LightBlog
>

ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

7/25/2019

Inovativa Brasil estende prazo de inscrição para a sua próxima edição


Iniciativa vai selecionar até 130 startups que receberão mentorias gratuitas

Após vencer o Ranking 100 Open Startups na categoria Ecosystem, o InovAtiva Brasil, programa de capacitação, mentoria e conexão para startups de todo o país realizado pelo Ministério da Economia, pelo Sebrae e executado pela Fundação CERTI, decidiu estender o prazo de inscrição para a sua próxima edição.

As interessadas podem se inscrever no site do programa até o dia 29 de julho. Para participar é necessário que a startup esteja no estágio de operação ou tração e desenvolva soluções inovadoras e tecnológicas. Serão selecionados até 130 negócios, que receberão mentorias gratuitas e se conectarão aos maiores players de empreendedorismo do Brasil.

Durante quatro meses, as startups selecionadas para participar do 10º ciclo do programa receberão mentorias gratuitas, terão acesso a cursos e conteúdos exclusivos criados para estimular o aperfeiçoamento dos negócios e poderão fazer networking com outros empreendedores. Para encerrar sua participação no programa, a empresa se apresentará para a maior banca de investidores do país.

Sobre o InovAtiva Brasil
O InovAtiva Brasil é um programa gratuito de conexão e aceleração de negócios inovadores de qualquer setor e região do Brasil, realizado pelo Ministério da Economia e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com execução da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (CERTI). O programa oferece mentorias, visibilidade às startups e conexão com investidores, grandes empresas e parceiros. Entre 2013 e 2019, mais de 2000 startups participaram do programa e cerca de 930 delas chegaram à fase de apresentar suas startups em bancas presenciais com investidores.

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo