LightBlog
>

ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

10/25/2019

Duo capixaba Severino mira o futuro no single “Próxima Estação

Arte de capa por Everton Radaell

Canção é a faixa-título do EP que o projeto lança em breve

Após chamar atenção com sua primeira demo, “Sorriso de Bethânia”, Severino está pronto para olhar adiante com o single “Próxima Estação”. A canção dá nome ao primeiro álbum do duo capixaba, a ser lançado no final de 2019 com a sua já conhecida mescla de sons brasileiros e eletrônicos. A faixa está disponível nos principais serviços de streaming de música.

Ao olhar para o futuro, Severino volta às origens do projeto. “Próxima Estação” foi a primeira música a ser composta especificamente para o duo, inicialmente criada totalmente no baixo por Humberto Campos, que também assina a letra. Ao lado do cantor e guitarrista Edson Freitas, das bases eletrônicas do produtor Jackson Pinheiro e dos teclados de Evandro Lino, ele deu o tom à sonoridade de Severino, que agora ganha forma com o seu primeiro EP. 

“‘Próxima Estação’ foi composta no baixo (em dedilhados de acordes) e toda a construção dela foi em cima dele. Ela sintetiza todo o ambiente temático do EP, e de nosso momento atual como projeto musical. Próxima estação significa seguir em frente para a próxima fase de sua vida, buscar novos ares e sair do isolamento”, reflete Humberto. 

Severino resiste e persiste no caldeirão independente capixaba, um projeto que surgiu da teimosia em fazer música, apesar dos desafios em viver de arte. A dupla é acompanhada por uma gama de instrumentos eletrônicos, fazendo a vez de “quebra-galhos” - tal qual o personagem do porteiro imortalizado por Paulo Silvino em um humorístico global e que acabou por batizar o trabalho. Agora, Severino se estabelece no cenário da nova MPB sem se restringir a rótulos de gêneros musicais.

O projeto baseado em Vitória, no Espírito Santo, nasceu na adversidade. Diante da dificuldade em manter um trabalho coletivo em formato de banda e da limitação de suas habilidades enquanto cantor, o baixista Humberto Campos convidou o cantor e guitarrista Edson Freitas para formarem um duo a três - eles e o acompanhamento eletrônico, que faz vezes de bateria, trompete, teclado e muitos outros instrumentos e a quem passaram a chamar de Severino. 

“Ou me reinventava para continuar existindo como compositor e músico que busca a própria identidade musical ou caía no marasmo infinito de não conseguir avançar musicalmente”, relembra Humberto. Ao pesquisar formações possíveis e práticas, ele viu nascer uma parceria que, embora recente, já colhe os frutos de seus primeiros passos na carreira. 

Severino se estabeleceu em junho de 2017, quando gravou a demo “Sorriso de Bethânia” para a coletânea “Voadora Records Vol. 2”, que reuniu nomes de destaque da efervescente cena capixaba. Desde então, vem ganhando espaço nos palcos do estado e além. Atualmente o duo Severino mira o futuro ao lançar seu primeiro EP autoral. “Próxima Estação” trará a faixa-título como single, “Sorriso de Bethânia” com arranjo repaginado e outras canções. O álbum será lançado no final de 2019 e promete alavancar a carreira do projeto que já chama atenção em uma interpretação autêntica e inovadora dos sons da música brasileira.

Ouça “Próxima Estação”: http://smarturl.it/ProximaEstacaoSingle

Crédito: Gabriel Hand
Ficha técnica
Humberto Campos – Baixo
Edson Freitas – Voz e guitarras
Jackson Pinheiro – Base eletrônica
Evandro Lino – Teclados
Produtor: Jackson Pinheiro

Letra
PRÓXIMA ESTAÇÃO
Letra e música: Humberto Campos
Fechei as malas, limpei os quartos
As cortinas e as poeiras do passado
Antes de tudo, guardei meu luto
Tanto tempo sem dar brilho nos sapatos


Áh! Não diz meu nome em vão
Quero estar no trem pra próxima estação
Quero acreditar, que o tempo vai curar
É pretérito viver de ilusão

Quero estar no trem pra próxima estação

Lavei os pratos, tranquei janelas
Foi pro lixo o que sobrou daqueles cacos
Libertei tudo, um grito pro mundo
O que eu levo está impresso nos retratos

Ah! Não diz meu nome em vão
Quero estar no trem pra próxima estação
Quero recomeçar, eu vou correr pro mar
É perfeito não morrer na solidão

Quero estar no trem pra próxima estação

Acompanhe Severino:

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo