Novidades

segunda-feira, dezembro 14, 2020

Amigos do Bem é eleita melhor ONG do Brasil. 75 mil pessoas são beneficiadas por mês no sertão nordestino

Considerado um dos prêmios mais conceituados do terceiro setor, o Instituto Doar reconhece as 100 melhores ONGs do Brasil


Considerado um dos prêmios mais conceituados do terceiro setor, o Instituto Doar reconhece as 100 melhores ONGs do Brasil


A ONG Amigos do Bem é eleita a melhor organização do terceiro setor pelo prêmio Melhores ONGs de 2020 do Instituto Doar. Promovido pelo quarto ano consecutivo, o prêmio teve 670 inscritos e reconhece as 100 melhores instituições. Trata-se do maior prêmio e reconhecimento do terceiro setor. 


“Há 27 anos, atuamos no sertão nordestino, a região mais carente do nosso país. Estamos muito felizes com este reconhecimento, mas o nosso maior prêmio é ver a transformação na vida de milhares de pessoas. Agradeço aos nossos apoiadores e mais de 10.000 voluntários que seguem conosco nesta estrada do Bem”, comemora Alcione Albanesi, fundadora e presidente da Amigos do Bem.


A Amigos do Bem promove mensalmente o desenvolvimento de mais de 140 povoados isolados no Nordeste (Ceará, Alagoas e Pernambuco).  A instituição nasceu em 1993 e hoje atende 75 mil pessoas do sertão com projetos contínuos de Educação, Trabalho e Renda, Água, Moradia e saúde. Hoje, mais de 25 milhões vivem em estado de extrema pobreza, por conta das condições climáticas (altas temperaturas e seca), e com um dos menores Índices de Desenvolvimento Humano do Brasil.


“Esta miséria secular no sertão só irá mudar com a intervenção humana, por isso criamos diversos projetos para gerar oportunidades e promover uma mudança efetiva. ”, conta Alcione.


Durante a pandemia, foi acionado o Plano de Ação Emergencial da Instituição. Mais de 1 milhão de pessoas de 300 povoados foram beneficiadas com: 172 mil Cestas Básicas para famílias do Sertão; abastecimento de 352 milhões de litros de água distribuídos; 180 mil atividades pedagógicas entregues para as crianças nas comunidades; 387 mil kits de higiene nos povoados; e apoio aos hospitais locais com insumos e equipamentos.


Para o Natal, na semana do dia 20 de dezembro, voluntários de São Paulo viajarão para o sertão para levar recursos para mais de 150 mil pessoas. O trabalho é realizado com todo o cuidado necessário durante a pandemia.


Principais realizações do projeto:


.75 mil pessoas atendidas mensalmente de forma contínua;

.140 povoados atendidos todos os meses;

.10 mil crianças e jovens nos 4 Centros de Transformação;

.180 mil refeições servidas todo mês para as crianças dos Centros de Transformação;

.1.100 empregos gerados no sertão (Plantações, Fábrica de Beneficiamento de Castanha de Caju, Oficinas de Costura e Artesanato, Fábrica de Doces e Mel e Educadores e postos administrativos);

.10.300 voluntários ativos;

.123 cisternas para levar água à população;

.50 poços artesianos perfurados;

.Mais de 540 casas construídas;

.Mais de 187 mil atendimentos médicos e odontológicos no último ano;

.Mais de 500 bolsas de estudo para faculdade;

.Mais de 845 milhões de litros de água distribuídos por ano. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário