Comemoração ao centenário da Semana de Arte Moderna de 1922

Em celebração ao centenário da Semana de Arte Moderna de 1922, o Museu Casa de Portinari, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari, continua com sua programação especial.

Totalmente gratuitas, as atividades serão presenciais e online, trazendo poesia, música, performances artísticas, exibição de documentário, rodas de conversa, workshop, compartilhamento de conteúdo nas mídias sociais e ação de incentivo à Economia Criativa.

Em celebração ao centenário da Semana de Arte Moderna de 1922, o Museu Casa de Portinari, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari, continua com sua programação especial. O movimento Modernista tornou-se um marco na história da arte brasileira, representando o rompimento com o conservadorismo que predominava no cenário cultural das primeiras décadas do século XX, por defender um ponto de vista mais independente, plural e inovador.

Neste domingo (13), das 10h às 16h, o projeto “Domingo com Arte” vai trazer a poesia de Didier Pozza e a música de Danilo Paziani e Will Storti, com um olhar especial para a temática da Semana de Arte Moderna. Na mesma linha acontecerão atividades com artistas e artesãos de Brodowski (SP), de forma a contribuir com a economia criativa e a cultura local

A importância desse marco histórico-cultural para o Brasil também será destacada nas mídias sociais. Na próxima segunda-feira (14), às 10h, os educadores do Museu compartilharão informações sobre o Movimento Modernista.

Na terça-feira (15), o Museu Casa de Portinari vai receber o professor Jacir Braz de Vicente para um bate-papo sobre "O modernismo na obra de Portinari". Será na sala principal, às 8h, e a roda de conversa também contará com a participação dos educadores da instituição.

Além disso, na quarta-feira (16), às 18h, dentro do projeto “Quartas Modernistas”, o Museu vai promover o workshop “Um olhar para o futuro”, com o artista Cristo Emilio que abordará conceitos de arte digital. O evento ainda terá a participação da artista Anna Ferreira em uma performance de estátua viva.

Pelas mídias sociais, na quinta-feira (17), às 10h, a artista plástica Sônia Albuquerque falará sobre "A rebeldia que transformou a Arte Brasileira".

Na sexta-feira (18), às 19h, o artista visual Miguel Angelo participará da live "100 anos depois - A atualidade da Semana de Arte Moderna de 1922", pelo canal do Museu no YouTube. Na transmissão, ele vai analisar como a arte brasileira trilhou seu caminho após o Movimento Modernista. O rompimento com o passado, tanto na questão estética como na forma de pensar e sentir da época. A atitude dos artistas e a liberdade da forma e do conteúdo expressivo, além da repercussão das vanguardas.

A programação se encerra com a última atividade do projeto “Quartas Modernistas”, no dia 23 (quarta-feira), às 18h, na sala principal do Museu, quando será exibido o documentário “Arte Modernista 2ª Fase: Candido Portinari”. Em seguida acontece um bate-papo sobre “A influência da Semana de 22 para a cultura brasileira”, com a equipe de educadores da instituição.

Visitação

O Museu Casa de Portinari está localizado à Praça Candido Portinari, nº 298 - Centro, em Brodowski (SP), e está sempre aberto para visitação de terça-feira a domingo, das 9h às 18h, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária.

Mais conteúdos sobre programação cultural, ações educativas, bem como o tour virtual do Museu Casa de Portinari, estão disponíveis nas mídias sociais da instituição (@museucasadeportinari) e no site www.museucasadeportinari.org.br. 

Tags

Enviar um comentário

0 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !