Festival de cinema evidencia a proximidade da população como produtora de obras audiovisuais em momentos marcantes da história - Portal Splish Splash

Recentes

terça-feira, agosto 31, 2021

Festival de cinema evidencia a proximidade da população como produtora de obras audiovisuais em momentos marcantes da história

O Entretodos - Festival de Filmes Curtos e Direitos Humanos chega a sua 14ª edição neste ano, com temática especial. Entre os dias 11 e 26 de setembro o festival apresentará, principalmente, filmes produzidos durante a pandemia e que retratam diversas realidades do Brasil e outros 27 países. O festival será exibido nas plataformas de seu site e na Spcineplay.


Abertura do Festival acontece no marco de 20 anos do atentado de 11 de setembro. Além disso, parte dos filmes exibidos foram feitos durante ou retratam a pandemia


O Entretodos - Festival de Filmes Curtos e Direitos Humanos
chega a sua 14ª edição neste ano, com temática especial. Entre os dias 11 e 26 de setembro o festival apresentará, principalmente, filmes produzidos durante a pandemia e que retratam diversas realidades do Brasil e outros 27 países. O festival será exibido nas plataformas de seu site e na Spcineplay. Algumas sessões serão presenciais respeitando os protocolos de segurança e vigilância sanitária. O evento é gratuito e realizado pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, a Spcine e a ESTATE Produções. Para mais informações www.entretodos.com.br.


O festival recebeu mais de duas mil obras cinematográficas de até 25 minutos. O Júri Popular elegerá o melhor filme que será anunciado no último dia do festival, em cerimônia transmitida no site e redes sociais do Festival. Reconhecido internacionalmente como uma importante plataforma de valorização da cultura, educação e difusão dos direitos humanos, o Entretodos tem como destaque filmes que trazem à tona questões ligadas à pandemia, como: precarização do trabalho; movimentos de migração e êxodos; luto e morte; resiliência dos povos e dos afetos; entre outros.


“Todo ano alguns temas e assuntos se destacam por agruparem uma grande quantidade de filmes. Em 2021, é a pandemia. Recebemos 900 filmes a mais do que no ano passado, totalizando 2647 filmes recebidos em 2021. As pessoas querem expressar o que estão sentindo e o que está acontecendo. Momentos históricos como a pandemia ou até o atentado das Torres Gêmeas, em 2001”, afirma Jorge Grinspum, coordenador do Entretodos. 


A programação do Entretodos ainda conta com outras temáticas fundamentais para o debate sobre direitos humanos, como questões raciais, lutas sociais, políticas, meio ambiente, entre outros. O festival é dividido em três mostras: Competitiva, Diretos e Encontros. Os filmes foram organizados em oito sessões para que o público possa votar em sua obra preferida. Cada pessoa pode escolher um filme por sessão.


O anúncio dos vencedores entre os 55 participantes da Mostra Competitiva acontece no dia 26 de setembro, às 19h, na cerimônia de encerramento do Festival. O juri é formado por diversos especialistas de diferentes áreas. Serão distribuídos até 10 prêmios em dinheiro. A mostra Encontros – que traz filmes sobre e para jovens e crianças – terá sessões competitivas e não competitivas. As obras infantis serão premiadas com o objetivo de valorizar autores, diretores e artistas mirins, mas sem remuneração em dinheiro. Já os jovens, terão duas sessões competitivas. A Mostra Diretos com filmes de até três minutos, impactantes e que provocam profundas reflexões.


O Entretodos está em:

Site

Instagram 

Youtube 

Spotify 

Facebook 

Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário