ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

7/12/2019

Sucesso há cinco bienais: a menina que se escondia nos livros


O bullying fazia parte do seu cotidiano, sentia-se sozinha e precisava se apoiar em alguma coisa e, neste momento, os livros entraram de forma intensa na vida da autora paulistana Ana Beatriz Brandão.

Apesar de ser incentivada desde pequena por seus pais, a escritora da Versus, do Grupo Editorial Record, só viu sua vida mudar após começar a escrever, com apenas 12 anos.

Hoje aos 19 anos, vai para sua sexta Bienal Internacional, com o sexto livro publicado de 22 escritos. A motivação para fazer diferente levou a Ana Beatriz a conquistar este número de publicações e, também, a passar pela experiência de ter duas obras transformadas em um filme: “O Garoto do Cachecol Vermelho”.

Na XIX Bienal Internacional do Livro Rio, que começa agora em agosto de 2019, a escritora lança o segundo livro de uma trilogia de fantasia, o Entre a Luz e a Escuridão. Mais intenso que o primeiro, revelará muitos segredos do Instituto Leonard Travis Goyle, que domina o mundo após uma guerra apocalíptica.

O cuidado com a construção de cada personagem foi um processo muito delicado e importante nesta segunda obra, uma vez que muitos deles se transformam, se revelam, ou mesmo mudam por conta de acontecimentos.A fantasia que Ana Beatriz cria neste universo de vampiros, telecinéticos, pirocinético, entre outros elementos essenciais para uma boa obra deste gênero, faz esta história ser tão especial, principalmente, quando ela conecta cada superpoder com a personalidade dos personagens.

A autora, sucesso de vendas entre os jovens, os amantes da fantasia, do sick-lit e da literatura bem escrita, superou todos os obstáculos por meio dos livros e, hoje, faz questão de sempre passar mensagens em suas obras que motivam as pessoas a enfrentarem os desafios e vencê-los.

Sobre a obra: Nesse segundo volume da trilogia de “Sob a luz da escuridão”, Lollipop assume a liderança da Área 4 e comanda tudo com mãos de ferro. Depois que novas áreas são conquistadas, o clã está mais poderoso do que nunca. Com a ajuda de um novo aliado, Sam, Lolli e Jazz, se preparam para interceptar um dos maiores contêineres enviados pelo Instituto. E, quando tudo sai do controle, um grupo de guerrilheiros precisa partir em uma missão suicida que os levará de encontro ao maior inimigo dos metacromos. Destemida, rebelde, divertida e incansável... Uma garota repassa essas palavras em sua mente, como um mantra que a mantem equilibrada e a torna forte para obedecer às ordens que recebe de uma voz desconhecida. Programada para trabalhar arrecadando dinheiro para o Instituto LTG, ela é capaz de tudo para se manter viva. Até mesmo matar.

Sobre a autora: Com cinco anos já era uma ávida leitora, aos treze iniciava uma jornada cercada de magia junto aos seus personagens e atualmente, com dezoito anos, já publicou cinco livros e embarca na forte emoção de acompanhar o filme baseado em seus dois best-sellers, O Garoto do Cachecol Vermelho e A Garota das Sapatilhas Brancas. Targaryen, potterhead, narniana, semideusa e tributo, Ana Beatriz Brandão vive intensas aventuras todos os dias e celebra suas publicações, desde a mais recente obra Sob a Luz da Escuridão, até aquela que pela primeira vez cativou o público, Sombra de um Anjo. Não esquece as emoções vivenciadas em Caçadores de Almas que também tem um valor inestimável à jovem escritora. Seu maior sonho é poder continuar contando suas histórias para todos aqueles que, assim como ela, acreditam que os livros são a melhor forma de tocar o coração das pessoas e mudar suas vidas.

Sem comentários:

Enviar um comentário