Embaixador da União Europeia pede participação do Brasil para vencer desafios globais do meio ambiente - Portal Splish Splash

Recentes

sábado, julho 31, 2021

Embaixador da União Europeia pede participação do Brasil para vencer desafios globais do meio ambiente

Durante o primeiro evento da Eurocâmaras, realizado pela Câmara de Comércio França-Brasil (CCIFB-SP), o embaixador da União Europeia no Brasil, Ignácio Ybáñez, pede a participação do País para vencer desafios globais do meio ambiente. Segundo ele, a política nacional tem um papel fundamental pra o êxito dos acordos comerciais.


Evento da Eurocâmaras reúne autoridades, empresários europeus e brasileiros para discutir como o ESG transforma o mundo dos negócios


Durante o primeiro evento da Eurocâmaras, realizado pela Câmara de Comércio França-Brasil (CCIFB-SP), o embaixador da União Europeia no Brasil, Ignácio Ybáñez, pede a participação do País para vencer desafios globais do meio ambiente. Segundo ele, a política nacional tem um papel fundamental pra o êxito dos acordos comerciais.


O embaixador também destacou que o Pacto Verde Europeu tem a ambição de tornar a União Europeia o primeiro continente climaticamente neutro até 2050. Segundo Ybáñez, trata-se de uma nova estratégia de crescimento com uma economia eficiente e baseada nos pilares energia limpa, indústria sustentável com ênfase na economia circular, reconstrução e reforma de edifícios, mobilidade sustentável, biodiversidade, “Do Campo à Mesa” e eliminação da contaminação. 


De acordo com Ybáñez, a política comercial precisa contribuir para atingir os objetivos do Pacto Verde Europeu. Para ele, a UE não pode agir isoladamente, pois são desafios globais. Enfatizou também que o papel da inciativa privada é essencial para que haja uma retomada efetiva e consciente nos próximos anos. O fomento de ações que priorizem o ESG será, segunde ele, fundamental para que haja uma retomada de crescimento no mundo pós-pandemia que respeite os desafios ambientais e sociais.

Um comentário:

  1. SegundO ele....terceira linha de baixo para cima...
    Otimas perspectivas.

    ResponderExcluir