ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

11/11/2020

A volta dos eventos literários

AT Sergio, escritor romancista de ficção e terror, fala sobre os eventos virtuais.


Não tem jeito. A gente até achou que conseguiria passear pelos corredores de uma boa feira do livro ainda em 2020, mas a pandemia não deixou. Então, o jeito é apostar no formato online. E não é que está dando certo?


Para AT Sergio, escritor romancista de ficção e terror, é um alento saber que, mesmo que a pandemia não tenha acabado, e talvez esteja um pouco longe de efetivamente deixar de existir, os eventos literários, mesmo que timidamente, começam a voltar à ativa, ainda que no meio virtual: “estamos vivendo a experiência da Festa do Livro da USP, em São Paulo, da Flipoços, de Poços de Caldas, e da Feira do Livro de Porto Alegre esta semana, o que já dá uma esperança para quem achava que ia ter que esperar mais um ano para conhecer novidades e fazer boas compras”.


“A verdade é que a pandemia não acabou, como esperávamos, não há vacina ainda em vista que nos deixe 100% seguros e, então, o jeito é usar as ferramentas que temos para fazer com que o mercado siga caminhando”, lembra AT, e uma dessas ferramentas é o evento online.


Além da Festa do Livro da USP, da 66ª Feira do Livro de POA e do Festival Literário Internacional de Poços de Caldas, ainda tivemos a confirmação de que a Bienal do Livro de São Paulo também vai acontecer de forma virtual. “Será a 1ª Bienal Virtual do Livro, algo que indica um formato que, talvez, possa ser, em algum momento, incorporado aos eventos, não em detrimento do presencial, mas para ampliação, talvez, das possibilidades literárias”, pondera AT.


Lembrado que a 72ª Feira do Livro de Frankfurt também aconteceu de forma virtual, no mês passado e, segundo a divulgação da feira, mais de 200 mil usuários foram alcançados. “Tudo bem que a feira já é um evento consolidado, mas é preciso levar em conta que as pessoas estão migrando, sim, ou ao menos ampliando seu campo de atuação para o online”, enfatiza o escritor.


A grande questão, segundo o romancista, que no último ano lançou duas obras físicas, seu primeiro romance, ELES, e uma coletânea de contos com dois inéditos, AS 13 – HISTÓRIAS DIVERSAS, é que o mundo está mudando e a literatura, como sempre, vai acompanhar: “pode ser que leve mais um tempo até termos eventos 100% presenciais, mas não deixaremos de conhecer novidades, tanto em títulos quanto sobre novos autores, enquanto os eventos online nos salvarem do isolamento”.


Onde comprar AT Sergio:

https://luvaeditora.com.br/loja/

https://www.atsergio.com.br/loja


Quem é AT Sergio

A.T. Sergio é um escritor pernambucano, romancista, organizador e participante de antologias nos gêneros terror, suspense, mistério e policial, publicado por diversas editoras nacionais e através da plataforma independente da Amazon. Autor Hardcover, plataforma de aperfeiçoamento da escrita desenvolvida pela Vivendo de Inventar, depois de publicar contos em mais de 25 antologias, estreia em romances com essa publicação, “Eles”, após ter sido finalista no prêmio SweekStars, edição 2018. Redator da revista eletrônica “A Arte do Terror”, é também colunista do portal literário “Literanima”, onde publica textos periódicos sobre criatividade e forma de escrita.

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo