RC EM DESTAQUE

quarta-feira, fevereiro 10, 2021

Sobre ter sorte

Temos a falsa ideia de que algumas pessoas nascem “com sorte” e outras, por mais que tentem, “são azaradas”.


Por Prof. Paulo Lopes


“- Você viu a sorte dele(a)? Foi promovido(a) ao cargo de gestor(a)!”


Temos a falsa ideia de que algumas pessoas nascem “com sorte” e outras, por mais que tentem, “são azaradas”. 


Acredito que a definição mais precisa para sorte é: você estar no lugar certo, na hora certa, preparado e com a mente aberta a novos desafios. 


O acaso apenas poderá ajudá-lo nos quesitos: estar no lugar certo e na hora certa, pois estar preparado e com a mente aberta a novos desafios depende somente de você.  Então vamos fazer acontecer os 50% que dependem de nós.


Se você deseja sucesso na sua carreira profissional busque conhecimento, leia muito, conviva com pessoas de sucesso para ativar o seu mindset de crescimento e coloque em prática essas lições no seu dia a dia. 


Quando a “sorte” lhe bater a porta você estará preparado para assumir a responsabilidade. 


O autoconhecimento e automotivação devem estar plenamente desenvolvidos para que você tenha consciência de suas forças e oportunidades e motivado a aceitar os novos desafios.

 

O psicólogo inglês Richard Wisemann, da Universidade de Hetfordshire, desenvolveu uma pesquisa sobre como as pessoas se relacionavam com a sorte e chegou aos 4 princípios da boa fortuna.


-O primeiro deles indica que devemos aumentar as oportunidades, pois “pessoas com sorte” estão abertas a explorar todas as oportunidades que lhes são ofertadas;  

-segundo princípio sugere que devemos “ouvir os pressentimentos”, isto é, confiarmos nas pessoas certas por intuição; 

-como terceiro princípio, sugere que devemos contar com a sorte, ou seja, estarmos constantemente com o pensamento positivo e abertos a novas possibilidades; 

-por fim e talvez o mais importante, é o que sugere que transformemos o azar em sorte. Utilizarmo-nos do “azar” como lições aprendidas para não incidirmos nos mesmos erros.


A sorte que buscamos está a nossa espera, só depende de nós encontrá-la.  

 

“Eu acredito demais na sorte. E tenho constatado que, quanto mais duro eu trabalho, mais sorte eu tenho” (Coleman Cox) 


*Professor Esp. Paulo Lopes
- CREF:3080 G/RS
- Graduado em Educação Física (UFRGS 2001)
- MBA em Gerenciamento de Projetos (UNILASALLE 2015)
- Pós MBA em Inteligência Emocional nas Organizações (UNILASALLE 2019). Leia Mais sobre o autor...
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Fraga Bittencourt - Redatora do Portal Splish Splash.Leia Mais sobre a autora...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo