Novidades

terça-feira, abril 06, 2021

Conhecendo o nosso lado sombra

Uma das ferramentas para aprofundar o autoconhecimento que eu utilizo nos meus atendimentos de coaching é o Mapeamento Humano. Essa ferramenta contribui muito para que o meu cliente (coachee) identifique os seus talentos mais valiosos, que ele traz consigo nessa jornada aqui na Terra.


Por: Lucedile Antunes*

Somos luz e somos sombra. Isso é fato. Temos os dois lados, assim como temos verão e inverno, ação e reação, o lado lógico e o lado emocional, início do dia e fim do dia, lua nova e lua cheia.

Nossa vida é uma jornada. Estamos aqui na Terra para evoluir, viver experiências. Quando aqui chegamos temos um livro com páginas em branco e assim vamos construindo a nossa história. Entretanto, nessa jornada passamos por obstáculos, que podem nos levar a desenvolver pensamentos e crenças limitantes, vivemos experiências, aprendemos valores de família, amadurecemos, vivenciamos emoções, que por vezes ficam acumuladas no nosso inconsciente, desenvolvendo sentimentos que podem ser construtivos, mas também destrutivos.

Temos uma essência, que são nosso talentos e aptidões e que, quando alinhados e conectados com essa essência, nos sentimos muito felizes e realizados.

Eu acredito muito que cada um de nós veio com um papel aqui na Terra. É como se estivéssemos a serviço. Quando conseguimos identificar esse nosso propósito estamos atuando em nossa essência.

Contextualizei tudo isso para dizer a você que o nosso lado sombra entra em ação quando nos desconectamos dessa essência e podemos entrar em um modelo mental de condicionamento. Há pessoas que vivem a vida toda nesse condicionamento.

Faço uma analogia com uma árvore. Imagine que, quando chegamos aqui na Terra somos uma sementinha que cai em um solo. Esse solo é o nosso núcleo familiar, nossos pais, irmãos, avós, primos, tios etc.

Então têm sementes que foram bem regadas e adubadas, crescem bastante e se transformam em lindas árvores com muitos frutos. Já outras crescem de forma mediana, outras crescem muito pouco e outras nem saem daquele solo.

Onde quero chegar com essa analogia?

Que algumas pessoas nem chegam a brotar. São provavelmente pessoas que talvez caíram em um núcleo familiar, que não possibilitou que essa semente florescesse. Talvez viveram nas suas jornadas traumas e obstáculos, que causaram feridas, que ficaram registradas na memória celular dessa pessoa, levando-a a agir muito mais com o seu lado sombra.

Por isso, é muito importante sempre buscarmos um autoconhecimento mais profundo, por exemplo, por meio de um processo terapêutico ou de coaching, que nos leve a novos níveis de consciência para reconexão com a nossa essência, que representa o movimento que nos impulsiona aqui na Terra.

Uma das ferramentas para aprofundar o autoconhecimento que eu utilizo nos meus atendimentos de coaching é o Mapeamento Humano. Essa ferramenta contribui muito para que o meu cliente (coachee) identifique os seus talentos mais valiosos, que ele traz consigo nessa jornada aqui na Terra.

Nesse mapeamento também falamos do lado sombra, ou seja, os padrões de comportamento que você pode vir a desenvolver quando se desconecta desta essência, gerando uma limitação na sua forma de agir.

Em um próximo artigo darei alguns exemplos de padrões de comportamentos, que podem levar você a um condicionamento. Não perca essa oportunidade de aprofundar o seu autoconhecimento.

(*) Lucedile Antunes - Mentora, Coach e Palestrante. Coordenadora e idealizadora do best-seller “Soft Skills: competências essenciais para os novos tempos”. CEO da L. Antunes Consultoria & Coaching.

Nenhum comentário:

Postar um comentário