ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

12/10/2018

ARTUR PIZARRO e ANTÓNIO ROSADO > Homenagem a Liszt nos 150 Anos do Nascimento de Vianna da Motta | CCB 14/12 no Pequeno Auditório


150 ANOS DO NASCIMENTO DE VIANNA DA MOTTA

Homenagem a Liszt – A transcrição como forma de transcendência musical

Recriação da comemoração do 14.º aniversário da morte de Liszt, promovida por Busoni e Vianna da Motta em Weimar, em 1900

Artur Pizarro piano
António Rosado piano
Bruno Caseirão comentários

CCB  •  SEXTA  •  14 DEZ  •  21H00  •  GRANDE AUDITÓRIO

******

PROGRAMA

Franz Liszt Eine Faust Symphonie nach Goethe [transcrição para dois pianos do autor]
I. Faust – Lento assai
II. Gretchen – Andante suave
III. Mephistopheles – Allegro assai, ironico
Andante mistico (Apotheosis)

Artur Pizarro e António Rosado

[Intervalo]

Franz Liszt Variações sobre um tema de Bach: Weinen, Klagen, Sorgen, Zagen
António Rosado

Franz Liszt Fantasia e Fuga sobre o Coral Ad nos, Ad salutarem undam
[transcrição por Ferruccio Busoni]
Artur Pizarro

[Intervalo]

Ludwig van Beethoven Sinfonia n.º 9 em Ré menor, op. 125, Coral
[transcrição para dois pianos por Franz Liszt]
I. Allegro ma non tropo
II. Molto vivace
III. Adagio molto e cantabile
IV. Presto – «O Freunde nicht diese Töne!» – Allegro assai

*****

Vianna da Motta foi não só um dos maiores pianistas do seu tempo como um dos maiores artistas portugueses de que há memória. Feitos que por si só lhe garantem um lugar cimeiro no Pártenon da Arte Ocidental. No entanto, se nos detivermos nos vários domínios de intervenção do grande músico, ficaremos surpreendidos pelo alcance do seu legado e de quanto o nosso país ainda lhe deve. Em 2018, celebra-se o 150.º aniversário do seu nascimento, ocasião única para recuperar e evocar o seu legado em Portugal, e daqui para o resto do mundo, através da recriação do famoso recital de homenagem a Liszt, a dois pianos, realizado em Weimar, em 1900, com Ferruccio Busoni, no qual tocaram a Sinfonia Fausto do primeiro e a 9.a Sinfonia de Beethoven.

Sem comentários:

Enviar um comentário