ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

8/11/2019

Salvador recebe fórum de políticas de saúde


Ministério da Saúde, universidades, instituições públicas e privadas e especialistas da área participarão do evento para discutir recentes avanços na área da medicina e formulação de políticas de saúde

A cidade de Salvador sediará na próxima semana, de 13 a 16 de agosto, o VII FÓRUM BRASILEIRO SOBRE ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA E FARMACOECONOMIA, evento que contará com a presença de autoridades, palestrantes internacionais e cerca de 700 formadores de opinião para discutir políticas de saúde, com foco em dados de mundo real e recentes avanços nos processos de avaliação de novas tecnologias para o SUS e para a saúde suplementar.

Entre os participantes, estarão o Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Denizar Vianna, e o Presidente do Fórum e professor da UFBA, Lindemberg Assunção Costa. Organizado pelo INAFE – Instituto Nacional de Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia e pela ACPGMS – Associação do Curso de Pós-Graduação em Medicina e Saúde, o evento conta com apoio do Ministério da Saúde, ANVISA, Organização Pan-Americana de Saúde, entre outros.

“A formulação de políticas de saúde apresenta grandes desafios técnicos, orçamentários e regulatórios no Brasil e no mundo. Somente com o debate franco e colaborativo entre a comunidade científica, sociedade civil e instituições públicas e privadas será possível evoluirmos com as políticas de saúde no Brasil” afirma Lindemberg Assunção, Presidente do Fórum.

A complexidade das doenças raras no Brasil exige atenção redobrada para formulação de políticas de saúde que minimizem o impacto social de milhares de pessoas e familiares. A Fibrose Cística, doença rara que afeta cerca de 5 mil pessoas no país, será debatida nesta edição do fórum com a palestra do Dr. Jader Baima, Diretor Médico da Vertex Farmacêutica, que apresentará os recentes avanços da medicina e dados sobre o registro brasileiro da doença. Entre os dados a serem apresentados, está a discrepância entre a idade de óbito pela doença no país comparado a outros países - enquanto nos Estados Unidos é de 29,6 anos, no Brasil esse número é de 14,6 anos.

O fórum acontece no Fiesta Bahia Hotel e mais informações estão disponíveis no site oficial: http://www.assistenciafarmaceutica.com.br//.

Sobre a fibrose cística
A fibrose cística (FC) é uma doença genética rara, com risco de morte, que afeta aproximadamente 4.600 pessoas no Brasil.

A FC é causada por uma proteína reguladora da condutância transmembrana da fibrose cística defeituosa ou ausente (CFTR) resultante de mutações no gene CFTR.  Os pacientes herdam dois genes CFTR defeituosos - um de cada pai - para ter FC. Existem aproximadamente 2.000 mutações conhecidas no gene CFTR. Algumas dessas mutações, que podem ser determinadas por um teste de genotipagem, levam à FC, criando proteínas CFTR não funcionais ou muito poucas na superfície celular. A função defeituosa ou a ausência da proteína CFTR resulta em baixo fluxo de sal e água para dentro e para fora da célula em vários órgãos. Nos pulmões, isso leva ao acúmulo de muco anormalmente espesso e pegajoso que pode causar infecções pulmonares crônicas e danos pulmonares progressivos em muitos pacientes que, eventualmente, levam à morte.

Sobre a Vertex
A Vertex é uma empresa global de biotecnologia que investe em inovação científica para criar medicamentos transformadores para pessoas com doenças graves e potencialmente fatais. Além dos programas de desenvolvimento clínico em Fibrose Cística, a Vertex tem mais de uma dúzia de programas de pesquisa em andamento focados nos mecanismos subjacentes de outras doenças graves.
Fundada em 1989 em Cambridge, Massachusetts, EUA, a sede da Vertex agora está localizada no Innovation District de Boston. Hoje, a empresa possui sites de pesquisa e desenvolvimento e escritórios comerciais nos Estados Unidos, Europa, Canadá, Austrália e Brasil.

Sem comentários:

Enviar um comentário