ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

9/18/2020

Livro traz o impacto da energia solar ao meio ambiente

 

"A sustentabilidade da energia solar" mostra pesquisa de campo sobre placas fotovoltaicas


"A sustentabilidade da energia solar" mostra pesquisa de campo sobre placas fotovoltaicas


O impacto dos recursos da energia solar ao meio ambiente é um dos temas do título “A sustentabilidade da energia solar”. Escrito pela mestra em Direito Ambiental Dra. Cristiana Nepomuceno de Sousa Soares, a obra é um lançamento da editora Lumen Juris. O livro é resultado de um estudo de campo realizado pela autora, que aborda as consequências do uso de placas fotovoltaicas à natureza. Além disso, discute sobre as opções de energia renováveis.


Com 121 páginas, o título é a conclusão da dissertação de mestrado da autora. A pesquisa é pioneira no tema, uma vez que aborda as energias renováveis sob um viés até então não discutido. “O livro não traz somente a importância do uso de fontes energéticas que não venham de combustíveis fósseis, por exemplo, mas ressalta que o resultado dessas energias renováveis também não pode ser prejudicial ao meio ambiente”, explica a autora.


No livro, uma das recomendações da Dra. Cristiana para a energia solar está relacionada ao descarte das placas fotovoltaicas. Segundo a autora, para que o item não prejudique o meio ambiente após o uso, o ideal é que seja feito o desmanche ou até mesmo a reutilização em usina reciclável.


A sustentabilidade é um tema em constante renovação. Com isso, a autora destaca a importância de obras como a de seu lançamento para a literatura brasileira. “Estamos passando por uma pandemia de um vírus com origem animal, novo para o corpo humano. Isso mostra como nós avançamos sob a natureza e como devemos mudar a nossa postura em relação à proteção ambiental. As energias renováveis têm esse propósito - proporcionar o desenvolvimento de maneira sustentável.”


O livro “A sustentabilidade da energia solar” está disponível para venda no site da editora Lumen Juris. O preço sugerido de venda é de R$ 50.


Sobre a autora Dra. Cristiana Nepomuceno de Sousa Soares  é graduada em Direito e Biologia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, em Belo Horizonte. Pós-Graduada em Gestão Pública pela Universidade Federal de Ouro Preto- MG. Especialista em Direito Ambiental pela Universidade de Alicante/Espanha. Mestre em Direito Ambiental pela Escola Superior Dom Helder Câmara.


Foi assessora jurídica da Administração Centro-Sul da Prefeitura de Belo Horizonte, assessora jurídica da Secretaria de Minas e Energia- SEME do Estado de Minas Gerais, consultora jurídica do Instituto Mineiro de Gestão das Águas- IGAM, assessora do TJMG, professora de Direito Administrativo da Universidade de Itaúna/MG, membro da UBAA- União Brasileira da Advocacia Ambiental. Atualmente é presidente da Comissão de Direito de Energia da OAB/MG.

1 comentário:

  1. Nobre colega Carmen, o Ceará é um estado carente de água, mas de sol e vento nos temos em abundância e produzimos muita energia solar e energia eólica.

    ResponderEliminar

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo