Gestão de Conflitos - Uma das competências mais importantes aos profissionais de sucesso em 2021 - Portal Splish Splash

domingo, fevereiro 07, 2021

Gestão de Conflitos - Uma das competências mais importantes aos profissionais de sucesso em 2021

Uma das principais competências e habilidades procurada nos profissionais, pelas empresas é a gestão de conflitos. Nos tempos atuais, há cada vez mais diversidade de pessoas dentro das organizações, com idades, valores e personalidades distintas. Este ambiente, que é extremamente positivo, é também uma perfeita arena para geração de divergências ou incompatibilidades.


Por: David Braga*


Uma das principais competências e habilidades procurada nos profissionais, pelas empresas é a gestão de conflitos. Nos tempos atuais, há cada vez mais diversidade de pessoas dentro das organizações, com idades, valores e personalidades distintas. Este ambiente, que é extremamente positivo, é também uma perfeita arena para geração de divergências ou incompatibilidades.


Apesar de ter uma conotação negativa muitas vezes, a gestão de conflitos, quando bem feita, promove a tão falada inovação. Quando discutimos ideias com alguém, nem sempre haverá plena concordância, mas dois pontos de vista podem gerar uma terceira solução adaptada.


Por outro lado, gerir conflitos tem seus desafios. Afinal, para que você faça uma boa mediação, estando inserido no conflito ou intercedendo na discordância entre duas pessoas, é primordial ter controle emocional, escuta ativa e empatia, ou seja, se colocar no lugar do próximo. Além disso, ter uma mente aberta, porque sempre existe a chance de mudar de opinião quando damos a oportunidade do outro se expressar.


Em um mundo cada vez mais polarizado, onde cada um se posiciona de um lado, é muito importante saber gerenciar conflitos, pois isso afeta diretamente a sua credibilidade e impacta o desenvolvimento da sua carreira. E, para resolver muitas divergências, a comunicação eficaz é a chave. Ser claro, objetivo, direto, cortês e conversar olho no olho aumenta consideravelmente as chances de se ter uma boa resolução. Quer alcançar o sucesso profissional e pessoal? Aprenda a gerenciar conflitos.  Isso é cada vez mais presente em nosso dia a dia.


Para você que já é um líder ou deseja ser, mediar conflitos faz parte do dia a dia, e é preciso maestria para a condução desses processos. Sendo assim, líderes que não sabem administrar adequadamente situações de conflitos em sua equipe de liderados perdem os bons talentos, que saem em busca de um local de trabalho mais saudável e seguro. Se falamos tanto em qualidade de vida, propósito e legado, estar em um lugar onde você seja desafiado e que tenha um clima harmonioso é de extrema importância. Vale lembrar que, hoje em dia, não apenas a empresa “dá as cartas”, mas também os colaboradores. Isso significa que todos podem decidir se desejam continuar ou romper a relação profissional.


Ambientes conflituosos, inclusive, geram queda de faturamento, uma vez que os resultados serão impactados. Isso porque há perda na qualidade do trabalho, clima organizacional negativo, intensas rivalidades e disputas, o que afeta, também, o nível de atendimento ao cliente. Ou seja, ingredientes certos para o insucesso da organização.


Quando você for o mediador do conflito, a sugestão é que se reúna com as partes envolvidas e ouça os argumentos de cada uma. O seu papel principal é facilitar a comunicação dos participantes, com escuta ativa. Crie uma oportunidade para que os profissionais discutam as próprias ideias e estratégias para resolver as questões. Se eles não conseguirem um entendimento, é importante que você, como líder, dê tratativa à situação, para não provocar impactos na entrega dos resultados.


Da mesma forma, é muito interessante ajudar aos liderados a conquistar essa competência de gestão de conflitos, a fim de construir um ambiente com pensamentos diversos e discordância saudável e administrável. Saiba que conflitos sadios são aqueles que questionam o status quo, ou seja, como as coisas são feitas, e promovem a tão falada inovação.


Com estruturas cada vez mais enxutas e o mundo corporativo cada vez mais competitivo, apenas aqueles que tiverem controle emocional e conseguirem adotar o máximo de competências e habilidades, as tão faladas soft skills, para a gestão de conflitos em seu dia a dia, terão maiores chances de êxito em sua carreira profissional. E aqui entra o tão falado protagonismo, uma vez que cabe a cada um decidir qual imagem deixará em cada interação, com outras pessoas. E vale lembrar que gerir conflitos com controle emocional é necessário do estagiário ao presidente das organizações.


*David Braga é CEO, board advisor e headhunter da Prime Talent. É também autor do livro “Contratado ou Demitido – só depende de você” e professor convidado da Fundação Dom Cabral (FDC) para matérias de gestão de pessoas. Ele atua, ainda, como embaixador do ChildFund, eleita, pelo quarto ano consecutivo, uma das 100 melhores ONGs do Brasil, que apoia crianças e adolescentes em extrema vulnerabilidade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário