ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

6/29/2019

Inchaço facial: entenda o que causa e como evitar o problema


Dermatologista Dra. Paola Pomerantzeff dá dicas para prevenir o inchaço que surge no rosto ao acordarmos.

São Paulo – junho de 2019 - Não há quem já não tenha acordado com o rosto inchado pela manhã, mesmo após uma boa noite de sono. Isso por que, de acordo com a dermatologista Dra. Paola Pomerantzeff, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o problema não está relacionado a quantidade de tempo que dormimos durante a noite. “O inchaço matinal ocorre porque, durante o sono, nosso sistema linfático, responsável pela absorção e eliminação do líquido presente nas células, fica mais lento, o que leva a retenção de líquidos e, consequentemente, inchaço. Além disso, fatores como o consumo de bebidas alcoólicas, baixa ingestão de água, alimentação inadequada, posição de dormir e questões genéticas também aumentam as chances do nosso rosto inchar pela manhã”, explica a médica.

Mas, nestes casos, é possível diminuir e prevenir o inchaço através de alguns cuidados, sendo o principal deles o consumo de, no mínimo, dois litros de água por dia para ajudar a eliminar os líquidos retidos e a desinchar tanto a face quanto o resto do corpo. Com relação à alimentação, é importante aumentar o consumo de couve, brócolis, repolho, couve-flor, já que tais vegetais melhoram a eliminação de líquidos e toxinas, e ficar atento a quantidade de sódio nos alimentos, pois o excesso de sal favorece a retenção desses líquidos. “Quando a alimentação balanceada é aliada à prática diária de exercícios, os resultados são ainda melhores, pois a própria contração muscular exercida pelas atividades físicas contribui para a drenagem dos líquidos”, destaca a médica.

Outra dica para prevenir o inchaço pela manhã é evitar a pressão exercida no rosto durante o sono. Para isso, procure não dormir de bruços, já que é a opção que mais favorece o edema matinal do rosto, optando então por dormir de barriga para cima utilizando um travesseiro a mais para deixar a cabeça em uma posição elevada com relação ao corpo. “Para quem quer dar uma solução mais imediata ao problema a melhor estratégia é lavar o rosto pela manhã com água ou água termal gelada.  Isso por que a temperatura fria refresca e descongestiona a pele, além de promover uma diminuição dos vasos sanguíneos presentes no rosto, o que ajuda a eliminar o excesso de líquido na região”, recomenda.

De acordo com a especialista, pessoas que sofrem constantemente com o inchaço matinal podem optar também por fazer uma drenagem linfática no rosto, pois o procedimento ajuda a reduzir inchaços locais e generalizados através do estímulo do sistema linfático, promovendo assim o bem-estar geral do organismo. Porém, caso o seu rosto fique inchado de repente ou continue inchado por longos períodos de tempo é fundamental que você consulte um médico. “Isso por que o inchaço pode ser sinal de que há algo de errado com o seu organismo. Entre as causas médicas do edema facial estão problemas como alterações hormonais, filtragem inadequada do sangue pelos rins, efeitos colaterais de medicamentos, hipotireoidismo e até paralisia facial. Nestes casos, apenas o médico poderá realizar uma avaliação e dar o diagnóstico correto, indicando então o melhor tratamento para cada paciente”, finaliza a Dra. Paola Pomerantzeff.

DRA. PAOLA POMERANTZEFF: Dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), tem mais de 10 anos de atuação em Dermatologia Clínica. Graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina Santo Amaro, a médica é especialista em Dermatologia pela Associação Médica Brasileira e pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, e participa periodicamente de Congressos, Jornadas e Simpósios nacionais e internacionais. http://www.drapaola.me/
Rosemeire Barbosa- Estúdio Azul

Sobre a autora

Rosemeire Barbosa- Estúdio Azul - Natural e residente na cidade de Piracicaba, interior de São Paulo, formada em Magistério pela E.E.S.G. “Sud Mennucci” com habilitação para exercer a profissão de professora em 1996. Aprovada no Concurso Público de prova e Títulos para provimento de emprego de Professor do Ensino Fundamental em 14 de janeiro de 1999. Em 1 de fevereiro de 2001, foi contratada pela Prefeitura Municipal de Piracicaba, na pasta da Secretaria da Educação com habilitação para alunos do 1º ao 5º ano. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

MÚSICA LUSÓFONA

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil