Por que mães usam rabo de cavalo? Conheça o livro de Ana Boulos - Portal Splish Splash

Recentes

quinta-feira, junho 17, 2021

Por que mães usam rabo de cavalo? Conheça o livro de Ana Boulos

O livro de estreia da autora Ana Boulos, “Por que mães usam rabo de cavalo?”, publicado pelo Grupo Editorial Coerência, tem chamado a atenção do público. Com a proposta de trazer reflexão sobre o intenso trabalho que é ser mães de recém-nascidos, o livro vem agradando as mães do país.


O livro publicado pelo Grupo Editorial Coerência tem conquistado as mães brasileiras com suas crônicas sobre maternidade


O livro de estreia da autora Ana Boulos, “Por que mães usam rabo de cavalo?”, publicado pelo Grupo Editorial Coerência, tem chamado a atenção do público. Com a proposta de trazer reflexão sobre o intenso trabalho que é ser mães de recém-nascidos, o livro vem agradando as mães do país.


Ana Boulos, que também é autora de “Ela é minha irmã”, pela editora Máquina de Escrever, encontrou na escrita uma nova forma de se expressar após o nascimento de sua primeira filha. Advogada pública, é especialista em diferentes áreas, desde neurociência à psicologia e escrita criativa. No momento, tem o intuito de compartilhar reflexões e aprendizados com base em seus estudos em desenvolvimento infantil, autoconhecimento e psicologia positiva.

 

Para quem está disposto a entender melhor o universo da maternidade, “Por que mães usam rabo de cavalo?”, de Ana Boulos, é a pedida certa.


Sinopse: Você já se perguntou por que mães de recém-nascidos usam rabo de cavalo? O  puerpério, assim como os meses que se seguem a ele, é de intensa transformação na vida de uma mulher. No início, a energia se volta para sobreviver aos dias e noites intensos de cuidados com o recém-nascido. Depois dos famosos quarenta dias de resguardo, uma nova etapa de adaptações e redescobertas se reinicia. Por que mães usam rabo de cavalo? traz a visão para esse despertar pós-maternidade através da voz de diferentes mães.


Sobre a autora: Ana Boulos nasceu na capital de São Paulo em uma grande família na qual a figura materna sempre teve destaque. Amante dos livros, apesar da sua formação acadêmica e seu cargo como Advogada Pública, nunca deixou a seriedade da rotina sumir com seu olhar curioso e criativo. Com o nascimento de suas filhas, iniciou um processo de realinhamento pessoal, encontrando a coragem de exercer sua verdadeira paixão, contar histórias, de forma profissional. Seu livro de estreia como escritora é uma homenagem a todas as mães, que assim como ela, reinventaram suas vidas após a maternidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário