LightBlog
>

ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

6/08/2020

Série Animais Bebês estreia na TV Brasil com filhotes adoráveis nesta terça (9/6)

Animais Bebes Felinos-Crédito-Divulgação TV Brasil

Produção documental do canal Love Nature inicia com desafios para os gigantes da natureza


Os primeiros passos de encantadores filhotes do reino animal na vida selvagem são revelados na série documental Animais Bebês que a TV Brasil exibe a partir desta terça (9), às 20h30. A produção internacional acompanha irresistíveis bichinhos recém-nascidos em suas primeiras semanas ao ar livre.

Em sete episódios de 23 minutos, o seriado original da emissora Love Nature mostra o desenvolvimento dessas minúsculas criaturas incríveis que, mesmo desajeitadas, têm energia de sobra. A obra audiovisual também tem janela na telinha da TV Brasil para todo o país à 0h30 de terça (9) para quarta (10).

O programa de estreia destaca os desafios para os animais de grande porte da floresta que já começa no nascimento dos bebê com dimensões enormes. Elefantes, rinocerontes, primatas e búfalos têm alguns dos filhotes mais imponentes. Esses mini gigantes cativam pela pitoresca alegria de viver.

Raposas do Ártico, lontras marinhas, macacos sagazes e pandas vermelhos são apenas algumas dos seres que demonstram muita fofura em seu habitat natural registrados pela câmera da produção canadense em sequências exuberantes. Com olhos grandes e aguçados por crescer, os novatos da selva são admiráveis.

A série mostra animais alimentando seus apaixonantes filhotes como leões, primatas e marsupiais. Todos os pequenos comem, dormem e brincam até o desenvolvimento para a idade adulta. Os documentários destacam as etapas desse crescimento e os perigos que a natureza impõe às diversas espécies.

Animais Bebes Animais Primatas-Crédito-Divulgação TV Brasil
SERVIÇO:
Animais Bebês – terça-feira, dia 9/6, às 20h30, na TV Brasil
Animais Bebês – terça-feira, dia 9/6, para quarta-feira, dia 10/6, à 0h30, na TV Brasil

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo