ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

11/12/2020

Da Paraíba para Nova York e a chance de fazer a diferença no sertão

Geralda Sarraf - Love Together Brasil
 

A história da menina que anseia e vai atrás da realização de seus sonhos pessoais e humanitários


Geralda Sarraf tem muito orgulho de sua origem no sertão paraibano. Tanto, que desde cedo decidiu correr atrás de seus sonhos: ser cidadã do mundo e fazer a diferença. Na sua vida, na de seus familiares, na da comunidade onde cresceu e na de todos aqueles que de alguma forma enfrentam dificuldades. 


Paraibana da cidade de Santana dos Garrotes, adotou Piancó, onde viveu sua infância, como terra natal. O município, localizado a 397km da capital paraibana, é a sede da ONG Love Together Brasil, idealizada por Geralda, sétima dos dez filhos de dona Hosana e seu Francisco das Chagas.   


Mas Geralda logo se destacou. Irrequieta, a garota queria buscar, desde sempre, novos horizontes para a família e seus conterrâneos. Adolescente, mudou-se para João Pessoa para estudar no renomado colégio PHD – decisão pessoal, com total apoio dos pais.


A que preço e o que nem todo mundo sabe: 


Aos 16 anos, decidiu partir para vôos mais altos, em São Paulo frequentou o curso de Direito. Sempre irrequieta e com vontade de aprender coisas novas, decidiu conhecer o mundo e foi estudar História das Artes na França e na Itália. 


E foi assim que conseguiu criar oportunidades para seus conterrâneos quando chegou em Nova York, cidade onde reside com sua linda família: o apaixonado marido John e os 4 filhos: Guilherme, Francisco, Sophia e Isabella. 


Geralda conta como surgiu a ideia de fundar a Love Together Brasil para ajudar crianças e adolescentes do sertão paraibano: "Eu , sou co-chair de uma organização de Israel chamada Larger Than Life que cuida de crianças com câncer e dá apoio também para os familiares. As crianças que perdem as esperança de sobreviver vem para os Estados Unidos. Chegando aqui damos toda assistência para a criança e seus familiares. Construímos a primeira escola para as crianças estudarem, brincarem e fazerem quimioterapia o mesmo tempo. Me dedicando a esta organização percebi que poderia levar este mesmo módulo para o Brasil e ajudar a crianças saudáveis que querem uma oportunidade".


E Geralda emocionada conta sobre a missão da Love Together Brasil: "Eu, sou testemunha da seca no nosso sertão. E sempre tive o desejo de ver um sertão verde. E isto só poderia acontecer através da perfuração de poços artesianos.  Lembro que muitas vezes ia para a escola e era mandada de volta por falta D'água! Então coloquei como nossa missão levar água para serviços essenciais da região como hospitais, já são 3, comando da polícia, escolas, creches, e nas comunidades carentes e rurais. Com apoio de empresários já perfuramos 50 poços e queremos continuar até termos um sertão verde. Cheio de oportunidades!"


Fundou a ONG Love Togheter Brasil em 2014. A larga experiência que conquistou em organizações internacionais de solidariedade, e a agenda repleta de amigos influentes foram determinantes para o sucesso da LTB que já realizou muitos projetos no Brasil, com atuação mais forte no Sertão do Nordeste, nos Estados Unidos e Guyana. 


Sobre Sonhos e a força do #juntossomosmais


Geralda Sarraf sempre acreditou em seus sonhos para sua própria vida e também para as pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social, principalmente no sertão nordestino que sofre com a falta de água, saneamento e infraestrutura. 


Para Geralda - que conseguiu estudar e alçar vôos para Europa e Estados Unidos - poder contribuir com crianças e jovens da região na qual nasceu e onde estão sua mãe e irmãos é uma forma de fazer a sua parte por um mundo melhor e agradecer pelas oportunidades que teve até aqui. 


Geralda participa ativamente das ações da ONG, e nem parece que existe diferença de fuso horário, já que mora em Nova York. Quem a escuta falar sobre a Love Together Brasil se encanta com tanta emoção e empenho em fazer acontecer mudanças sistêmicas na região de sua família e em outros lugares também.  


Amir Slama que é um dos embaixadores da Love Together Brasil declara: "Conheci a Geralda em Nova York, há 5 anos, aproximadamente, apresentada pelo Dinho Batista. Desde o primeiro encontro com ela foi uma paixão muito grande pelo ideal, pela pessoa, pela luta dela com a Love Together Brasil. Abracei a causa de imediato. É uma pessoa que tem uma história de vida maravilhosa e um coração muito generoso. Poder trabalhar com ela, junto com ela é um privilégio, eu me sinto muito feliz".


E Cíntia Dicker, uma das madrinhas da ONG, destaca: "Eu conheci a Geralda através do Dinho e a energia logo bateu. A gente reconhece a energia boa de longe. Aí, depois, fui descobrir o trabalho dela, de onde ela veio, fui até Piancó para conhecer o lugar que ela tanto falava e me deu mais vontade ainda de ajudar ao ver aquela realidade de perto. A Geralda é que junta todos, que bota o amor Together nesse grupo. Eu sou muito grata por ter conhecido ela e poder fazer a diferença, ajudar essas pessoas faz toda a diferença na minha vida, graças a ela".


Love Together Brasil


A missão da Love Together Brasil é transformar a realidade de pessoas de baixa renda e concretizar sonhos. As ações objetivam proporcionar melhor qualidade de vida no sertão paraibano, que tradicionalmente sofre com a falta de água e com infraestrutura inadequada, bem como das comunidades periféricas, nas quais moram muitos nordestinos, em todo o Brasil. A ONG desenvolve projetos nas áreas de saúde, educação e geração de renda, além de ações emergenciais, assistência psicológica e construção de poços artesianos no sertão.


No momento a LTB conta com mais de 200 voluntários e mantém 62 projetos ativos. Já foram perfurados 50 poços artesianos que levam mais que água para o sertão, levam esperança em melhores condições de vida para a população local, são poços que possibilitam sonhos e união. 


Love Together Brasil


LOVE TOGETHER BRASIL na web

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo