Novo livro de Claufe Rodrigues reúne contos que desafiam a inteligência do leitor

No Bico do Corvo - Nos 16 contos desta obra, o autor Claufe Rodrigue passeia por diversos estilos literários, do gótico ao lírico, da tragédia à comédia, do realismo ao sobrenatural, alternando vozes e ângulos, invertendo sinais e plantando pistas ao longo da narrativa. O poeta-camaleão Claufe Rodrigues propõe um jogo em que, com muito humor e ironia, desafia a inteligência, aguça a sensibilidade e atiça a imaginação do leitor.

Obra recém-lançada é o 14º título do escritor, jornalista e compositor destaque na cena literária do Rio de Janeiro

Afinal, o que um jovem coveiro, um escritor frustrado, um psicanalista tarado, um cantor de bar, um par de detetives, uma solteirona safada, duas amigas descoladas, uma adolescente virgem, um presidente babaca e uma fofoqueira visionária têm em comum? Além do medo da morte? No Bico do Corvo, o 14º livro de Claufe Rodrigues, pode ser definido como uma fábula da vida real ambientada num país sem nome, onde caminhos se entrecruzam e se complementam, formando um mosaico de nossa época.

Nos 16 contos desta obra, o autor passeia por diversos estilos literários, do gótico ao lírico, da tragédia à comédia, do realismo ao sobrenatural, alternando vozes e ângulos, invertendo sinais e plantando pistas ao longo da narrativa. O poeta-camaleão Claufe Rodrigues propõe um jogo em que, com muito humor e ironia, desafia a inteligência, aguça a sensibilidade e atiça a imaginação do leitor.

Nas últimas décadas, o escritor, jornalista, compositor e autor da obra participou de alguns dos principais grupos de poesia do Rio de Janeiro, como Os Camaleões (1984 a 1987) e Ver o Verso (1999 a 2001). Ao mesmo tempo, desenvolveu uma prodigiosa carreira na TV brasileira, como diretor e apresentador de programas especiais sobre literatura.

Realizador nato, Claufe sempre organizou eventos literários, e continua apresentando seus shows de poesia e música em bienais, feiras de livro e casas de show por todo o país. Seu primeiro filme para cinema, o documentário “Faz Sol lá Sim”, foi lançado no final de 2020. O livro No Bico do Corvo foi lançado no Rio de Janeiro em novembro, com um show de música e poesia.

Sobre o autor
Escritor, jornalista e compositor, Claufe Rodrigues é autor de “Poesia - Uma onda engole a outra (1979)”, “O livro dos Camaleões (1985)”, “Borboletas não dão lucro (1990)”, “Poemas para flauta e vértebra (1994)”, “O arquivista (1995)”, “Amor e seus múltiplos (1996)”, “Ver o verso – em mãos (2000)”, “Escreva sua história (2004), O pó das palavras (2010)”, “Avdavida (2019)”. Ele também escreveu as prosas “Roman-se (2001)” e “Cachorras (2014)”.  Participou ainda da “Enciclopédia – 100 anos de poesia, um panorama da poesia brasileira no século XX”, organizada em parceria com Alexandra Maia (2000).
Tags

Enviar um comentário

0 Comentários
* Gostou do que leu, viu e/ou ouviu? Então, para completar, só falta o seu comentário. Se não gostou, comente também. O autor agradece.

buttons=(OK!) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !