ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

11 de outubro de 2018

UEFA Nacional Liga - Portugal venceu (3-2) na Polónia


Líder do grupo 3  (uma vitória por 1-0 sobre a Itália), Portugal tem o seu segundo jogo desta UEFA Nacional Liga ante a Polónia.

Conforme se tem dito, uma seleção portuguesa que entrou num ciclo de renovações e, por conseguinte, para este confronto com a Polónia o selecionador Fernando Santos manteve o mesmo espírito, mas, como novidade desta convocatória, o regresso do avançado Éder que, como se sabe, foi o grande herói do triunfo de Portugal sobre a França na final do Europeu que Portugal brilhantemente conquistou. 

O JOGO POLÓNIA - PORTUGAL -  Portugal sem Cristiano Ronaldo que só deverá voltar à seleção nacional no início de 2019. Diz-se... Mas, Portugal com renovação e com uma formação bem estruturada, com a entrada de Rafa Silva que está num bom momento de forma e daí a chamada à titularidade por Fernando Santos. Por outro lado, uma Polónia forte fisicamente e que constituía um perigo com o seu futebol de bola longa. Haja vista que Portugal também muito bem com o seu futebol tecnicista e apoiado. Contudo, Portugal acabaria por sofrer um golo na sequência de um pontapé de canto. Uma certa apatia da defesa portuguesa, nomeadamente João Cancelo. Portugal tinha que ser mais objetivo em termos atacantes, ou seja, aflorando mais agressividade. E quando essa agressividade veio à tona, Portugal muito mais perigoso e muito melhor em relação à Polónia. Uma jogada triangulada e André Silva a chegar ao golo da igualdade quando eram decorridos 32 minutos.  Um golo que veio na melhor altura. Mas veio o segundo a escassos minutos para o intervalo. Passe magistral de Ruben Neves e Rafa Silva a intrometer-se na jogada e a bola a entrar na baliza. Considerado golo contra. De uma forma ou outra, o que interessou para Portugal foi a bola ter ultrapassado o risco fatal. Uma excelente exibição de Portugal, mau grado o erro cometido no golo da Polónia. E quando Portugal partiu para uma maior agressividade atacante, tudo se tornou mais fácil. E sair para o intervalo em vantagem foi o corolário de uma exibição convincente.

A SEGUNDA-PARTE -  Portugal nesta etapa complementar a controlar o jogo, o que aliás era previsível em função da diferença entre uma e outra seleções. De resto, Portugal não podia adormecer, para mais que a Polónia estava a tentar manietar o meio-campo de Portugal, o que também não era nada fácil. E mais difícil se tornou quando Bernardo Silva fez 0 3-1. Mas, mesmo assim, e repetindo, Portugal tinha que manter a mesma cadência de jogo. Nada de afrouxamentos, para mais que a Polónia no tudo-por-tudo fez entrar mais dois avançados. Ficou o aviso. Todo o cuidado era pouco, até porque os polacos surgiram com outra disposição no último terço do terreno defendido por Portugal. 

Fernando Santos fez entrar Renato Sanches para o lugar de Pizzi para refrescar o meio-campo.

Pois, pois, isto é futebol. A reação da Polónia e o segundo golo, precedido de um lance em que a bola já havia saído totalmente pela linha lateral. Incrível ninguém viu. E Ranto Sanches teve a hipótese de matar o jogo, mas um defesa polaco salvou "in-extremis". Depois, saiu Rafa Silva para a entrada de Danilo.  Mesmo em cima da hora, Bruno Fernandes entrou para o lugar de Bernardo Silva.

Portugal foi claramente superior e o resultado só não foi outro porque, vejamos:

O pior deste jogo foi termos apanhado um árbitro espanhol. Vista grossa a uma grande penalidade cometida sobre João Cancelo e uma agressão a André Silva que foi sancionada com um cartão amarelo e o segundo golo da Polónia conseguido de forma irregular. Com tantos erros, o espanhol merecia ficar sem a insignias da FIFA.

Classificação deste Grupo B
Portugal 6 pontos (4-2 em golos)
Polónia 1 ponto (3-4 em golos)
Itália 1 ponto (1-2 em golos)
Domingo, jogam Itália e Polónia.

No próximo domingo, dia 15, Portugal realiza um amistoso ante a Escócia em Glasgow.  

Carlos Alberto Alves

Sobre o autor

Carlos Alberto Alves - Jornalista há mais de 50 anos com crónicas e reportagens na comunicação social desportiva e generalista. Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Colabora semanalmente no programa Rádio Face, da Rádio Ratel, dos Açores. Leia Mais sobre o autor...

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES
clique na imagem para ver os perfis