ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

8/11/2020

Guimarães Rosa de um jeito que você nunca (ou)viu!

Divulgação/Global Editora

Do sertão para o fone de ouvido


Tocalivros e Global Editora lançam audiolivro de um dos clássicos da literatura nacional do maior escritor pós-modernista brasileiro: João Guimarães Rosa

Mitológico, regionalista, singular, inovador. João Guimarães Rosa dispensa apresentações. Sua obra e a sua reinvenção conseguiu ultrapassar as fronteiras das palavras que seguem vivas – mesmo depois de tanto tempo – no imaginário da narrativa do povo brasileiro. Nas bibliotecas, nas escolas, entre os leitores e, agora, também em ondas sonoras. A iniciativa de transformar as conversas do sertão sem fim em áudios é da Tocalivros, empresa brasileira que faz a magia literária de converter bibliotecas inteiras em megabites.

O mais novo lançamento da Tocalivros, em parceria com a Global Editora, é A Hora e Vez de Augusto Matraga, conto que encerra a obra Sagarana publicada em 1965 pelo mais importante escritor do pós-modernismo brasileiro. Nhô Augusto ganha vida na voz do ator Rubens Caribé, conhecido admirador da obra do romancista.

O personagem, que é a perfeita síntese do mandonismo local, vive o dilema universal entre o bem e o mal em um enredo surpreendente construído por Guimarães Rosa, que reflete sobre instintos, costumes e, claro, os dilemas da vida. Um dos maiores clássicos da literatura brasileira disponível onde e quando quiser na palma da mão e nos fones de ouvido.

A produção do audiolivro, desde os primeiros contatos com a editora até as horas incansáveis em estúdio de gravação, durou cerca de dois meses. No final, as 56 páginas do conto se transformaram em 2h10min de uma imersão literária e profunda experiência na obra de Guimarães Rosa – tanto para os leitores mais exigentes até para os que pretendem iniciar o contato com o autor.

“Houve um processo de leitura, entendimento do texto, pesquisa sobre a dialética e musicais, além, claro, da gravação, mixagem, masterização até o resultado final. Para nós, uma grande honra transformar essa importante obra em algo acessível a todos”, relata Clayton Heringer, produtor artístico da Tocalivros.

O audiolivro A Hora e Vez de Augusto Matraga, que também conta com a narração de Priscila Scholz, está disponível no aplicativo da Tocalivros, em iOS e Android na Apple Store e no Google Play. Além do site www.tocalivros.com.

SERVIÇO:
Título: Hora e Vez de Augusto Matraga
Autor: Guimarães Rosa
Narração: Rubens Caribé e Priscila Scholz
Duração: 02h09m27s 
Tamanho: 30.27 MB
Selo Editorial: Global Editora
Produção: Tocalivros Studios
Editora: Global Editora
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada
Link de venda: https://bit.ly/ahoraevez

Redes Sociais da Tocalivros:
Facebook | Instagram | Linkedin | Twitter 

Sobre a Tocalivros
Imagine ter conhecimento ou se divertir enquanto caminha, está no trânsito ou na hora de lavar a louça? Eles vieram para ficar e otimizar o seu tempo: os audiolivros da Tocalivros. E, o melhor, com essa comodidade que dá para “carregar” para onde quiser (no celular ou no computador), você desfruta de uma programação cultural e literária com mais de 2 mil audiolivros e 5 mil e-Books. São histórias envolventes com narradores profissionais por uma assinatura mensal que cabe no seu bolso: apenas R$ 19,90 por mês, bem menos de um real por dia. Pronto para viver essa experiência? Na Tocalivros você tem ainda 15 dias totalmente grátis. Audiolivros é na Tocalivros. Baixe o aplicativo disponível para iOS e Android. Mais informações no site www.tocalivros.com.

Sobre a Global Editora
A Global Editora é uma editora brasileira que reúne em seu catálogo obras de autores nacionais, como Câmara Cascudo, Cora Coralina, Manuel Bandeira, Ignácio de Loyola Brandão, Cecília Meireles e muitos outros. Faz parte do Grupo Editorial Global, que também compreende as editoras Gaia e Gaudí.

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo