ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

10/16/2018

Antimatéria: música experimental e de vanguarda estrela cinco dias de festival no Rio


Evento acontecerá em diversos lugares da cidade com nomes destaque do mundo inteiro

Ocupando diversos pontos da cidade com uma música livre e vanguardista, o festival Antimatéria chega em mais uma edição entre os dias 30/10 e 3/11 com atrações gratuitas e shows pagos. A produção é do Quintavant/QTV e da Audio Rebel, responsáveis por alguns dos principais eventos do gênero na cidade.

No primeiro dia, o saxofonista alemão Peter Brötzmann e seu trio Full Blast sobem ao palco do Teatro Glauce Rocha, às 20h.  Brötzmann é um dos precursores do gênero na Europa e já soma uma trajetória de mais de 50 anos na música. A energia com que extrai sons ásperos do saxofone e a fluidez com que improvisa e amplia sua paleta de timbres se tornaram marca registrada de seu trabalho. Na apresentação, o Full Blast lançará o disco “Rio”, gravado ao vivo na Audio Rebel durante a última turnê da banda no Brasil. 

Eles dividem noite com o guitarrista, compositor, arranjador e produtor musical Marcos Campello. Com o trio Chinese Cookie Poets, ele lançou quatro álbuns e tocou em vários países. Campello dedica-se também ao duo Lofisofia que tem dois álbuns lançados; o trio com a saxofonista austríaca Franziska Schroeder e o baterista Renato Godoy, que tem o álbum 'Barely Cool” lançado pelo selo europeu pfMentum; o duo OCO, com o compositor e pianista J.-P. Caron, que tem dois discos lançados pelo selo Seminal; e seu trabalho de guitarra solo, com o álbum “Bamsa”. 

No dia 31, o Antimatéria vai para Botafogo, onde a força da mulher negra se impõe com o spoken word da americana Moor Mother e o show Anganga, parceria entre Juçara Marçal e Cadu Tenório. Os shows começam às 20h.

Moor Mother é um projeto de música experimental da musicista e poeta americana Camae Ayewa. Autodescrita afrofuturista, ela usa o som para reformular conceitos de memória, história e futuro em uma tradição afrodiaspórica.  Seu álbum de estréia, “Fetish Bones”, foi nomeado um dos melhores álbuns experimentais do ano pelas revistas americanas Rolling Stone e Pitchfork, além de um dos melhores álbuns do ano pela revista inglesa The Wire.

Já o show apresentado por Juçara e Cadu será baseado no disco “Anganga”, um verdadeiro estudo sobre a ancestralidade na música brasileira. Nomeado a partir da entidade suprema do povo bantô, o show reúne vissungos recolhidos por Aires Da Mata Machado Filho em São João Da Chapada, município de Diamantina (MG), além de cantos do congado mineiro.

No dia 01, o festival vai rumo ao subúrbio: capitaneado pelo Footwork da cena de Chicago do americano DJ Earl, destaque nos eventos de música eletrônica experimental do mundo todo. A noite vai contar ainda com: Iasmin Turbininha, nome destaque da renovação do funk carioca, o trabalho de Wallace Função e da Pista Delta — combo que reúne Tantão e Os Fita, DEDO e Los Carlos. Tudo isso de graça a partir 20h na Void Madureira. 

No feriado de finados, instrumentos inventados e técnicas expandidas são destaque em mais um dia de atrações gratuitas no Parque Lage. A Escola de Artes Visuais é o ambiente para a apresentação do trio carioca Chelpa Ferro em parceria com o guitarrista canadense Alex Durlak. O cuiqueiro Paulinho Bicolor se apresenta com os instrumentos inventados pelo pioneiro Panda Giafratti. A rabeca de Thomas Rohrer se encontra a música espectral de Bella. Completam a noite a “música de ruídos” politizada de God Pussy e as máquinas abstratas de Gabriela Mureb. As apresentações começam às 16h.

No último dia, às 19h, a Audio Rebel volta a receber apresentações. O baterista anglo-norueguês Paal Nilssen-Love mostra o motivo de ser um dos instrumentistas mais importantes do mundo do free jazz. O baterista e percussionista é reconhecido pelas apresentações cheias de vida, seja ao lado de grandes improvisadores ou acompanhado pela banda Large Unit. Nascido na Noruega, o artista apresenta toda a potência da sua técnica e sonoridade ao lado de Kiko Dinucci, um dos principais novos nome da guitarra brasileira, conhecido por seu trabalho com o Metá Metá e Passo Torto. 

A ligação de Nilssen-Love com o Brasil é forte, tendo gravado dois discos no país, como “Scarcity” e “Botafogo”; e sido influenciado por Luiz Gonzaga, Milton Nascimento e Pedro Santos. Traz no currículo o trio The Thing, com quem lançou o disco “The Cherry Thing”, ao lado da cantora Neneh Cherry. Outros projetos incluem Brotzmann/Gustafsson/Nilssen-Love, Butecher/Nilssen-Love Duo, Peter Brotzmann Chicago Tentet e Vandermark/Nilssen-Love Duo.

Guitarrista das bandas Metá Metá e Passo Torto, Kiko Dinucci segue em uma aventura sem fim no mundo da música. No álbum solo “Cortes Curtos” mostra que é possível unir gêneros distintos como o samba e o punk, e agora, em parceria com Nilssen-Love, faz mais uma combinação inusitada de ritmos. Dinucci é também conhecido no meio por participações e colaborações, como “A mulher do fim do mundo”, de Elza Soares, e “Encarnado”, de Juçara Marçal, além de colaborar nos álbuns “Vira lata na via láctea”, de Tom Zé; “Nó na Orelha” e “Procure seu Buda”, de Criolo; e ainda no álbum “Dancê”, da cantora Tulipa Ruiz.

Além desse show em dupla, a casa ainda receberá a performance de Eduardo Manso. O músico tem como principal instrumento a guitarra, com a qual explora uma extensa gama de timbres, que vão desde delicadas paisagens sonoras até texturas mais pesadas e abrasivas. Já acompanhou diversos artistas (como Negro Leo, Gilberto Gil, Jonas Sá, Tono e Nina Becker) em apresentações por diversos lugares no Brasil e no exterior. Atualmente faz parte dos grupos Bemônio e Meia Banda.

Fecha a programação o laureado show “Action Lekking”, de Negro Leo. Sétimo disco do cantor, esse trabalho é um retrato do Brasil pós-processo de transferência de renda. Para ilustrar essa ideia, o músico utilizar da cultura “lek”, definida pelo mesmo como “a cultura de uma juventude empobrecida que dribla e resiste cada situação com suingue e alegria”. Ao lado do músico maranhense estará o saxofonista Thiago França, do Metá Metá, Sambanzo e da Espetacular Charanga do França.

PROGRAMAÇÃO

Full Blast [Brötzmann / Pliakas / Wertmüller] + Marcos Campello
DIA: 30/10 (terça-feira) 
LOCAL: Teatro Glauce Rocha 
ENDEREÇO:
HORÁRIO: 20h
PREÇO:
Antecipado: R$25 (meia ou1 Kg de alimento) / R$50 (inteira) 
Somente online pelo site: 
No dia: R$30 (meia ou 1 Kg de alimento) / R$60 (inteira)

Moor Mother + Juçara Marçal / Cadu Tenório: Anganga 
DIA: 31/10 (quarta-feira) 
LOCAL: Audio Rebel 
ENDEREÇO:
HORÁRIO: 20h
PREÇO:
Antecipado: R$25 (meia ou1 Kg de alimento) / R$50 (inteira)
Somente online pelo site: 
No dia: R$30 (meia ou 1 Kg de alimento) / R$60 (inteira)

DJ Earl + Iasmin Turbininha + Pista Delta [Tantão e os Fita / DEDO / Los Carlos] + Wallace Função
DIA: 01/11 (quinta-feira) 
LOCAL: Void Madureira 
ENDEREÇO:
HORÁRIO: 20h
PREÇO: Grátis

Chelpa Ferro / Alex Durlak + Paulinho Bicolor / Panda Gianfratti + Bella / Thomas Rohrer + Gabriela Mureb + God Pussy
DIA: 02/11 (sexta-feira) 
LOCAL: Parque Laje 
ENDEREÇO:
HORÁRIO: 16h
PREÇO: Grátis

Paal Nilssen-Love / Kiko Dinucci + Negro Leo “Action Lekking” part. Thiago França + Eduardo Manso
DIA: 03/11 (sábado) 
LOCAL: Audio Rebel 
ENDEREÇO:
HORÁRIO: 19h
PREÇO:
Antecipado: R$25 (meia ou 1 Kg de alimento) / R$50 (inteira) 
Somente online pelo site: 
No dia: R$30 (meia ou 1 Kg de alimento) / R$60 (inteira)

FICHA TÉCNICA

Produção: Mariana Mansur, Bernardo Oliveira, Pedro Azevedo e Luan Correia
Curadoria: Pedro Azevedo e Bernardo Oliveira
Concepção visual: Lucas Pires e Lucas Guimarães
Som: Pedro Azevedo, Renato Godoy e Luan Correia
Booking nacional: Audio Rebel/Desmonta/Alavanca
Booking internacional: Harmonipan/Flotar

PRODUÇÃO
Audio Rebel
Quintavant / QTV

APOIO

Red Bull
Budweiser
CONVERSE
Void
Goethe-Institut Rio de Janeiro
Pro Helvetia

APOIO CULTURAL

Alavanca
Build Up Media
Comuna
DESMONTA
Parque Lage | Escola de Artes Visuais
Funarte
Flotar
Harmonipan
New Design

AGRADECIMENTOS

Alvaro Domingues, Amanda Cavalcanti, Andreia Alves, Bruno Negrão, Daniel Duarte, GG Albuquerque, Gildeta Matta, João Cassotti, João Paulo “Binos” Franklin, Juci Reis, Julliana Araújo, Keyna Eleison, Konstantin Trost, Leila Dantas, Luciano Valério, Marcos Thanus, Maria da Graça Mansur, Marino Pliakas, Maya Suemi, Paco Barba, Pedro Perdigão, Pâmela Leme, Renata Bastos, Sérgio Allisson, Sergio Roballo, Sylvio Fraga, Ulisses Carrilho, Vera Besteiro.
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil