Relações Iluminadas

Do Texto: Questione o que você tem oferecido às pessoas, para que elas gostem e queiram você.
Homem refletindo num mesa de esplada, tendo no seu coloco um jornal com o título REFLEXÃO.



Tenho um vizinho que me fala “bom dia” todos os dias


Por: Fernando Adas*

Família reunida para a passagem do ano.

TV ligada mostrando os fogos nas diversas cidades do mundo.

Já é 2023 em Sidney... fogos. Em Tóquio... fogos. Paris... Lisboa...São Paulo...fogos.

De repente, Gabriel, o neto de sete anos, opina: “Os fogos mais bonitos foram os de Londres”.

“Mas os da Alemanha tinham corações coloridos”, argumenta sua irmã Aurora.

E o pai, para encerrar a discussão e mostrar neutralidade, sentencia: “Todos são muito parecidos”.

De fato, o céu iluminado na noite do Réveillon é muito semelhante em qualquer lugar do mundo.

É claro que o teor emocional da festa, faz com que cada país julgue sua celebração mais bonita. Entretanto, na prática, as luzes e diferenciais são fugazes e efêmeros.

Após os fogos, um comercial de automóvel surge na TV, com a promessa de fazer o novo ano mais charmoso e veloz.

Fico pensando sobre esse diferenciais prometidos que, de alguma forma, assemelham-se aos fogos de artifício.

Charme e velocidade são prometidos por muitos automotivos.

Qual seria o diferencial único e exclusivo para determinada marca?

Você que me lê agora, qual o seu diferencial único como pessoa, como profissional, como cidadão, amigo ou vizinho?

Acredito que 2023 será diferente e melhor se pensarmos sobre isso. As empresas também.

Campanhas publicitárias surgem barulhentas e brilhantes, a todo momento. Prometem cores, brilho, chamam a nossa atenção com explosões promocionais.

Mas, após os dez minutos iniciais, o que entregam efetivamente?

Tenho um vizinho que me fala “bom dia” todos os dias.

Mal o conheço, não sei o que faz da vida nem em quem votou para presidente. Mas sou cumprimentado por ele, diariamente, e isso me deixa feliz. Este seu diferencial me motiva a conhecê-lo melhor, a comentar sobre sua atitude positiva e talvez esta seja um pista inspiradora para os nossos diferenciais.

Pense nisso, questione o que você tem oferecido às pessoas, para que elas gostem e queiram você.

Faça o mesmo às suas marcas, seus produtos e serviços.

Desta forma, sua comunicação vai brilhar e conquistar simpatias não apenas na noite do Réveillon, mas ao longo do ano todo.

❇❇❇

*Fernando Adas é fundador e diretor de planejamento e atendimento da Fine Marketing e autor do livro “O Safado, a Biscate e Eu: causos, cases e casos de um publicitário indiscreto”.  

Também pode ler:
Tags

Enviar um comentário

0 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !