ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

3/29/2019

A prática BDSM na literatura brasileira


Muito antes do sucesso de “50 Tons de Cinza”, a prática BDSM já era explorada na literatura, inclusive nacional. As primeiras referências com sentido erótico da categoria sadomasoquista no Brasil datam de meados da década de 1980. Essas produções pioneiras de literatura hot brasileira se deram por meio de revistas e classificados eróticos.

Em 1986, sob o pseudônimo de Wilma Azevedo, a obra “A Vênus de Cetim” foi publicada. No início, Wilma publicou seus textos em revistas eróticas, posteriormente, os compilando em livros. Pouco conhecida fora do meio BDSM, ela é considerada a percursora do chamado movimento sadomasoquismo erótico, uma vez que tendo contato com os praticantes por meio dos classificados eróticos de revistas e jornais, ela passou a dar voz às suas práticas e fantasias produzindo e publicando textos ficcionais.

Com o advento da internet, em 1990, o movimento migrou dos classificados para as páginas e comunidades online. As salas de bate-papo, redes sociais e blogs intensificaram a interação e possibilitaram a popularização da prática. Aliado ao movimento de emancipação sexual feminina, é possível notar o crescimento cada vez maior da literatura erótica nacional.

Prova disso é o sucesso da pedagoga maranhense Lani Queiroz, autora best-seller na Amazon. Com mais de 10 livros publicados e líderes da lista de mais vendidos na plataforma, Lani cativa uma legião de fãs da literatura hot com sua escrita intensa.

Nas obras "Princesa da inocência" e "Príncipe do Domínio", quarto e quinto volume da série Príncipes Di Castellani, relançadas em uma nova edição pela 3DEA Editora, a autora apresenta a doce Antonella, princesa da Arcadócia, e Mike, seu primo adotivo e seu amor proibido. Lani ainda explora o universo BDSM, já que Mike é adepto da prática e acaba introduzindo a pequena princesa Ella a esse mundo.

Sinopse: A história de duas almas que se pertencem profundamente. Uma história de amor, erotismo e dominação. Um homem subjugado pelo amor de uma menina, uma menina submissa pelo amor de um homem. Esse é o quarto livro da série Príncipes Di Castellani, agora contando as aventuras e desventuras dos filhos de Leon (Príncipe da Vingança), Dominic (Príncipe da Luxúria), e Jayden (Príncipe da Perdição).

Ficha técnica:
Título: Ella – Princesa da Inocência
Editora/Selo: 3DEA Editora
Autor: Lani Queiroz

Sinopse: Antonella: Eu pensei que estávamos a caminho do nosso “felizes para sempre”. Mas, as coisas se tornaram confusas, perigosas. Há alguém lá fora querendo prejudicar o homem que amo, o meu príncipe. Teremos que ser fortes ao defender não apenas o nosso amor, mas, nossas vidas. Armadilhas estão sendo reveladas de onde menos esperamos. Sei que todos pensam que sou uma frágil princesinha. Mas, o que não sabem é que por Mike eu mataria e morreria. Por ele eu faço tudo. Absolutamente tudo. Mike e Ella terão de lutar para concretizar sua tórrida e intensa história de amor.

Ficha Técnica:
Título: Mike – Príncipe do Domínio
Editora/Selo: 3DEA Editora
Autor: Lani Queiroz

Sobre a autora: Professora e pedagoga, Lani é leitora ávida desde os dez anos de idade e começou a escrever contos e histórias aos treze. Sempre teve o desejo de tornar seus textos públicos e, em 2014, ao postar suas histórias em um site percebeu que a aceitação dos leitores foi além da esperada. Sua primeira obra foi publicada em 2015 e desde então tornou-se uma autora best-seller


Carmen Augusta

Sobre a autora

Carmen Augusta - Administradora e Redatora do Portal Splish Splash. Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil