ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

12 de novembro de 2018

Kaspersky Lab apoia “Paris Call” e reforça confiança e segurança no ciberespaço


A Kaspersky Lab orgulha-se de ser uma das primeiras apoiadoras do tratado de Paris para confiança e segurança no ciberespaço, que foi anunciado hoje no Fórum de Paris pela Paz, pelo presidente Emmanuel Macron e pelo ministro das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian. A empresa agradece as autoridades francesas pelo lançamento deste projeto, pois acredita que ele deve contribuir para melhorar a segurança cibernética e a estabilidade em todo o mundo, diante da crescente desconfiança.

O Tratado de Paris estabelece vários princípios e diretrizes importantes para a segurança cibernética internacional. Em particular, ela reconhece as responsabilidades dos principais atores do setor privado na melhoria da confiança e segurança – ajudando ainda na estabilidade no ciberespaço e estimula iniciativas a fortalecerem a segurança dos processos e produtos digitais em toda a cadeia de fornecimento. Promove também uma ampla cooperação digital e uma abordagem multissetorial para aumentar a confiança, a capacidade e a estabilidade.

Esse tratado conecta-se ao comprometimento da Kaspersky Lab com a cooperação internacional em questões cibernéticas e a necessidade de combater as ameaças com a balcanização. O crime online é sem fronteiras; e assim deve ser a resposta do mundo. Não conseguiremos combater à altura se estivermos isolados e fragmentados. A inteligência compartilhada e as parcerias público-privadas, por exemplo, realizadas em cooperação entre forças policiais nacionais e empresas de segurança cibernética, são necessárias para garantir uma proteção mais forte para todos.

A empresa também tem suas próprias iniciativas para tornar a indústria da segurança mais transparente e gerar confiança. Como parte da Iniciativa Global de Transparência (GTI), a Kaspersky Lab  está transferindo parte de sua infraestrutura para a Suíça, a partir de 13 de novembro deste ano, e começará a processar, neste centro localizado em Zurich, arquivos suspeitos e mal-intencionados compartilhados por usuários na Europa. Além disso, será aberto esta semana as portas do primeiro Centro de Transparência na cidade. Futuramente, mais dados e processos, assim como mais regiões, seguirão esta prática.

“Estou muito feliz de ver que as rodas estão girando e caminhando na direção da cooperação internacional no ciberespaço. O Tratado de Paris para Confiança e Segurança no Ciberespaço, anunciado pelas autoridades francesas hoje, é uma mudança muito positiva, dada a atmosfera de crescente desconfiança que a indústria de segurança cibernética tem enfrentado. Este convite reconhece as responsabilidades dos líderes do setor privado na melhoria da confiança, segurança e estabilidade no ciberespaço. Ultimamente, temos focado nossos esforços em muitas das iniciativas de nossa empresa: tornar-se mais transparentes, provar nossa confiabilidade e, como gostamos de fazer, tornar-nos pioneiros em um novo padrão da indústria. Sem dúvida, continuaremos pressionando pela cooperação na indústria e abrindo portas no ciberespaço, e é ótimo ter apoio nessa missão!”, afirma o CEO da empresa, Eugene Kaspersky.
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES
clique na imagem para ver os perfis