ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

10/25/2019

Museu Casa de Portinari sedia cerimônia que celebra pacto de cidades-irmãs entre Brodowski e Chiampo


Municípios brasileiro e italiano estreitam e unem laços culturais da família Portinari

Em 27 de outubro, às 10h, a Prefeitura de Brodowski e o Museu Casa de Portinari, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari, realizarão uma celebração do ‘PATTO DI GEMELLAGGIO’ (cidades-irmãs) entre a cidade italiana de Chiampo, terra natal do Sr. Batista Portinari, pai de Candido Portinari, e Brodowski (SP), berço de um dos maiores pintores brasileiros de todos os tempos, reconhecido e celebrado internacionalmente: Candido Portinari.

Para a cerimônia de assinatura, o equipamento cultural e a Prefeitura preparam uma programação especial com apresentações artísticas, feira de artesanato, uma edição extra do Domingo com Arte, que conta com a presença de diversos artistas locais e regionais, e, ainda, o lançamento local do livro “Poemas de Portinari”, recentemente publicado pela FUNARTE e pelo Projeto Portinari.

A comitiva será liderada pelo prefeito de Chiampo, Sr. Matteo Macilotti, e contará com a presença de diversas autoridades estrangeiras e de João Candido Portinari, filho do artista brodowskiano. Dentre as atividades da programação estão visitas ao museu, à igreja matriz de Batatais, ao seminário de Brodowski e à Fazenda Santa Rosa, onde nasceu o pintor, com degustação do café produzido no local, esta ação será na segunda-feira (28).

Cidades- irmãs

O ‘Patto di Gemellaggio’ ou pacto de cidades-irmãs tem o objetivo de aumentar o intercâmbio entre localidades que têm pontos em comum. Por meio do incremento de tais afinidades, surgem oportunidades de negócios, enriquecimento cultural e proximidade entre os municípios. Neste caso, Chiampo e Brodowski estão unidas por meio da família Portinari que nasceu na Itália e se multiplicou no Brasil, tendo como fruto um ilustre membro: Candido Portinari.

Assim, dentre os objetivos está criar relações e mecanismos, principalmente em nível cultural, por meio de cooperações diversas sobre a vida e a obra do artista, bem como celebrar seu amor à terra natal, Brodowski, presentes nas suas pinturas e versos.

Esses convênios de irmandade representam base formal e legal para o estabelecimento de eventuais acordos de cooperação técnica, programas de intercâmbio e desenvolvimento econômico, e atendimento à comunidade oriunda do país ou região da cidade-irmã. Independentemente da proximidade geográfica e cultural, os acordos servem como canais de estreitamento de laços de amizade entre elas.

Enquanto instrumentos diplomáticos, esses pactos bilaterais propiciam a troca de conhecimentos sobre políticas públicas e projetos em diversas áreas, tais como programas de saúde, políticas culturais, e outros temas de interesse mútuo das cidades.

Sem comentários:

Enviar um comentário