Missão Paz lança o projeto Vozes e Olhares

Nesta quinta-feira (18), a Missão Paz, instituição parceira da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e que há mais de 80 anos atua no apoio e acolhimento de pessoas migrantes e refugiadas em São Paulo, fará o lançamento do Vozes e Olhares, série audiovisual que apresenta histórias de mulheres congolesas, filipinas e venezuelanas.
 

São nove vídeos com histórias de mulheres migrantes e refugiadas

Nesta quinta-feira (18), a Missão Paz, instituição parceira da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e que há mais de 80 anos atua no apoio e acolhimento de pessoas migrantes e refugiadas em São Paulo, fará o lançamento do Vozes e Olhares, série audiovisual que apresenta histórias de mulheres congolesas, filipinas e venezuelanas.

A série foi desenvolvida em parceria com o Feitos de Coragem, projeto audiovisual que registra histórias de migração. Ao todo serão lançados três vídeos documentais e seis animações, sendo que os lançamentos dos documentários serão feitos durante eventos online com a presença de representantes da Missão Paz, dos realizadores e das mulheres que protagonizam os episódios da série, debatendo questões de migração, refúgio e a realidade das mulheres dentro desse contexto.

“O objetivo da série é acolher, ouvir e apoiar as mulheres migrantes e refugiadas que corajosamente dividiram conosco suas histórias”, relata Clarissa Paiva, assessora de projetos da Missão Paz e idealizadora da série, além disso, “nosso desejo é que esses preciosos relatos de vida possam nos inspirar a criar novas realidades no contexto migratório”, complementa Pe. Paolo Parise coordenador da instituição.

Os vídeos documentais trazem as histórias de Hortense Mbuyi, da República Democrática do Congo, de Jona Acosta, das Filipinas e Rockmillys Basante, da Venezuela, que contam os motivos e os caminhos que as trouxeram ao Brasil. Os relatos explicitam os desafios, riscos e dores da migração e do refúgio, a saudade dos filhos e da família, a adaptação a uma nova cultura, os abusos sofridos no país de origem e no Brasil e a batalha por uma vida mais digna e feliz.

Já os vídeos de animação são baseados em depoimentos reais que foram adaptados e ganharam vida com as ilustrações da artista curitibana Katia Horn e as locuções de mulheres também migrantes e refugiadas dos mesmos países das que concederam os relatos originais. “Durante a etapa de pesquisa, coletamos dezenas de histórias emocionantes que foram registradas apenas em áudio. Decidimos, então, adaptar alguns desses depoimentos, criando roteiros e ilustrações que foram fotografadas e editadas com movimentos sutis e delicados”, conta Juliana Sanson, uma das realizadoras da série.

Todos os vídeos serão publicados ao longo dos meses de novembro e dezembro tanto no site e nas redes da Missão Paz quanto nas redes sociais do Feitos de Coragem.

Esse projeto tem como parceiras apoiadoras a Fundação Rosa Luxemburgo e a Fundación Avina e foi produzida pelos cineastas Juliana Sanson e Gustavo Castro, da produtora Fabulário Filmes, criadores do Feitos de Coragem que, desde 2019, realiza oficinas de Storytelling e Realização de Vídeos com migrantes e refugiados que vivem no Brasil.

SERVIÇO:

Lançamento da série – 18/11 – YouTube da Missão Paz com retransmissão no Facebook da Missão Paz.

Para saber mais acesse:

Instagram do Feitos de Coragem

Site do Vozes e Olhares  

Enviar um comentário

0 Comentários
* Só falta o seu comentário! O autor agradece.

buttons=(OK) days=(20)

Este site utiliza cookies para tornar a sua experiência melhor. Saiba mais
Accept !