Museu do Futebol faz maratona de edição na Wikipédia sobre atletas e modalidades das Paralimpíadas - Portal Splish Splash

Recentes

segunda-feira, agosto 23, 2021

Museu do Futebol faz maratona de edição na Wikipédia sobre atletas e modalidades das Paralimpíadas

No dia 28 de agosto (sábado) das 10h às 17h, o Museu do Futebol irá sediar uma editatona sobre os Jogos Paralímpicos, com foco nos atletas brasileiros e nas modalidades disputadas no torneio.


No sábado, 28, Museu do Futebol e Movimento Wiki Brasil reúnem voluntários para criar e melhorar verbetes dos atletas e modalidades disputadas na Paralimpíadas


No dia 28 de agosto (sábado) das 10h às 17h, o Museu do Futebol irá sediar uma editatona sobre os Jogos Paralímpicos, com foco nos atletas brasileiros e nas modalidades disputadas no torneio. Editatona é uma maratona que reúne voluntários para editar, criar e melhorar verbetes da Wikipédia com fontes confiáveis e verificadas sobre um determinado tema. O Museu do Futebol é uma instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.


As Paralimpíadas de Tóquio terão início em 24 de agosto e se estenderão até o dia 5 de setembro. A delegação brasileira contará com a presença de 253 atletas, segundo maior número da história do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), atrás apenas dos 286 atletas que disputaram as Paralimpíadas do Rio em 2016. O Brasil terá representantes em 20 das 22 modalidades da competição em 2021.


Essa é quarta editatona organizada pelo Museu do Futebol em parceria com o Wiki Movimento Brasil. Em 2019, como parte da programação da mostra temporária "CONTRA-ATAQUE! As Mulheres do Futebol", a instituição sediou maratonas de edição com foco no futebol de mulheres, destacando as jogadoras da Seleção Brasileira e dos clubes que disputam o Campeonato Brasileiro e a Copa Libertadores da América. Ao todo foram 68 artigos criados e 195 editados, resultando em 1.95 milhões de visualizações somente naquele ano.


A Editatona Paralímpica será realizada de forma presencial no auditório do Museu do Futebol. Em respeito às orientações de combate à pandemia do coronavírus, serão apenas 10 vagas. Interessados devem enviar nome e RG para o email: crfb@museudofutebol.org.br. Os participantes terão que usar máscara e respeitar o distanciamento social. O museu vai oferecer lanche, certificado de participação e um par ingressos para o Museu do Futebol e para o Museu da Língua Portuguesa.


Inscrições:

Enviar nome e RG para crfb@museudofutebol.org.br (vagas limitadas)


Requisitos:

Levar um notebook

Criar uma conta na Wikipédia antes do evento


Cronograma:

10:00 Recepção/Café da manhã

10:30 Treinamento para as edições com Wiki Movimento Brasil

11:00 Início das edições

13:00 Intervalo

14:00 Edição de verbetes

17:00 Encerramento


SOBRE O MUSEU DO FUTEBOL


O Museu do Futebol está instalado em uma área de 6,9 mil metros quadrados sob as arquibancadas do Estádio do Pacaembu. É um espaço interativo, lúdico e multimídia, no qual a história do esporte mais popular do Brasil se confunde com a própria história do país. É uma iniciativa do Governo e da Prefeitura de São Paulo, com concepção e realização da Fundação Roberto Marinho. Pertence à rede de museus da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e é gerido pelo IDBrasil, Organização Social de Cultura.


PATROCÍNIO E APOIO


A Temporada 2021 do Museu do Futebol tem o patrocínio do Aché Laboratórios Farmacêuticos, que também patrocina o programa "Museu Amigo do Idoso". Tem como apoiadores: SporTV/Globo, EMS Farmacêutica, TIVIT, Evonik Brasil, Pinheiro Neto Advogados e Governo Federal, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. A Rádio CBN, UOL, Revista Piauí, Gazeta Esportiva e Guia da Semana são seus parceiros de mídia. O IDBrasil Cultura, Educação e Esporte é a organização social responsável pela sua gestão.


A exposição temporária “Tempo de Reação - 100 anos do goleiro Barbosa” conta com patrocínio do SporTV, e com apoio da EMS Farmacêutica por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Tem como parceiro a Poker Esportes e consultoria de conteúdo do Observatório da Discriminação Racial no Futebol, Coletivo Pretaria e Malik Esporte e Cultura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário