ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

7/11/2020

Views:

Príncipe do Soul e da Solidariedade: Carlos Dafé promove live solidária para ajudar artistas e moradores de rua


É tempo de se cuidar, mas também de ajudar quem mais precisa. E a música tem o poder de alimentar a alma e o corpo. Ciente da força transformadora da arte, o lendário cantor Carlos Dafé, o “Príncipe do Soul”, teve a ideia de promover a “Live Solidária com Dafé”, que acontece sábado, dia 11 de julho, a partir das 19h30, em seu canal no Youtube. Parte do que for arrecadado será destinada a moradores de rua e a artistas que estão enfrentando dificuldades por causa da pandemia do novo coronavírus.   

- A pandemia afetou toda a cadeia produtiva da música e tem sido devastadora para diversos artistas, que ficaram privados de conseguir seu sustento com a quarentena. Sem shows, arrecadações de direitos autorais e bilheterias, a imensa maioria não está conseguindo virar esse jogo com outros meios, como as lives, por exemplo. Já as pessoas em situação de rua vivem um desalento ainda maior do que o enfrentado antes disso tudo. Estão encarcerados na solidão das ruas, passando fome e expostos a todo tipo de perigo. O nosso propósito é fazer a diferença nesse momento crítico e ainda de incertezas – explica Dafé.

Com o DJ Jr Félix, a banda Malandro Dengoso e diversas participações especiais, a live fará uma viagem pelo repertório de Dafé e outros clássicos da soul music brasileira, da qual é um dos pioneiros. A noite também será recheada de histórias da sua convivência com grandes ícones, como Tim Maia, Roberto e Erasmo Carlos. A iniciativa conta com o apoio de diversos nomes consagrados, como Tony Tornado, Mano Brown, Serjão Loroza, Gerson King Combo, Hyldon, Zeca do Trombone, Gabriel Moura, e da nova geração, como Théo Bial.   


Com mais de cinco décadas de carreira, Dafé é um dos artistas mais emblemáticos da música brasileira. Criador do gênero Samba Soul, quebrou barreiras e preconceitos sendo precursor, com Tim Maia, Hyldon, Cassiano, entre outros, do movimento da soul music no Brasil, conhecido como Movimento Black Rio, nos anos de 1970. Sucessos como “Pra que vou recordar o que chorei”, “A cruz”, “Tudo era lindo” e “De alegria raiou o dia” eternizaram o seu nome na história da MPB, além do título de “Príncipe do Soul”, cunhado por Nelson Motta. Em 2019, entre as diversas apresentações que fez, subiu ao palco do Rock in Rock para uma apresentação antológica com Mano Brown, Boogie Naipe, Bootsy Collins e Hyldon.

Para acompanhar a live, basta acessar o canal "Carlos Dafé Oficial": https://www.youtube.com/channel/UCyaqwqd6ODC1urFm5s4a91g    

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo