ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

4/02/2019

Mario de Oliveira explica como converter mais no seu comércio eletrônico


O comércio eletrônico agora é mais do que apenas varejo on-line. Sempre foi sobre conveniência, uma alternativa melhor para fazer compras em uma loja de tijolo e argamassa. Mario de Oliveira explica que alguns sites de comércio eletrônico se tornaram mercados globais, especialmente Amazon e Alibaba.

Hoje existem cerca de vinte e quatro milhões de sites de comércio eletrônico no mundo. No entanto, menos de setecentos mil sites de comércio eletrônico vendem produtos e serviços no valor de mais de mil dólares todos os anos.
As estatísticas revelam uma realidade simples. Não há escassez de lojas online, mas uma pequena fração delas registra receitas respeitáveis. Isso indica uma taxa de conversão baixa em média.

Taxa de Conversão

Para a maioria dos sites de comércio eletrônico, a taxa de conversão é inferior a um por cento. Muito poucas lojas online têm uma taxa de conversão de quase três por cento.Se sua loja on-line gerar tráfego substancial, mas você não tiver um impacto proporcional nas vendas, terá que trabalhar nas conversões. Se o seu site não está recebendo visitantes suficientes, você precisa primeiro trabalhar em seu alcance e depois se preocupar com a conversão explicou Mario de Oliveira. O comércio eletrônico pode aumentar as conversões, mas é preciso muito planejamento e uso inteligente de algumas táticas inteligentes. Neste guia, ilustraremos como o comércio eletrônico pode aumentar as conversões independentemente do setor e do mercado-alvo.

Cópia de comércio eletrónico deve evocar uma resposta emocional

Todo comprador passa por fases distintas do ciclo de compra. Os profissionais de marketing usam funis de vendas para qualificar seu público-alvo, desde uma lead lead fria até uma lead warm e depois para um cliente. Pode haver mais de três fases em qualquer funil de vendas. Como os compradores nem sempre estão no estágio final quando estão prontos para comprar, os sites de comércio eletrônico devem tentar convencer o visitante a se interessar em se convencer a comprar ou se inscrever em algo. Uma maneira de fazer isso é usar um conteúdo que evoque uma resposta emocional.

Compras nem sempre são impulsivas. Muitas pessoas fazem escolhas calculadas. No entanto, impulso ou emoção desempenha um papel. Se você digitalizar vários sites de comércio eletrônico, independentemente do setor, você notará que os produtos são listados metodicamente, mas as informações são apresentadas de uma maneira bastante branda. 

Os clientes querem obter os detalhes relevantes nas descrições, mas também querem se relacionar com o produto ou serviço explicou Mario de Oliveira. Uma descrição estereotipada não evoca nenhuma resposta especial em um comprador. É necessário fazer com que o produto ou serviço se destaque de suas alternativas, evocando uma reação emocional.Uma maneira de estabelecer uma conexão imediata com o comprador é fazer com que um redator apaixonado crie descrições atraentes. As descrições de produtos ou serviços são geralmente escritas por escritores que seguem uma norma e incluem os detalhes essenciais. 

Não há regra dura e rápida para aderir a qualquer norma definida. A descrição de um produto ou serviço pode ser sempre mais criativa. Somente alguém que é apaixonado pelo produto ou serviço, sabe o que os clientes em potencial estão procurando e pode resolver seus requisitos será capaz de escrever uma cópia convincente diz Mario de Oliveira. Deve-se lembrar que todo o conteúdo de uma página de vendas de um site de comércio eletrônico é uma cópia elaborada. A redação não se limita ao slogan ou a uma legenda.

Uma loja que vende de tudo, de sapatos a livros, software a hardware, roupas e equipamentos para atividades ao ar livre, sempre pode ter descrições exclusivas. Qualquer escritor pode chegar a uma descrição para um par de estiletes. Apenas um copywriter que é apaixonado por estiletes será capaz de conceber uma descrição distinta para um par específico. 

A mesma verdade se aplica para equipamentos ao ar livre. Não é difícil destacar os prós dos materiais usados para fazer uma lanterna tática. Mario de Oliveira ainda lembra que detalhes do produto e um pouco de pesquisa sobre os materiais podem levar alguém a tal informação. No entanto, apenas alguém que é apaixonado por lanternas táticas saberá como diferenciá-lo dos outros modelos em apenas algumas linhas da descrição do produto.

O design de comércio eletrônico deve ser persuasivo

Um site de comércio eletrônico pode ser uma simples loja online. Pode haver categorias de produtos. A caixa de pesquisa na página principal pode levar um usuário a categorias, subcategorias ou produtos individuais distintos. As categorias podem ser apresentadas na página inicial. Os produtos mais vendidos podem ser apresentados na página de destino. 

Pode haver qualquer tipo de indexação que não complique a navegação. O problema com esse enorme quantum de informações é que um visitante se distrai. Mario de Oliveira reitera que não deve haver muitas distrações em nenhuma página. Um visitante deve ser capaz de se concentrar com calma em sua busca. O apelo visual de cada página da web deve atrair um visitante para o ponto de venda mais atraente.

Os compradores não verificam os sites de comércio eletrônico com uma abordagem sem objetivo. Eles não têm o objetivo de apenas navegar pela loja inteira sem nenhuma intenção clara do que querem comprar ou mesmo ler sobre. Todo cliente que visita sua loja online terá um interesse específico.O design do site deve ser capaz de atender a esse interesse específico. Deve haver uma imagem principal. Isso deve ser imersivo, se possível. O texto embutido deve ser simples. Idealmente, deve ser uma cópia inteligente e atraente. O apelo à ação deve acompanhar o texto interno e a imagem principal. Deve ser simples.

Conceber um design de comércio eletrônico limpo e simples, mas persuasivo. Dispersar muita informação em torno da página e você perderá um visitante. Fornecer muitas ofertas ou listar muitos produtos e o visitante se distrairá. Primeiro, desenhe seu visitante e, em seguida, facilite a navegação sem esforço, fornecendo novas informações e motivos mais convincentes para comprar conforme eles prosseguem no sitemap.

Segmentar e, em seguida, Redirecionar seu público ou visitantes na mesma sessão

Os sites de comércio eletrônico normalmente têm uma página de destino. Esta não é a página inicial de todos os sites. Uma página de destino é projetada especificamente para destacar as últimas notícias ou ofertas em tempo real. A página de destino é tópica. A homepage é geralmente perene. Não importa de onde seus visitantes estão sendo redirecionados, você deve segmentar o público-alvo com a página de destino e redirecionar as mesmas pessoas que continuam navegando. 

O simples fato de você ter um visitante não significa que você tenha um cliente em potencial. A maioria dos visitantes não está na fase de compra do ciclo quando decide comprar. A segmentação e o redirecionamento ajudam a converter um lead frio em um lead quente e um cliente em potencial em um comprador.Você pode segmentar o público com um acordo especial. Pode haver um desconto generoso ou até mesmo um brinde. Mario de Oliveira mostra a importância de de  redirecionar o público com outro desconto. Você pode usar combos e up-sell ou down-sell também. Alguns clientes em potencial não acabam comprando porque estão procurando algo mais acessível ou menos grandioso. 

Uma opção de venda reduzida pode salvar uma venda. Os descontos progressivos costumam ser mais eficazes do que uma grande redução no início. Você pode anunciar um enorme desconto de cinquenta por cento imediatamente ou você pode qualificar um lead com desconto de vinte e cinco por cento e, em seguida, oferecer o desconto restante antes da finalização da compra. Essa é uma tática eficaz para atrair os clientes com uma oferta e depois convencê-los com outra.

Um cliente se entrega a pensamentos durante todo o processo de navegação e suas ações ou reações estão além do seu controle. Pode haver muitas razões para qualquer comprador parar de comprar. Isso afetará sua conversão. Você precisa continuar fornecendo um motivo ou outro para que o cliente continue até que ele faça o check-out após a compra. Ganhos financeiros são a força motriz singularmente mais importante para os compradores indecisos.

Simplifique o Checkout para conversões mais rápidas

Quantos visitantes do seu website de comércio eletrônico saem no checkout sem comprar o que eles têm no carrinho? É fácil determinar isso. Existem muitas ferramentas que você pode usar. Se houver muitos clientes em potencial que estão abandonando seu site antes ou apenas no checkout, algo está errado com a forma como você está facilitando a transação ou inscrevendo-os.

Formulários longos, captchas e protocolos de verificação tradicionais são problemas. Você precisa garantir a segurança e existem outras maneiras além dos captchas. Você pode facilitar o check-out de celular. Use uma senha de tempo para verificar a autenticidade do visitante afirmou Mario de Oliveira. Você pode usar um formulário simples que requer apenas endereço de correspondência e email. Pedir muita informação apenas prolonga o processo de checkout. Existem produtos e serviços que exigem mais informações do que apenas os endereços de email e de correspondência. Mas qualquer excesso de informação pode sempre ser procurado mais tarde. O foco deve estar na conversão.

Empresas que exigem muitos detalhes geralmente geram leads e, em seguida, acompanham. Eles não buscam vendas imediatas. Se você está buscando vendas imediatas, o processo de check-out deve ser o mais simples possível. Não deve demorar mais de um minuto para que todo o processo seja concluído. Lojas on-line populares mudaram há muito tempo de cartões de crédito e débito para pagamentos on-line. Você deve considerar carteiras digitais e outras opções de pagamento mais convenientes. O mínimo que você deve fazer é fornecer diferentes modos de transação, não apenas aceitar mais de um tipo de cartão de crédito, mas meios distintos, como serviços bancários on-line e aplicativos de pagamento.

Capacite seus clientes com muitas opções

Todos os compradores preferem entrega gratuita. Você pode oferecer frete grátis se a matemática adicionar. Você deve cobrar por isso de outra forma. Muitas empresas incluem impostos e custos de envio no preço listado, para que os compradores não recebam um total maior revisado no caixa. Isso inevitavelmente impede a conversão. Existem maneiras de contornar esses problemas. Forneça muitas opções para que os compradores não tenham motivos para abandonar o carrinho. Você pode fornecer várias opções de entrega. Pode haver entrega gratuita ou paga. Você pode oferecer serviços de clique e coleta. Pode haver uma assinatura ou assinatura especial que qualifica os compradores para frete grátis. Você pode fornecer frete padrão gratuito e cobrar por entrega rápida.

A maneira antiga de fornecer entrega gratuita é correlacioná-la com uma certa quantia de dinheiro gasto no site. Você sempre pode fazer isso, mas não quando não há outra opção. Os compradores não gostam de se sentir obrigados a gastar uma certa quantia de dinheiro quando não estão na fase de compra. Assim como muitas distrações prejudicam o foco de um comprador, a falta de opções ao seu gosto no checkout também irá desencorajá-lo a decidir continuar com a compra.

Medidas perenes para aumentar as conversões de comércio eletrónico

Deve haver um check-out instantâneo para clientes que selecionaram um produto ou mais. Mario de Oliveira conta que o carrinho pode prevalecer quando um comprador continua a navegar em outros produtos, mas o carrinho também deve estar lá, o que facilitará um checkout imediato se o cliente desejar. Não leve um comprador através de uma página após a outra antes de chegar ao checkout real. Limite o processo de checkout para apenas um passo. O máximo é de duas páginas, se o gateway de pagamento assim exigir. Sempre permita o check-out do hóspede.

Permita que os compradores adicionem e removam itens do carrinho convenientemente, enquanto navegam e fazem o checkout. A adição e a remoção de última hora capacitam os compradores diz Mario de Oliveira. Eles gostam da liberdade. Mencione as políticas de devolução no checkout se elas forem generosas. Ofereça chat ao vivo para fornecer assistência instantânea. Use software relevante para obter insights analíticos para que você possa criar táticas perenes. Você pode usar softwares como o HotJar, o Measure Quantcast, o Google Analytics e o BigCommerce Analytics.

Essas medidas perenes são essenciais para conversões sólidas. Você pode fazer alterações quando necessário, dependendo de suas avaliações, mas a maioria delas se tornou tão essencial que elas são imperativas. Segundo Mario de Oliveira,as ferramentas e seus relatórios analíticos permitirão que você entenda os vários méritos e deméritos de cada página no site de comércio eletrônico. Você deve fazer alterações de acordo. Há sempre um padrão que surge no decorrer do tempo. Esses padrões destacam as deficiências e, portanto, abrem caminho para melhorias. É necessário revisar constantemente a estratégia de comércio eletrônico para sustentar e aumentar as conversões.

Veja mais de Mario de Oliveira:
Carmen Augusta

Sobre a autora

Carmen Augusta - Administradora e Redatora do Portal Splish Splash. Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil