ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

3/30/2019

Confira as orientações do CROSP para uma alimentação positiva para a saúde bucal



Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) alerta para a importância das escolhas alimentares no Dia da Saúde e da Nutrição (31.03);

Saiba quais grupos de alimentos são importantes para uma dieta benéfica para a saúde da boca;

São Paulo, março de 2019 – As escolhas alimentares são fundamentais para a saúde e bom funcionamento do organismo - os alimentos considerados mais saudáveis, como frutas, verduras, carnes magras e legumes também são essenciais para a prevenção de diversas doenças. Neste sentido, vale ressaltar que os bons hábitos de alimentação também refletem diretamente na saúde oral, e devem estar na rotina das pessoas.

A vitamina D e o cálcio, por exemplo, são alguns dos principais elementos de uma dieta em prol da saúde bucal - eles são importantes para a formação das estruturas duras do corpo, como ossos e dentes. Encontrados naturalmente em diversos alimentos, são raros os casos em que será necessário fazer a suplementação.

Segundo Jaime Cury, professor da Faculdade de Odontologia de Piracicaba da Unicamp, a relação de causa e efeito no consumo de certos alimentos para a saúde da boca fica bem evidente quando as dietas são ricas em açúcar, um dos principais agentes causadores da cárie. “O leite e o queijo, por exemplo, têm fatores protetores contra cárie, mas não conseguem impedir o efeito deletério do açúcar da dieta na destruição da parte mineral dos dentes”, avisa.

Uma das principais recomendações para a saúde e nutrição é evitar as dietas ricas em açúcar. “A Organização Mundial da Saúde (OMS) advoga a tomada de estratégias para reduzir o consumo mundial de açúcar, medida que tem sido implementada com sucesso em diversos países”, conta o professor.

O CROSP apresenta a seguir grupos alimentares importantes para uma dieta que produza reflexos positivos na saúde bucal, com base nas orientações da nutricionista Vivian Zollar.

Vitamina D
Uma das principais ações da vitamina D no organismo é a regulação do cálcio e do fósforo, sendo fundamental para a constituição e manutenção saudável dos dentes.

A vitamina D pode ser obtida com a ingestão de ovo, iogurte, peixe, óleo de fígado de bacalhau e manteiga, como parte de uma alimentação balanceada. Outra fonte de grande importância é a exposição ao sol, mas é importante evitar exageros e buscar os horários de temperaturas amenas - começo da manhã e final da tarde.

Cálcio
O cálcio é fundamental para a formação dos tecidos duros, como ossos e dentes; por isso, reforça-se a relevância do aleitamento materno e do consumo de alimentos que o contenham durante toda a vida. A falta do cálcio, conhecida como hipocalcemia, pode interferir na formação do esmalte, tecido mineralizado que protege a coroa do dente.

Leite, queijos magros, folhas verde escuras como brócolis e espinafre e algumas espécies de peixes são fontes de cálcio.  “Cabe ressaltar que, embora ele seja encontrado em diferentes alimentos, o que apresenta melhor aproveitamento pelo organismo é aquele presente no leite e seus derivados, que são considerados de melhor biodisponibilidade quando comparados ao cálcio presente nos vegetais, por exemplo”, ressalta a nutricionista Vivian Zollar.

Vitamina C
Os alimentos que contêm vitamina C contribuirão especialmente para a saúde da gengiva, pois auxiliam na cicatrização e ajudam a prevenir lesões em mucosas.  Depois de metabolizado, o excesso é eliminado pela urina. “É importante lembrar que a ingestão de suplementos de vitamina C não deve ser realizada sem orientação profissional e que o consumo de alimentos-fonte deve ser diário”, avisa Vivian.

A vitamina C é amplamente encontrada nos vegetais, principalmente nas frutas cítricas como laranja, limão, acerola e kiwi. O consumo diário desses alimentos é fundamental para garantir a ingestão da porção adequada para a saúde do organismo.

Aqui, vale uma ressalva: apesar da necessidade do consumo diário, é preciso ter cautela, pois as frutas ácidas podem alterar o pH da boca, causando ambiente propício para o surgimento da cárie e erosão dental.

Alimentação balanceada
Outros nutrientes desempenham papel importante para o bom funcionamento do sistema imunológico e a manutenção dos tecidos. Dessa forma, a alimentação variada e balanceada, com quantidades reduzidas de alimentos ricos em açúcares e com boa oferta de alimentos in natura é fundamental para uma boa saúde bucal.

Por fim, é sempre importante lembrar que as melhores medidas preventivas e de manutenção da saúde oral são as consultas regulares ao (a) cirurgião(ã)-dentista e a higienização correta, com o uso da escova, fio e creme dental.

Sobre o CROSP – O Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) é uma autarquia federal dotada de personalidade jurídica e de direito público com a finalidade de fiscalizar e supervisionar a ética profissional em todo o Estado de São Paulo, cabendo-lhe zelar pelo perfeito desempenho ético da Odontologia e pelo prestígio e bom conceito da profissão e dos que a exercem legalmente. Hoje, o CROSP conta com 120 mil profissionais inscritos. Além dos cirurgiões-dentistas, o CROSP detém competência também para fiscalizar o exercício profissional e a conduta ética dos Técnicos em Prótese Dentária, Técnicos em Saúde Bucal, Auxiliares em Saúde Bucal e Auxiliares em Prótese Dentária. Mais informações: www.crosp.org.br
Alda Jesus

Sobre a autora

Alda Jesus - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

COPIE O SEU EMOTICON E COLE NOS COMENTÁRIOS


👍😀😁😄😇😉😊😋😌😍😎😏😐😕😘😛😞😤😥😧😩😭😮😰😴🐞🐢👄💗💙👻👽🎃🎄🎅🎂🍺🍻🍹🍷

VARIAÇÕES EM A DISTÂNCIA (PARTE 2 DE 2)

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil