A sustentável beleza de Itacaré - Portal Splish Splash

Recentes

segunda-feira, setembro 06, 2021

A sustentável beleza de Itacaré

Com praias belíssimas, rios e cachoeiras em uma área preservada de Mata Atlântica, Itacaré, no Sul da Bahia, é o destino dos sonhos para quem busca o turismo sustentável. A uma hora de Ilhéus, a mini capital da Costa do Dendê tem inúmeras atrações de natureza no seu entorno, além de um centrinho vibrante, que é o ponto de encontro dos visitantes, principalmente à noite.

Entre o mar e a Mata Atlântica, esse trecho privilegiado do litoral baiano guarda uma área preservada, repleta de praias, rios, cachoeiras e um mar cristalino visitado anualmente pelas baleias Jubarte


Com praias belíssimas, rios e cachoeiras em uma área preservada de Mata Atlântica, Itacaré, no Sul da Bahia, é o destino dos sonhos para quem busca o turismo sustentável. A uma hora de Ilhéus, a mini capital da Costa do Dendê tem inúmeras atrações de natureza no seu entorno, além de um centrinho vibrante, que é o ponto de encontro dos visitantes, principalmente à noite. 


Descoberta pelos surfistas, Itacaré, atualmente oferece muito mais do que boas ondas. Seu conjunto formado por praias, matas, rios, cascatas e manguezais tornou a região um dos mais badalados destinos de ecoturismo do país, com diversas trilhas, opções de atividades aquáticas e a avistagem de baleias Jubarte. 


Entre os meses de julho e outubro, as baleias migram para a costa brasileira em busca de águas mais quentes para se reproduzirem. Antes ameaçadas de extinção e avistadas somente em Abrolhos, a recuperação gradual da população fez com que elas retornassem à costa do Nordeste e Sudeste, com a Bahia abrigando o maior número durante sua temporada de reprodução. 


Para aprender mais sobre essa espécie tão especial, os turistas podem conhecer a Ilha Interpretativa da Baleia Jubarte, nas dependências do Eco Beach Club, na Praia da Concha, uma das mais centrais. Ali, há painéis educativos e partes do esqueleto e uma réplica da cauda de uma baleia encontrada na região. No canto esquerdo da Praia da Concha, a Ponta do Xaréu é também um dos melhores lugares para ver o pôr-do-sol, entre barcos de pescadores e a linha do mar. 


O mar e a Mata Atlântica emolduram todas as atividades, boa parte delas recomendadas com o acompanhamento de guias, pois as praias mais distantes são quase desertas, com acesso por trilhas. Algumas trilhas cortam fazendas, revelando riachos, cachoeiras e costões. As caminhadas são de nível médio e a que leva à Prainha, partindo da praia da Ribeira, é considerada uma das mais bonitas da região.


Quem curte esportes de aventura e atividades aquáticas pode também praticar caiaque, rafting e canoagem nas corredeiras dos rios de Contas e de Tijuípe e nas praias centrais, como Concha, Resende e Tiririca.


Hospedagem sustentável


Para quem quer aliar as atividades a uma hospedagem sustentável, o Itacaré Eco Resort é um dos hotéis mais exclusivos. Dois rios cristalinos, o Canoeiro e o Mãe Josepha, atravessam o resort, que também fica a 100 metros da pequena Praia de São José, com acesso privilegiado para os hóspedes. 


No Rio Canoeiro, há uma trilha com sete quedas e um leito onde os hóspedes podem praticar atividades como SUP e caiaque. O Rio Mãe Josepha, por sua vez, deságua na piscina do hotel, de água mineral litinada, mais um diferencial do Itacaré Eco Resort. 


Como não poderia deixar de ser, o resort foi concebido dentro de uma proposta de sustentabilidade, mantida pela proprietária, Renilce Cavalcanti, “ambientalista e natureba”, como ela mesma se autodefine. “Não interfiro na natureza, vou criando caminhos, guardando o respeito ao rústico”, diz Renilce. 


É o caso da nova trilha para a praia, florida e forrada de grama esmeralda, a mais brilhante e resistente ao sol. A Prainha, reduto dos surfistas, também fica a uma curta caminhada do hotel. Há ainda um deck que leva ao encontro do Rio Canoeiro, com o mar, onde forma-se uma incrível piscina natural em meio às rochas, revelando a beleza selvagem e sustentável de Itacaré. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário