ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

9 de janeiro de 2019

Dia 18 - MILTON NASCIMENTO EM JAZZ FUSION - Essa é a pulsante mistura do som que o guitarrista Fabio Rizental apresenta no Blue Note


O guitarrista Fabio Rizental revela a grande influência da turma do Clube da Esquina em seu trabalho no show que apresenta no Blue Note, no próximo dia 18, tendo como convidada a cantora Jane Duboc. “Noites de Minas –Tributo a Milton Nascimento” é o nome do espetáculo em que Rizental dá uma roupagem jazz fusion a canções que fizeram sucesso na voz de Milton Nascimento, como “Fé cega, faca amolada”, parceria de Milton com Ronaldo Bastos; “Tudo que você podia ser”, dos irmãos Lô e Márcio Borges; e “Idolatrada”, de Milton e Fernando Brant. Para o repertório, Rizental escolheu o que achava que soaria melhor na guitarra dele.

Essas releituras do repertório de Milton Nascimento estão no segundo CD de Fabio Rizental, “Noites de Minas”, em que incluiu também algumas composições próprias, mesclando jazz, rock, blues e ritmos latinos, e revelando todo seu virtuosismo na guitarra.

Para o show no Blue Note, Rizental contará com participação especial de Jane Duboc em sucessos como “Certas canções”, parceria de Milton com Tunai; “Para Lennon e McCartney” (Lô Borges / Márcio Borges / Fernando Brant); “Maria, Maria” e “Ponta de areia”, ambas de Milton com Brant.

Sobre Fabio Rizental

"Autêntico guitarrista de fusion latina". Assim se apresenta Fabio Rizental. Nascido no Rio de Janeiro, berço do samba e da bossa nova, ele transpira na guitarra as inspirações motivadas pelas obras de Tom Jobim, Milton Nascimento, Chico Buarque e de nomes do jazz, como Thelonious Monk, Duke Ellington e Chick Corea, acrescentando, de forma original, pitadas do rock de feras como Jeff Beck e Eric Clapton.

Formado em harmonia funcional pela Musiarte, no Rio de Janeiro, e em improvisação pela Berklee College of Music, em Boston (EUA) – maior faculdade independente de música do mundo –, Fabio formou duas bandas no final dos anos 1980 e trabalhou ao lado de artistas como Rosana, Leno & Lilian, Nico Rezende e Rosemary nas décadas seguintes.

Em 2013, Rizental lançou o primeiro trabalho da sua carreira solo, e tocou no Rock in Rio; repetindo a dose na edição do festival em Lisboa, no ano seguinte.

Em 2017, foi a vez de lançar o segundo álbum: “Noites de Minas”, em que emprestou sua técnica e seus toques da melhor fusion latina para o cancioneiro de Milton Nascimento e da turma do Clube do Esquina.

Sobre “Noites de Minas”

O álbum “Noites de Minas” foi gravado nos moldes vintage, no espaço Audio Rebel (Botafogo, Rio de Janeiro), sem nenhuma interferência eletrônica e com os instrumentos todos ao vivo, privilegiando assim o diálogo autêntico entre eles.

Como escreveu o jornalista e crítico musical Mauro Ferreira, “Rizental põe a técnica adquirida no toque da guitarra a serviço de música”. E faz isso com talento e propriedade em canções próprias e em sucessos do repertório de Milton Nascimento.

Neste CD, o guitarrista contou com o talento dos músicos Luís Makarra (bateria), Alexandre Berreldi (baixo), Paulo Renato Maciel (teclados) e Michel Nascimento (percussão); além da participação do músico e produtor Kassin e do compositor e principal parceiro de Milton, Wagner Tiso. Um luxo!

SERVIÇO:
Show Noites de Minas – Tributo a Milton Nascimento
Local : Blue Note Rio
Endereço: Av. Borges de Medeiros, 1424 - Lagoa, Rio de Janeiro
Data: 18 de janeiro
Horário: 20h
Ingressos : R$ 90 (inteira) e R$ 45 (meia)
Mais informações: (21) 3799-2500
Classificação: 18 anos
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook | Pode optar por Comentar via Facebook clicando aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES
clique para ver o perfil