legal Marley,

    Fábio gravou algumas coisas do repertório RC, entre elas, Café da manhã, Como é grande o meu amor por você, E por isso estou aqui, Do fundo do meu coração, Não vou ficar, Abandono, Sentado a beira do caminho, além de Esqueça, como citou!

    Um abraço a todos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nobre colega Everaldo, obrigado pelos seus comentários nos meus artigos dos Grandes Encontros.

      um forte abraço

      Eliminar

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !