ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

9/12/2019

Conheça o estilo trap: Don Charles é uma das revelações no cenário trap nacional

Don Charles concilia a carreira de modelo e músico-Divulgação Black Comunicação

O nome trap music é a tendência! Traduzindo do inglês, o termo significa “armadilha da música”. O estilo é bem conhecido, principalmente entre os jovens e provavelmente você já ouviu em alguma festa.

A palavra trap é, na verdade, uma gíria americana utilizada para designar locais perigosos, principalmente, no sul dos Estados Unidos, onde o gênero surgiu, as letras têm por objetivo ressaltar temas que são pouco abordados pela mídia por serem considerados polêmicos, como criminalidade, política, discriminação racial, religião, vida e morte.

O ritmo, que surgiu na década de 1990, chegou ao Brasil através das baladas e encantou quem buscava seu espaço no cenário musical. Foi o caso de Don Charles, que passou a conciliar a carreira de modelo para se dedicar também ao lado artístico.

“Eu já gostava desse gênero há alguns anos, mas comecei a estudar de verdade sobre o trap logo após a morte do XXXTentacion (rapper americano). A notícia me chamou atenção pois ele morreu no dia do meu aniversário, 18 de junho 2018. Ali, comecei a ver vídeos no YouTube e me a conectar com o trap”, revela o cantor.

O ritmo mistura três estilos musicais: a batida do rap, música eletrônica e barulhos repetitivos. Produzido com metais, triângulo, onomatopeias, instrumentos de corda e sopro, que provocam a sensação de falta de harmonia e, portanto, gera uma melodia mais agressiva.

Don Charles em um dos muitos shows que tem feito-Divulgação Black Comunicação

Don Charles explica que o estilo trap pede autenticidade e uma personalidade forte, pois é um pouco debochado tanto nas músicas quanto o lifestyle. E conta quem são suas influências no gênero.

“Minhas grandes influências no trap são os artistas Lil Uzi, Playboi Carti e Travis Scott”, afirma o cantor.

Destaque como modelo, o carioca Elthon Charles, está realmente apostando suas fichas no universo musical.  Com o nome artístico Don Charles, ele lançou, recentemente, o single "Tão Bom" ao lado de Leo Picon. O jovem disse que consegue conciliar as duas profissões tranquilamente e não pretende deixar nenhuma área de lado.

"São caminhos diferentes, mas está sendo tranquilo para mim. Gosto das duas profissões e acho também que uma alimenta a outra, elas irem juntas acho que é o ideal", conta o artista, que já modelou na Europa e esteve em editorias de moda de grandes grifes.

O desejo de cantar era antigo, mas ele só tomou forma há cerca de um ano. Com quase 20 singles gravados, Don fará mais um lançamento no próximo mês. E contou com a participação de Babi Muniz na gravação do clipe de “Lambow”.

"Pretendo gravar mais 15 clipes e estou em busca de parcerias para fazer feat. Tô muito afim, pois estou com muita música boa e agora é só lapidar, que coisas boas virão!", disse Don.
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

1 comentário:

  1. "Don Charles explica que o estilo trap pede autenticidade e uma personalidade forte, pois é um pouco debochado tanto nas músicas quanto o lifestyle. E conta quem são suas influências no gênero." Ouvi todas as músicas pra concluir algo. É pessoal, mas se alguém quiser uma dica: não perca tempo ouvindo o que ele chama de "música boa"

    ResponderEliminar

HOMENAGEM A ROBERTO LEAL

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil